How I Met Your Mother 7x08: The Slutty Pumpkin Returns

quarta-feira, novembro 02, 2011




A decepcionante volta da Slutty Pumpkin.

Nem Katie Holmes, nem Slutty Pumpkin, nem Halloween, nem Barney lutando contra seu lado canadense conseguiu salvar este episódio de How I Met Your Mother. É impressionante como a série que começou até que bem a sua sétima temporada vem derrapando já há alguns episódios. Na minha opinião, o grande problema da série é o desgaste dos personagens, por mais que os roteirista se esforcem, tudo parece desconexo e mal aproveitado. Isto fica ainda mais evidente se tentarmos comparar este episódio com o primeiro especial de Halloween da série. Só de lembrar, já consigo dar risada das fantasias de Barney, do descaso da Robin com o namorado e do esforço de Lily e Marshall para ganhar o concurso de fantasias. Mas a maior frustração é saber que na primeira temporada toda a história da Slutty Pumpkin conseguia ser interessante, o que já não acontece mais. Hoje, não consigo sequer entender as motivações de Ted. O personagem é hoje um completo, simplesmente porque o roteiro continua adiando o encontro com sua futura esposa. Assim, a série segue correndo atrás do próprio rabo sem sair do lugar e mantendo um mistério que não é mais interessante. Sério, alguém se importa com quem é a mãe do título da série? Eu perdi o interesse por esta questão há muito tempo. Além de tudo isso, a participação de Katie Holmes foi completamente estranha, me pareceu que a atriz estava desconfortável e acabou criando uma personagem completamente artificial.     

Outro ponto em que a série vem pecando há um bom tempo é em trazer situações completamente forçadas e repetir a mesma piada durante um episódio inteiro. A trama de Marshall e Lily foi completamente retardada, sem graça e até incoerente. A burrice gerada pela gravidez foi muito desnecessária e não rendeu nenhum bom momento. Nem mesmo Lily dando vinho para um monte de crianças conseguiu ser engraçado.

Única coisa que se salvou neste episódio foi o plot de Robin e Barney, os dois personagens continuam a ter uma química excelente, rendendo bons momentos. Barney lutando contra seu ¼ canadense poderia até ter rendido mais, porém foi responsável pelos únicos momentos interessantes do episódio. A atuação de Neil Patrick Harris foi excelente, conseguindo expressar a tristeza do personagem ao descobrir que é parte canadense e criando duas versões  bem engraçadas de si mesmo na cena final do episódio.

Ficamos aguardando uma melhora na qualidade desta série que já nos divertiu tanto.   

Talvez Você Curta

1 comentários

  1. NPH está afinado demais, acredito. Ao mesmo tempo o resto do elenco parace muito desafinado. Só Cobie que melhorou a interpretação durante os anos, Robin e Barney agora se tornam um casal coerente e aceitável.

    Gostei dos seis primeiros episódios. Há duas temporadas HIMYM não começava tão bem. Aí teve Noretta que foi regular e esse que só vale por Robin e Barney. A falta de movimento na trama de Ted é algo chato de acompanhar e sem parceiras estáveis o personagem só brilhou nessa temporada quando atua junto de NPH. De resto foi um chatice só.

    ResponderExcluir

Fala aí, seuslindos!

Disqus for Seriadores Anônimos

Subscribe