Modern Family 3x06/07: Go Bullfrogs/Treehouse

segunda-feira, novembro 07, 2011


Foi clichê, mas valeu a pena.

Sou meio suspeito para falar, mas adoro quando tem aqueles plots sentimentais entre pai e filha, do jeito que teve no sexto episódio de MF. Pode ser clichê, mas tem algo no momento em que o pai percebe que a filinha cresceu que me deixa bem com um coração bem mole, diferentemente do que geralmente sinto.

Sabemos do relacionamento divertidíssimo e super grudento que Phil e Luke tem, mas foi ótimo que ele finalmente passou um tempo com a filha mais velha. Fiquei impressionado que Haley foi capaz de 'ler' o pai o bastante para perceber que ele estava morrendo de vontade de ficar com ela depois do jantar. Ao invés de imediatamente ir embora para andar com pessoas da faculdade, ela fica até ele deixá-la ir. Em casa, Hayley geralmente é bastante egoísta e insensível, então foi lindo ver outro lado da personagem, um lado mais maturo.

Gloria também estava meio apreensiva com a possibilidade de Manny também estar crescendo. Ela não estava superando o fato que ele estava guardando aquele 'pacote' dela, guardando um segredo. Jay foi simplesmente honesto sobre as coisas que crianças com a idade de Manny poderiam estar interessado, mas ele não parecia muito interessado ou preocupado sobre o que Manny realmente estava fazendo com aquele pacote. Jay estava bastante concentrado na novela colombiana para se importar. Foi ótima a cena em que ele dava seu parecer sobre a novela enquanto Gloria estava falando demais sobre Manny.

Enquanto isso, com o marido e as crianças longe, supos que Claire iria fazer um programinha calmo, em casa. Mas não, ela levou Cam e Mitch para uma noite louca de diversão na cidade. Sem contar que eu amei a reação de Claire ao descobrir que Julian não era gay: 'Meu Deus. E eu realmente fico bem nesse vestido?', coisas de Claire mesmo, também tendo uma super meltdown na frente das colegas do colegial. Ela nem se importou tanto com o fato de Julian ter ajudado ela no provador. O que ela realmente estava irritada foi com o fato de que ela tinha gastado uma ótima noite com um cara que nem era gay.

No sétimo episódio, Phil tentou de tudo para que Luke tenha também muita vontade de ter uma casa na árvore, passando o episódio inteiro tentando construi-la. O pior de tudo é que Luke não tem nenhum interesse MESMO na casa da árvore. Mesmo não querendo admitir, Phil estava construindo a casa para ele mesmo, para superar as velhas amizades que tornaram-se bem distantes.

Mesmo ter perdido uma casa na árvore, Phil acabou fazendo um amigo: Andre, o vizinho de 8 anos. Estou ansioso para ver os dois se aventurando pelo bairro, já que Phil nunca interage com mais ninguém além dos caras da família da esposa dele.

Shorty tambem retornou, agora com sua namorada. Sem contar que isso deixou Gloria preocupadíssima, pois percebeu que enquanto os outros dois estão vivendo um vida boêmica, ela e Jay passam quase toda noite em casa mesmo. Todos sabem agora que Jay é um péssimo dançarino. Felizmente, o ectasy falso de Mitch foi tudo que ele precisou para perder o medo e a ansiedade daquele momento. Foi lindo ele aparecendo na boate e ter dançado loucamente com Gloira.

Meu plot favorito do episódio foi a aposta womanizer entre Cam e Mitch. Leslie Mann apareceu na série e sua personagem se chamava Katie, a mulher que Cam deu em cima para mostrar para Mitch que ninguém consegue perceber que ele é gay.

Hilário a parte em que Katie decide salvar a cara de Cam e foi uma das coisas mais engraçadas que já vi em um bom tempo. A cara que Mitch fez quando Katie soltou 'ele é tipo, a pessoa menos gay que eu já conheci na minha vida inteira!' foi algo sem preço e não consegui parar de rir depois que ela deu um beijo apaixonado em Cam e ainda pergunta se ele tinha certeza que ele era gay e ele responde 'NÃO'. Insanamente divertida toda aquela sequência. Cam, eu não me importo se ela só queria te usar para conversa de garotas, compras e ver filmes da Julia Roberts. Eu amei ela e quero que você vire logo o amigo gay dela!

Claire sempre tem as melhores soluções, levando Hayley para o meio do nada e deixando-a lá. Com isso, foi um ótimo castigo para uma adolescente super desagradecida e também serviu como inspiração para a redação de Hayley. Os Dunphy sempre são ótimos estrategistas.

Talvez Você Curta

1 comentários

  1. Esses dois episódios foram ótimos. O 3x06 por exemplo, por mostrar que a Haley tem outros lados, que ela não é imatura e pela backstory da faculdade (a Claire não acertando o nome do time, foi ótimo); e o 3x07, só por uma cena ele já ficou marcado pra mim (quando o Andre diz que ele mora ali faz 8 anos, a cara do Phil é impagável). Tomara que o resto da temporada continue assim, mas pelo menos a série tá se saindo bem melhor que community.

    ResponderExcluir

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe