Californication 5×02: The Way of the Fist

quarta-feira, janeiro 18, 2012


Californication é diversão certa! Só não podemos falar que é para a família toda, não é mesmo?

Sempre que termino de assistir Californication fico com aquela sensação de satisfação. Foram muito raros os episódios da série que não gostei ao decorrer dessas 5 temporadas. Posso falar com segurança que o episódio dessa semana não foi um deles.

Tenho que confessar que tomei um baita susto quando começou o episódio e vi Hank transando com a Kali, a namorada do Samurai Apocalypse. Me surpreendi porque não imaginava que isso fosse ocorrer tão cedo. Quando o Samurai Apocalypse apareceu fiquei mais assustado ainda e cheguei a pensar que Hank tinha se dado mal de verdade. Tudo fez sentido para mim quando ele sacou o rifle e começou a atirar no Hank, pois tudo no final das contas não se passava de mais dos sonhos bizarros de Hank.

Até agora Hank parece estar bem decidido a não trabalhar no “Santa Monica Cop”. Samurai Apocalypse parece não querer desistir de Hank e faz tudo ao seu alcance para convencê-lo a trabalhar para ele. Até mesmo mostrar como ele conduz os seus trabalhos, apesar de acreditar que isso acabou reforçando ainda mais a decisão de Hank de não aceitar o trabalho. Para ser sincero, acredito que Hank vai acabar cedendo cedo ou tarde e escrevendo o tal filme, mesmo não tendo o menor interesse no assunto.

Runklezinho mostra mais um sinal de sua perturbação psicológica. Além de ter 2 anos e meio de idade e ainda não conseguir falar, ele agora coloca seu pênis para fora e começa a se masturbar na frente de uma amiguinha na escola, Ava. Acredito que esse menino ainda vai nos mostrar uma infinidade de problemas. Me surpreenderia se ele não tivesse nenhum problema e crescesse uma criança normal.

Quando vi que Charlie foi pedir desculpas para a mãe de Ava, imaginei logo de cara que ia acabar acontecendo alguma coisa estranha. Imaginei que ele fosse acabar transando com ela ou resultando em um encontro. Achei o máximo quando ela pediu para ele se masturbar na frente dela enquanto falava bizarrices. A cara do Charlie doidão gostando da sacanagem foi a melhor. Achei super engraçado quando a babá Lizzie pegou eles lá na cozinha e o Charlie continuou com o ato. No final de contas esse pedido de desculpas incomum acabou rendendo uma babá nova para o Runklezinho, Lizzie, que acabou sendo demitida pela mãe da Ava depois de ter presenciado tudo.

Tyler parece não se importar em querer conseguir aprovação de Hank, pelo contrário, fica lhe provocando e desafiando, pois sabe que Becca está do seu lado e que Hank fará de tudo para não magoá-la. Hank chega a ver ele em um bar com outras garotas e mesmo assim ele tem a petulância de desafiá-lo. Quando vi que Hank não fez nada com o Tyler e contou para o Samurai Apocalypse o que estava acontecendo, tive certeza na hora que os amigos dele iam acabar se metendo na história e dar uma surra no Tyler.

Fiquei perplexo com Hank por não ter contado para Becca que viu Tyler no bar com outras garotas, como que querendo protegê-la da situação para não magoá-la. Particularmente fiquei agoniado com essa situação. Hank é mais do que experiente nesse tipo de assunto. Tá na cara que a Becca vai acabar tendo muito problema com Tyler e seria muito melhor para ela se soubesse quem ele é o quanto antes. Acredito que quanto mais se estender essa situação, pior será para ela.

Destaques memoráveis do episódio:

- Hank acordando do pesadelo com a Kali e o Samurai Apocalypse e perguntando para o Charlie se ele estava chupando ele.

- Charlie se masturbando para a mãe da Ava na cozinha e sendo pegos pela babá.

- Lizzie enxugando as lágrimas no papel que Charlie havia se limpado da masturbação após terem saído da casa da mãe da Ava.

- Um dos amigos do Samurai Apocalypse sendo baleado a troco de nada em uma briga no estúdio durante a gravação da Kali.

E você, o que achou desse episódio? Não deixe de comentar.

@dncavalcanti

Talvez Você Curta

3 comentários

  1. Muito bom! Quanto ao fato de o Hank não ter entregado o namorado infiel para a filha, acredito que ele "se viu" naquele rapaz e não conseguiu ser hipócrits o suficiente para dedurar à filha o que foi (ou é?) o seu próprio estilo de vida...

    ResponderExcluir
  2. Robson, tudo bom?! também fico com a impressão que Hank está enfrentanto ele mesmo quando era mais jovem. Fico com a impressão que ele está lutando contra seu eu interior e contra seu eu jovem rival de uma vez só, tipo, 1x2. Acho que Hank ganha! :D Tudo isso para não ver sua filha machucada ... Abs

    ResponderExcluir
  3. Robson, tudo bom?! também fico com a impressão que Hank está enfrentanto ele mesmo quando era mais jovem. Fico com a impressão que ele está lutando contra seu eu interior e contra seu eu jovem rival de uma vez só, tipo, 1x2. Acho que Hank ganha! :D Tudo isso para não ver sua filha machucada ... Abs

    ResponderExcluir

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe