Southland 4x09/10: Risk/Thursday

quarta-feira, março 28, 2012


Quem não tem teto de vidro que atire a primeira pedra...

Começar review com musica de Pitty sem duvidas deve dar um diferencial muito legal a tudo, ainda mais de que Southland elevou a décima potencia tudo o que já estava fazendo nesta temporada, as tramas foram encerradas de maneira fenomenal, e ainda deixando leves ganchos para a (já bem provável) quinta temporada. Os dois episódios funcionaram bem em conjunto e deixei propositalmente para fazer a review de ambos juntos.

Lydia se aprofundou de uma maneira bem real e interessante em sua gravidez, mesmo tendo sido bem interessante tudo o que vem acontecendo com ela, não havia algo que realmente me fizesse torcer pela Lydia nesta temporada, até os dois últimos episódios, o duro é que a cada cena dela eu imaginava que ela ia acabar perdendo o bebe, fosse empurrada por pessoas aleatórias ou devido ao estresse, qualquer fosse o motivo. Na quinta temporada sem duvidas vai ser incrível ver Lydia tentando balancear a maternidade com o trabalho, e espero ansioso.

Na season finale, no entanto Lidya não perdeu e além disso, percebeu que o melhor seria se afastar temporariamente do serviço policial, afinal, além dos óbvios riscos físicos, tudo o que ela vê, sente, isso tudo afeta ao bebê de várias maneiras e realmente achei ela responsável e madura por escolher essa decisão. Uma grande surpresa foi que Terrel realmente é o cara avulso que apareceu no episódio aleatório da primeira temporada, infelizmente não tive tempo de poder conferir o episódio, eu estava achando que ele era um policial, mas na rápida cena em que ele apareceu eu achei que ele fosse algum economista ou algo do tipo.

Sammy e Ben realmente foram incríveis nesta temporada, a química entre eles e a relação de amizade e desconfiança que foi crescendo com o passar dos episódios é algo que me deixa tão interessado em saber como isso vai desenrolar na situação dos dois... Ainda mais de que na cena final ficou claro de que Sammy sabia que Ben havia armado para Ronnie, o cafetão que havia causado o acidente no final do nono episódio.

A volta de Lou Diamond Phillips também foi divertidamente ruim, eu não gosto do personagem, mas ao mesmo tempo ele me diverte e assim vai seguindo... Gostei muito da forma como Ben ajudou Daniella, eu entendo o modo que Ben a vê, e inclusive penso que ele vê um pouco de si mesmo na garota, perdido, sem saber o que fazer e basta lembrar da primeira temporada quando foi mostrado bastante da vida pessoal de Ben, para saber que a família dele era uma bagunça.

E o melhor de tudo foi a incrível, magnifica, perfeita (tem mais adjetivos?) de como foi fechada a trama de Cooper e Tang, fiquei muito, muito triste de Lucy Liu sair da série (para ser A Watson na adaptação de Sherlock) mas valeu enquanto durou, a situação entre ela e Cooper estava chegando ao limite, mas ainda assim ambos se respeitavam demais como policiais. A briga deles no beco foi algo necessário, onde cada um falou as verdades que de certa forma o outro precisava ouvir, a cena foi brilhante e muito tensa.

No final Cooper volta a treinar os novos policias, começando pelo oficial Watson (será que foi coincidência?) interpretado pelo Brian Guest, ator desconhecido, mas que ano passado participou de alguns episódios de “Torchwood: Miracle Day”, e a cena onde mostra o “chaveirinho da sorte” de Cooper, que na verdade era o sinal de segurança da arma de brinquedo. E fiquei muito feliz quando Tang não morreu no final, já que quando se fala de séries e filmes policiais, se é o seu primeiro dia, se é seu ultimo dia, se você vai receber uma promoção ou se é o dia do seu casamento, você morre.

Talvez Você Curta

4 comentários

  1. A review está ótima, mas não seria 4x9/10?

    ResponderExcluir
  2. Valeu! Nem tinha visto esse erro mas ja corrigi!

    ResponderExcluir
  3. Caraca só tive tempo de ver hoje....

    Finalmente Lidya resolveu sair da idade mental adolescente e ser responsável. Também depois do depoimento daquela testemunha do incêndio e pior, depois de ver aquela criança no hospital (nessa hora minha garganta fechou) não tinha outra opção. Ainda bem que ela se tocou disso. E sim o moço-aleatório-de-quem-ninguém-se-lembra é o pai. Bem que poderia ser o filho daquela policial que fazia as unhas 2 vezes por semana.... dali sairia uns plots bem interessantes...

    CERTEZA que o Ben ia apagar o cafetão. Achei até que foi fácil demais: achar o cara, ter como parceiro o policial-idiota-la-bamba (pra mim ele sempre será o cara do La Bamba não tem jeito..... e depois disso não tem como respeitar um cara que usava umas camisas daquelas e ainda por cima rebolava..... é pra acabar com a dignidade de qq um). Agora gostei bem da conversa dele com o Sammy no hospital. E aliás achei a frase de introdução perfeita: realmente Ben escolheu que tipo de policial ele seria. Mto curiosa pra saber como será daqui pra frente.

    Good bye Lucy Liu.... uma pena, gostava dela. Gostei dela até mesmo lembrando ao Cooper que todo mundo tem telhado de vidro. "who are you? God?"..... massa..... E o toque do chaveiro tb foi genial...
    Obrigando o carinha a dançar Nicki Minaj vou hilário também..... ai ai esses policiais fanfarrões.....

    Cooper com um rookie e eu torcendo pra o meu grande plot rolar: caso amoroso entre eles.... Tomara, seria bem interessante explorar esse lado...

    Já sinto saudades :(
    Próxima temp já tem data?

    ResponderExcluir
  4. ZanzaLinda <3 EU lembrei de você na hora que eu vi o novo parceiro do Cooper!! hahaha Olha se eles realmente seguirem essa trama sem duvidas a série vai seguir um caminho incrive!

    E infelizmente a Série ainda não foi renovada, mas é quase que certa a renovação, agora é só esperar oficialmente, acho que até começo/meio de maio ja devemos ter a resposta, o duro é que a nova temporada só ano que vem :(

    ResponderExcluir

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe