The Voice UK 1X02: Blind Auditions 2

quarta-feira, abril 11, 2012


The Voice UK volta para a sua segunda semana, e a busca pela nova voz da terra da rainha começa a apresentar seu primeiros sinais de estupidez, perdendo todo o encanto de sua estréia. Em uma briga ferrenha entre edição do programa e jurados, o programa tem o prazer mórbido de nos mostrar quais foram os melhores candidatos do dia e como eles foram eliminados pelos jurados.


A imagem acima é de Shansel Huseyin que possui uma incrível voz lirica, que cantou Pavarotti, mas que foi fazer parte do limbo dos esquecidos junto com os outros melhores candidatos da noite, simplesmente por que os jurados estavam com problemas de audição. A imagem que fica é uma e clara, Jessie, Jones, Danny e Will I Am estão indo na contramão da proposta do programa, ignorando as melhores vozes e escolhendo apenas as mais comerciais. Verdadeiros profissionais da música não reconhecem um artista   pela sua aparência, mas sim pelo seu timbre de voz, se ele está apto ou não a vender... E é isso que os jurados britânicos tem feito, assim candidatos com vozes horríveis mais com potencial comercial estão sendo aprovados e vozes como as de Shansel e alguns outros ótimos competidores estão sendo ignoradas.

Sem mais delongas, os candidatos: 


O superestimado Heshima Thompson foi o primeiro a se apresentar. O rapaz parece ter colocado um espelho na platéia para fazer com que os jurados enxergassem todo o seu apelo comercial, por que de voz, sinceramente, não vi graça nenhuma, e ainda tem sérios problemas de respiração. Heshima é apenas um grande preformista. O jurado que ele ia escolher não era mistério, mas foi legal ver Jessie implicando com os tiques de Will I Am, aliás, teríamos um novo (Xtina X Adam) nascendo aí? 


A experiente Barbara Bryceland cantou "Wild Horses" (que está em alta no The Voice), e com sua ótima e excêntrica voz conquistou, claro, Sr. Jones. Adorei a justificativa do Will de não ter virado... lembrei de "Me and Mr. Jones".


David Julien, que veio em seguida, não tem muito apelo comercial não, mas sua voz dá um bom caldo, e creio que se lapidado pode realmente fazer coisas incríveis. O cantor pop cantou "The Man Who Can't Be Moved" do The Script e não sei se iria atrair a atenção do vocalista da banda não, mas como Danny não tem nenhuma personalidade e toda vez que Will I Am vira ele vira também, David conseguiu que a dobradinha virasse para ele e com certeza o seu Ídolo.


Agora pausa. Sério, acho que Vince Kidd se não o mais versátil é um dos cantores mais versáteis que já passou nessas edições do The Voice UK. O menino hipster encheu Madonna de soul e presenciamos uma das versões mais incríveis de "Like a Virgin" já feitas até hoje. Não sei vocês, mas a mim o rapaz me lembrou muito Sam Sparro, tanto pela voz, quanto pela pegada hipster, que aliás devo admitir... Skins não mentia quando estereotipava todos os seu personagens na série, pelo visto todos os adolescentes britânicos são realmente assim... Dos cinco que passaram pelo programa quatro eram hipsters. Me Gusta!


Agora o que dizer de Shansel, poderia ficar aqui horas reclamando e metendo o malho no programa, mas vou deixar vocês assistirem o vídeo e tirarem sua próprias conclusões, se essa era ou não uma candidata a ganhar o programa.


Junto com Shansel a edição do programa preparou um combo para nós só com os ótimos artistas que foram eliminados. Sinceramente, não entendi qual foi a desse prazer mórbido de causar a revolta dos espectadores, mas sim, eles o fizeram. Eliminaram experiente cantora da brodway britânica, a adolescente hipster cheia de atitude que cantou ninguém menos que Ed Sheeran, e a incrível voz de Sam Thornton. Sério, teve uma hora que eu achei que o programa estava de brincadeira com a minha cara, só pode!


Aí como se não bastasse eliminarem ótimos candidatos ainda me aprovam isso! Sério Danny?! Sério? Vince Freeman não tem simplesmente nada na voz dele! Só por que cantou musiquinha conhecidinha e a platéia vibrou? PQP! O engraçado foi ver que dessa vez Danny virou sozinho e ficou olhando pro Will I Am para virar também e ficou no vácuo. 


Aleks Josh não tem lá uma incrível voz, mas o menino é muito bom! Uma performance toda bonitinha com todo aquele jeito convencido... Sério, pinta de cantor teen! E ainda fez Jessie se apaixonar por ele. Ao som de Jason Marz, Aleks é mais uma adição ao #TEAMDANNY e escrevam o que estou dizendo, vai ser concorrente direto de Max Milner.


Agora isso! Sério gente! O que é isso?! Meu, Francis Wood é muito ruim! Eliminarem todos aqueles candidatos bons para aprovarem isso? Só porque cantou música do Black Eyed Peas... A menina é disparada a pior candidata da competição até agora. Sem dúvidas!


Matt & Sueleen apesar de não fazerem o meu tipo de duplas de folk, sem dúvidas são ótimos juntos e possuem uma execução harmônica realmente muito boa. E sério... Beautiful South? Só pela escolha eu já virava para eles. Só não curti muito a versão. Após sambar na cara dos jurados decidindo no cara ou coroa, a dupla se tornou uma ótima aquisição do #TEAMJONES e por incrível que pareça a que eu mais me identifico.


Depois tivemos uma coisa que parece que será um padrão no The Voice UK, antigos cantores fazendo o seu "Comeback" no programa. Apesar da ótima escolha da musiquinha de Xtina, não acho que Denice Person tenha muito potencial vocal, mas é mais uma candidata peculiar acrescentada ao #TEAMJONES, que vou dizer na sinceridade para vocês agora... Não poderia estar mais aleatório! Me perco entre os candidatos e fico sinceramente na dúvida se algum deles é realmente um grande cantor.


O Pimp Spot dessa vez não cantou Jessie J mas foi para o time da mesma. Apesar de ser bem estranho fisicamente e na forma de se vestir, David Faulkner teve culhões, chamou "Supertiton" para si mesmo e matou a música do grande Stevie Wonder no peito. A versão não foi lá essas coisas mas o cara é bom! Esse tem futuro e Jessie com certeza dará umas dicas de como incrementar suas performances.

No mais é isso... Após esse programa #FAIL os times ficaram assim:

#TEAMJONES: 6 Candidatos... Samuel Buttery, Aundreia Nyle, Adam Isaac, Denice Person, Barbara Bryceland e a dupla Matt e Sueleen.

#TEAMJESSIE: 5 Candidatos... Jessica Hammond, Ben Kelly, Toni Warne, David Faulkner e Vince Kidd.

#TEAMDANNY: 4 Candidatos... Aleks Josh, David Julien, Vince Freeman e Max Milner.

#TEAMWILL: 3 Candidatos... Heshima Thompson, Frances Wood e J Marie.

Talvez Você Curta

2 comentários

  1. Por gostar muito do The Script achei que ia ser #TeamDanny até a morte. Mas vendo o programa eu só consigo pensar: PORRA DANNY!!!!
    Achei os candidatos infinitamente melhores que os da versão americana, mas a qualidade dos jurados parece ser inversamente proporcional.
    No geral tô gostando, vale a pena ver. A primeira temporada da versão americana tbm teve erros bem toscos, espero que melhore então. :)

    Uma última observação, na versão americana todo mundo tem medinho de cantar as músicas dos coaches e na inglesa: no one cares... hehehe


    Ótima review. :) ^^

    ResponderExcluir
  2. "Achei os candidatos infinitamente melhores que os da versão americana, mas a qualidade dos jurados parece ser inversamente proporcional."

    Falou tudo! Gente, tô revoltada até agora com o monte de candidato bom que eles estão desperdiçando. Fala sério! Essa merda é the VOICE? Pq tá parencendo mais american IDOL.

    ResponderExcluir

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe