How I Met Your Mother 7x23/24: The Magician's Code (Season Finale)

quarta-feira, maio 16, 2012



Mesmo na Season Finale, o que temos é mais uma pegadinha do Malandro. Ieié!


Apesar de todo o meu receio em assistir esta finale, que ainda por cima foi dupla, acabei me divertindo com episódio e até rindo, coisa que praticamente não ocorreu ao longo de toda a temporada. O problema com a história deste episódio é que ele resume muito bem o que foi a temporada, várias tentativas frustradas de enganar a audiência, enrolando para chegar no final mais óbvio possível. As motivações e ações dos personagens (principalmente Robin, Ted e Barney) foram construídas porcamente, servindo unicamente ao propósito do roteiro em cada momento. Quando eles precisavam de Robin sofrendo com ciúmes de Barney, BAM ela sofria. Quando eles queriam esfriar a relação, BAM ela o frustrava e ficava com o namorado mais mala da história das séries. Quando ela termina com o indiano chato, Barney é quem está apaixonado por uma striper e Ted quem quer ficar com Robin. Foi como se as motivações fossem controladas por um interruptor, que os roteiristas apertavam ao bel prazer. Credo, que falta de coerência e criatividade para construir uma história. Assim, por mais que o roteiro tenha se esforçado para nos enganar, ficou muito óbvio que Barney pediria sim Quin em casamento, mas que a seria Robin a sua noiva. A mesma coisa aconteceu com Ted e Victoria, os roteirista querem provocar twists e reviravoltas, mas esquecem que elas tem que fazer sentido. Sem dizer que uma reviravolta anula a outra e tudo fica previsível e boring.

Já ficou claro que a Quin, apesar de ser legal e ter certo carisma, não acrescentou nada na série e deve sumir muito em breve, já que a atriz estará na nova comédia da ABC, The Goodwin Game, que por sinal é dos criadores de How I Met. Pelo trailer parece interessante, pretendo ver, pelo menos, o piloto. Seria bom que a série desistisse de acrescentar candidatos a afair para os personagens, uma vez que todo mundo já sabe que não dará em nada. Sem dizer que a maioria destes candidatos eram muito (muito mesmo) chatos e sem a mínima graça.

Voltando ao episódio, na primeira metade, How I Met Your Mother se esforçou bastante para ser engraçada, o que não tem sido fácil para a série. É como se eles assumissem o momento de falta de criatividade cômica e fizessem um episódio inteiro baseado em flashbacks, algo que a série sempre fez muito bem, para garantir um bom resultado. Deu certo. É claro que não foi genial nem nada, mas eu estaria mentindo se dissesse que não dei risada com Robin sendo enganada pelo (Not) Neil Young, com a porta misteriosa e principalmente com a cantada baseada no Exterminador do Futuro. Outro destaque ficou por conta do vídeo de Ted que anunciava de forma tão sutil o parto de Lily. Barney e Marshall não ficaram atrás e arrancaram alguma risadas com o caixa eletrônico de bêbado e principalmente com o melhor nome do meio de todos os tempos: Wait For It. Eu adoro quando uma série consegue ser canalha o suficiente para chamar uma criança de Marvin Wait For It Eriksen, o que não vem sendo comum nem mesmo dentre as comédias.

Assim, termina a mais fraca das temporadas de How I Met Your Mother. Talvez, se a série esquecesse as idas e vindas amorosas e focasse na comédia, o resultado teria sido mais proveitoso. É bom lembrar que a série até conseguiu trabalhar bem o drama dos seus personagens em alguns momentos (muito melhor do que o lado cômico), mas sempre com pegadinhas e fazendo os personagens oscilarem muito.

Fico por aqui, já que me despeço das reviews da série, que tornaram assistir How I Met Your Mother ainda mais desgastante, uma vez que, além de acompanhar a série, tive que ser muito criativo para não escrever sempre os mesmos defeitos que a série apresentou. Agradeço a todos que comentaram (me xingando ou não) e espero, de coração, que a série melhore na sua possível última temporada. Um abraço a todos.

Talvez Você Curta

4 comentários

  1. Q pena Diogo que vc n vai mais escrever as reviews, mas tudo bem quando a coisa n da n da né?

    Eu achei os episodios...vejamos eu n consigo rir muito com o Marshall então o primeiro episódio e a parte dele n foram boas para mim, já a parte do Ted e Robin eu amei as historias rs a química entre eles é tão boa e mal aproveitada, a Robin tratando a Lily como animal foi muito engraçado eu ri muito, esse tipo de coisa q a série deveria fazer mais, e concordo com vc esse negocio da vida amorosa é muito tensa, n consigo ver química entre o Barney e a Robin nem como amigos mais, saber q o Barney vai deixar a Quinn, eu já esperava, mas foi tão ruim ver ele fazer tudo aquilo por ela e saber q ele n vai ficar com ela é fod..., chega a doer para q eles fazem os personagens parecerem loucamente apaixonados para logo depois, acabar porcamente? Eu n sei bem, mas coleciono momentos Ted e suas namoradas, Robin e seus namorados e Barney e suas pegts, eu odeio isso, mas continuo amando a série pq acho engraçada e com o roteiro quase sempre plausivel, mas tipo é o q vc falou parece um interruptor as vezes Barney ta la super feliz com a Nora ai do nd ele ama a Robin e larga a garota no dia q ele iria conhecer os pais dela da muita pena, pq eles n resovem de uma vez Ted/Robin/Barney, eles tem medo de perder audiência só pode, eu n vou negar q se ficasse apenas Ted e Robin eu iria até gostar rs mesmo q a historia n andasse eu n me importaria, o problema é eles ficarem nessa palhaçada e agora a Victoria voltou para ficar ainda melhor e/ou pior kkk se ela fosse a mae eu até gostaria pq eu gosto muito do personagem, porém eu me pergunto ela voltou só para sair de novo? Eu aguento os vai e vem de T/R fácil, mas n é a mesma coisa com um personagem n fixo vc se apega e ele some, as vezes eu só queria q eles dicessem quem é a mae e continuassem a série, para sempre rs o segundo episódio já até cometei ele mas, foi o q eu esperava sem surpresas, só espero n ficar uma temporada inteira para entender como tudo acanteceu. Até algum review por ai Diogo :)

    ResponderExcluir
  2. Sério, daqui a muitos anos voltarei para ver os suspiros finais de HIMYM. Pra mim também não dá mais.

    ResponderExcluir
  3. Obrigado Camila. Valeu por comentar sempre. Aparecerei de vez em qndo nos comentários de How I Met para dar alguns pitacos.

    Assiste Parks and Recreation (série que eu faço review aqui) que vc não vai se arrrepender. Série que alia comédia com uma boa história em todos os episódios sem dizer que todos os personagens são mto bons e rendem mto. A primeira emporada (qu tem apenas 6 episódios) é fraca mas na segunda a coisa melhora de maneira impressionante.

    Bjos.

    ResponderExcluir
  4. Eu também paro por aqui, pelo menos por enquanto... Se essa for mesma a temporada final, assisto depois que terminar só pra não deixar em aberto, mas o nível de enrolação ficou alto demais e como sei que a CBS é especialista em não largar o osso, temo que ainda vão querer prolongar mais e mais a série.

    Até gostei dos episódios, grande parte porque a minha favorita ever para "mother" voltou, a Victoria... Tomara que, mesmo de um jeito torto, consigam encaixá-la como mãe pois desde a primeira temporada eu a achava perfeito para o papel!

    E Diogo, boa sorte nas próximas reviews... Foi muito bom sempre ver aqui uma opinião parecida com a minha em relação a série!

    ResponderExcluir

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe