NCIS 10x03: Phoenix

sexta-feira, outubro 12, 2012


Hot n’ Cold!

Nada como um episódio meia-boca para que NCIS volte a todo vapor, se na semana passada com “Recovery” NCIS deixou a desejar com “Phoenix” renasceu das cinzas.

Com um episódio pouco ortodoxo e com Dr. Mallard - vulgo Ducky - no comando da equipe, já que Gibbs invocou a regra nº 38 “Your case, your lead”, NCIS mostrou mais uma vez por que é líder de audiência em seu timeslot.

Como já haviamos notado no episódio anterior Ducky já não aguentava mais ficar longe da sala de autópsia, mas seu ímpeto de exumar o corpo do comandante Robert foi o estopim para os acontecimentos para o caso do sargento Hil.

Engraçado como em muitas séries, principalmente nos procedurais, vemos ações um tanto drásticas ou impensadas dos personagens como foi o caso de Ducky nesse episódio, e o interessante é notar que quase sempre eles passam impunes a suas ações.

O plot da história em si não foi o mais interessante possível, mas foi o suficiente para melhorar o clima entre os personagens, isso porque DiNozzo estava demais em suas colocações e cenas que renderam muitas risadas, bem coisa do very special agent.

Ainda por cima tivemos Ducky fazendo interrogatório com um rockeiro pirado e um assassino que nem ao menos teve a oportunidade de correr.

Mais engraçado que isso só as tiradas de DiNozzo, e até mesmo, a “emboscada” que ele, Ziva e McGee aprontaram para cima de Palmes, imagine só ficar na mãos de Ziva. #MEDO.

Foi interessante mesmo, mas não é um tipo de plot que ficaria bom se fosse muito repetido, pelo menos ao fim tivemos o retorno de Ducky para onde ele se sente mais confortável.

E não posso deixar de comentar Abby colocando aquele colar havaiano em Gibbs. #Impagável

Sério o que Gibbs está construindo?

Talvez Você Curta

0 comentários

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe