S.A.Maratonas #05: Fringe, Temporada 5

sábado, janeiro 26, 2013


A incrível saga de Fringe pode até não trazer mais nenhum episódio novo, mas a experiência só acaba depois desse S.A.Maratonas especial, recheado com os comentários sobre a 5ª e última temporada da série que conquistou os amantes de ficção científica.
Falamos da trama, da trajetória, ao longo dos anos, da despedida de cada personagem , da mitologia e do simbolismo presentes na produção, respondemos dúvidas e tentamos explicar, afinal, que diabos de paradoxo é esse que fez o desfecho de Fringe ser considerado um dos mais redondinhos de todos os tempos.
Aproveitamos para  detonar alguns dos grandes culpados pelo longo período de incertezas e ameaças de renovação e. no meio de muitas declarações de amor e de elogios à série, falamos da incrível união dos fãs e das emoções que só quem viu Fringe  pode compreender.
Não espere mais! Pegue um copo de milk-shake de morango, um punhado de alcaçuz e abrace sua pelúcia da vaca Gene para nos fazer companhia e aproveitar essa viagem maravilhosa pelas memórias de quatro apaixonados por Fringe.

 
Nosso e-mail: seriadores@gmail.com
No Twitter: @seriadores
Assine o podcast: Feed / iTunes Store


Links
Caldeirão de Séries
Série Maníacos

Talvez Você Curta

18 comentários

  1. o S.A.M mais esperado <3

    ResponderExcluir
  2. Nem é uma dúvida, mas mais um curiosidade. No final da segunda temporada, quando mostra a Fringe Division de lá, em um certo momento, quando a mesma detecta a invasão (lá no teatro) do lado A p/ resgatar Peter, o Broyles fala "Chame os Observadores" p/ Astrid Alternativa, dando a entender pelo menos p/ mim que existia uma relação entre a Division e os mesmos. Como o beijo de Broyles e Nina, nunca mais tocaram nesse assunto. Só fico imaginando o que teria acontecido se esse rumo fosse seguido.

    ResponderExcluir
  3. Não lembro desse detalhe...

    ResponderExcluir
  4. o S.A.M mais esperado <3 [2]

    ResponderExcluir
  5. Revi o episódio para confirmar esse fato.

    Na verdade, no original, o Broyles diz a palavra "Looker" e não "Observer", como eles são conhecidos. Ou seja, muito provavelmente esse "lookers" se trata apenas do nome de algum cargo na Fringe Division, alguém responsável por observar a situação ou algo do tipo. Mas não um Observer!

    Duvido que um fato desses ia passar tão desapercebido....

    ResponderExcluir
  6. Eu li que o menino Michael queria que Olivia ficasse calada pra Windmark ficar confuso tentando ver o que ela tava fazendo pra ela matar e ele não conseguir fugir.

    ps.: Windmark se desviou de bala que mata Observador, subiu de nível antes de morrer

    ResponderExcluir
  7. Ummm. Então interpretei errado. Valeu aí. Obrigado.

    ResponderExcluir
  8. " Pegue um copo de milk-shake de morango, um punhado de alcaçuz e abrace sua pelúcia da vaca Gene para nos fazer companhia e aproveitar essa viagem maravilhosa pelas memórias de quatro apaixonados por Fringe."

    *--*

    ResponderExcluir
  9. Gostei demais do cast. Também comecei Fringe bem despretensioso, assisti a primeira temporada e achei legal. Mas, a segunda temporada me conquistou de vez. Com certeza é uma série pra ver e rever, mal posso esperar pelos boxes.

    Acho uma sacanagem enorme Fringe ter sido tão neglicenciada pelas grandes premiações. Poxa, John Noble merece um Emmy. E, mesmo Ana Torv, ela é limitada, mas definitivamente não é uma atriz tão ruim quanto muita gente fala. O episódio dela possuida pelo Belly foi uma mostra disso, isso sem contar Bolívia.

    Algumas coisas da finale ainda estão se encaixando na minha cabeça. Mas, achei a morte do Windmark bem satisfatória. Ora, adorei imaginar ele saindo de seu teletransporte esmagado e agonizante. Queriam mais o que? E eu era do time que achava que o Michael era o September, claro, isso foi até vermos que Donald era o próprio.

    ResponderExcluir
  10. Enxergava o sinal de calado como o Michael dizendo pra Olivia deixar rolar, pq estava tudo encaminhado. O moleque tinha tudo acontecendo na cabeça dele a todo o momento.

    ResponderExcluir
  11. Vou ser um pouco PNC. Falo isso da posição de cientista (ou pelo menos estou tentando ser). Nós fazemos pesquisa por vários motivos, curiosidade, positivismo, vaidade (um dos motivos do Walter) e outros. Todos os motivos, de um jeito ou de outro, passam por sentimentos. Uma sociedade como a dos Observadores tem uma enorme tendência a estagnação (justamente por isso eles partem para a colonização, ao invés de buscar uma solução para seus problemas). O próprio desdém com que eles tratam uma anomalia como o Michael já mostra isso. Anomalias são a forma como cientistas descobrem as coisas, na maior parte das vezes, apenas quando vemos algo funcionando mal é que podemos fazer "engenharia reversa" e chegar a via correta daquele evento. Os próprios Observadores deveriam ver como o Michael seria um caminho melhor pelo simples fato de ele ser superior.

    ResponderExcluir
  12. Procurando outra série para tentar preencher o vazio que Fringe deixou.
    Alguma sugestão de qualidade?
    O que acham de Arquivo X? Vale a pena? Tem um bom final?

    ResponderExcluir
  13. A única semelha de Arquivo X com Fringe é que ambas tratam de "eventos bizarros". No mais, Arquivo X tem um plot mto grande sobre conspirações do governo americano, ETs e mtos "fringe events" rs. Acho q vale a pena assistir sim, as pessoas discordam mto sobre o final da serie ser satisfatorio ou não, mas ate a 6a/7a temporada a serie é excelente.

    ResponderExcluir
  14. Quando Maicon manda Olívia ficar calada é na verdade pra não atrapalhar o momento que Astrid explica o plano para abrir o portal.

    ResponderExcluir
  15. Tava com muita saudade do Mano! #HT

    ResponderExcluir
  16. Sei que estou sendo PNC mas até agora não entendi como que o Peter conseguiu receber a carta do Walter...

    ResponderExcluir

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe