The Voice 4x19/20: Top10 / Live Results

quarta-feira, maio 22, 2013


A Voz é delas! E o programa também!

Em uma semana de apresentações bem mornas e bem abaixo do esperado, quem fez o dever de casa conseguiu se destacar e garantir mais um tempo no programa. Duas semanas já se foram desde os "Playoffs", e parece que a poeira abaixou, assim como a guarda dos competidores, que me pareceram não terem mais o frisson da semana passada. A performances que vimos no geral foram de qualidade bem questionáveis, muitas retornaram os cantores para as suas zonas de conforto, outras nem chegaram lá, mas como quem é rei não perde a majestade, fomos salvos pelas espetaculares apresentações de Sarah Simmons Danielle Bradbery que nos entregaram toda a energia que precisávamos sentir.

Como essa semana foi tudo muito mais ou menos, o divisor de águas acabou sendo mesmo à semana passada, e as previsões que havíamos feito se confirmaram, as divas continuam firmes e fortes na competição, derrubando um por um do sexo oposto, e os que não caíram ainda foi porque estavam em dois. Outra previsão que todos já esperavam era o grande flop dos maus montados #TEAMUSHER e #TEAMSHAKIRA, este último não possui mais nenhum candidato de sua formação original. No mais vamos dar uma analisada e ver caso à caso porque a noite de segunda não convenceu.


Eu diria que Holly Tucker começou a noite de uma forma grandiosa. É a primeira vez que vemos a cantora performar uma música gospel, que é a sua real zona de conforto, e eu diria que por milésimos de vantagem a cantora convenceu. "How Great Thou Art" é um hino lindo, e veio a calhar com a situação que o estado de Blake Shelton está passando, a apresentação acabou servindo como uma mensagem de fé e esperança, a esse público massivamente country. Todas essas coisas somadas ao fato de, pela primeira vez vermos a cantora sair do mais do mesmo, acabaram se somando e garantindo mais uma semana à cantora. Apesar disso, Holly e sua falta de carisma não saíram da berlinda e acho que de semana que vem não passam.


Na sequência vimos Judith Hill e todo o seu mimimi entrar em cena. Sinceramente, achei muito babaca todo o enfoque dado à história de Michael Jackson, e da cantora ter chorado por causa das críticas ruins ao seu trabalho. Tenho zero paciência para esse tipo de coisa. Porém, quando fomos para a apresentação, Judith continuou sendo Judith. Ótima como sempre, vocalmente falando, a música não exigiu muitos altos registros, mas as voltinhas que ela fez, e os falsetes foram bem bacanas. Outro ponto a destacar, é que pela primeira vez realmente vi a cantora se soltando e se divertindo no palco, consegui curtir toda a performance, e não apenas a sua voz. Acho que a candidata é uma das que mais cresceu no decorrer da competição.



E The Swons Brothers? Cadê aquela dupla "true"? Que vinha cantando os classicões semana após semana no programa, que reconquistou nossos corações? Simplesmente não apareceu. Os irmãos foram completamente ofuscados e esquecíveis essas semana. Eles voltaram para a sua zona de conforto, só que entregaram um nível abaixo do que esperamos deles numa situação como essa... Que é a performance de "American Girl". Achei bacana ver o irmão mais novo solar, mas foi apenas isso.


Dando sequência à cota country do programa, Amber Carrington subiu ao palco e ganhou novamente o meu coração. Não foi sua melhor performance vocal? Não foi! Mas não sei, toda a áurea que envolvia ela, o ventilador ligado, sua voz... Não sei, me conquistou. Acho que é exatamente o que Adam Levine disse, à essa altura ela precisava de alguma coisa que conciliasse seu lado country com seu lado pop, e nada melhor que Kelly Clarkson para isso. Contudo, parece que a apresentação não agradou muito ao público, e a cantora flopou pela segunda semana seguida no iTunes, e vai direto para a berlinda da semana que vem.


Aí chega enfim o momento que eu mais aguardo nas noites de The Voice... A apresentação de Sasha Allen. Foi bacana? Foi! Mas eu queria mais. As expectativas eram muito altas, não só pelas outras apresentações da cantora, mas também pelo fato de Ruth Brown nos ter entregado uma performance épica dessa música na primeira temporada do The Voice UK, e posso dizer que a da americana não chegou nem perto. Isso além de terem gongado o look dela... Sério, quem fez queria que ela fosse eliminada. Era para ser uma apresentação divertida, e não para ela ser uma palhaça no palco. Mas enfim, acho que ela deu conta do recado da semana, e sem deixar de marcar os seus altos registros. continuo sendo #TEAMSASHA. 


E o que dizer da apresentação de Josiah Hawley essa semana hein?! Cara de flop, cheiro de flop, timing de flop. O cantor que é considerado por nove entre dez pessoas o grande erro da competição, tentou continuar explorando a mesma vibe da semana passada que fez ele hitar, só que agora pisando em areias muito mais movediças. A verdade é que ele era um desastre esperando para acontecer, e aconteceu. Não conseguiu nem de longe fazer jus a música do Coldplay, e deu "bye bye" à competição, acho eu que até tarde demais. 



Enquanto uns vão de mau à pior nossa garota prodígio não para de hitar, e nos mostrou novamente o seu lado sou adulta, sou ousada, e nos proporcionou um dos melhores momentos da noite. Danielle Bradbery subiu ao palco com cara de quem estava ali para curtir, para se divertir, para ser menina e ser safada ao mesmo tempo. Isso somado  a sua voz e sua confiança no palco que são sempre incríveis, não poderia dar em outra... Hitou, foi a única a entrar no top10 no iTunes. Semana sai, semana entra e Bradbery vai confirmando seu favoritismo, e desbancando a balela de que essa temporada do programa não temos um favorito. Se continuar assim, Danielle vai colocar a mão na taça três semanas antes, da mesma forma que Cassade Pope fez.


E o grande tiro no pé da semana foi dado por Kris Thomas, ou por sua treinadora, Shakira, que escolheu uma música que o rapaz claramente não se sentia confortável em cantar. Primeiro, quem é esse Miguel e essa música que nunca ouvi na vida? Segundo, nada a ver com o perfil do cantor, e o mesmo declarou que estava incomodado com a escolha musical. Tudo bem que a semana era pra mostrar um outro lado dos pupilos da latina, mas poderia ter sido uma coisa mais adequada, e que explorasse o potencial vocal do cantor, que era a única coisa que o vinha mantendo no programa. Por esses fatores, o cantor perdeu fôlego para mais uma semana e foi embora, mas acho que com o perfil dele, foi guerreiro de ter chego até aqui.


E no ápice da noite tivemos a linda e potente apresentação de Sarah Simmons. Semana passada a mudança na cantora começou a acontecer e o seu treinador como viu que isso foi positivo e muitos elogiaram, resolveu pagar para ver. E como todos nós já sabíamos, Sarinha não ia decepcionar. Ela nasceu para cantar esse tipo de musica mais visceral, agora sim, eu estou vendo ela fazer uso de todo o seu potencial vocal. Ela parecia uma versão hippie daquelas tiazinhas que cantam nas noites em pubs chacoalhando os peitos. Curti muito e para mim foi a melhor da semana.



E fechando a noite tivemos a intimista longa e cansativa performance de Michelle mais do mesmo Chamuel. Se jura que ela escolheu Pink de novo? Não fazia ideia que isso fosse acontecer. Ainda não me dei o trabalho de ouvir essa nova música da loira, que está hitando, mas acho que para a candidata ficou tudo muito fraco, e acabou ficando às sombras de tudo o que ela havia nos mostrado em "True Colors". Sem contar que não precisa ficar passando atestado de identificação semana após semana, a gente já sabe que ela também é esquisitona, já pode cantar outra coisa que não seja Pink.



E assim terminou a noite de apresentações, dando espaço ao "Live Results" que esta semana estava em contenção de despesas e resolveu valorizar os artistas da casa. Sem nenhum artista convidado, o show ficou mesmo por conta dos candidatos. #TEAMSHAKIRA subiu ao palco para a dolorosa apresentação de "I'll Stand By You", adoro Shaka Shaka, mas não sei porque, não colou. Ao contrário da performance do #TEAMUSHER que achei super classuda, e não só mostrou o que o treinador tem de melhor, que é a sua voz, como também explorou muito bem o potencial de seus candidatos.

Mas quem wonou mesmo a noite foi novamente #TEAMBLAKE, que novamente subiu ao palco e mostrou aos outros times como se faz. Acho que isso se deve ao fato deles possuírem o mesmo estilo musical, e estarem inteirados com o que estão fazendo. Adorei a escolha de Alabama, e achei que todos fizeram jus à música, mas Bradbery ofuscou. Foi bacana também ver Blake Shelton e a primeria dama do The Voice Miranda Lambert subindo ao palco para prestar a homenagem aos desabrigados do furacão ao som da linda "Over You". E isso me fez lembrar que essa semana saiu single novo de Cassadee Pope.


Mas a trágica verdade, é que o único motivo de eu ter sintonizado no programa essa semana foi sim para ver Adamzinho, Mickey, James e cia subirem ao palco para lançar o novo hit do Maroon 5, que claro, já ouvi ao vivo quando vieram aqui em Curitiba. Claro que a banda não é nem a sombra do que já foi um dia, mas achei a apresentação e o clipe bem legalzinho, algo pós moderno... Bacana também foi a performance do #TEAMADAM que realmente abraçou a causa "Divas", se jogou no look anos oitenta, e soube realmente escolher uma música que aproveitasse o ótimo vocal das meninas.

No mais é isso meus caros, a semana foi fraca, mas acho que as coisas não ficam muito tempo mornas do jeito que estão. Semana que vem temos duas ótimas quedas de braço, para vermos aonde vai dar. Temos Country X Divas, e finalmente temos #TEAMADAM X #TEAMBLAKE, quem enfraquecer primeiro? O primeiro panorama que me vem a cabeça é a saída de Holly e da dupla, mas depois dessa semana Amber Carrington também não é mais certeza, e estou muito ansioso para ver aonde esse balaio vai dar. Até lá.


Talvez Você Curta

14 comentários

  1. Essa semana foi perfeita pra mim! Acho q as eliminações foram mto justas... alias, demoraram mto pra acontecer até. Sempre me pareceu que o Josiah e o Kris estavam na "cota karaoke" do the voice... não que eles não saibam cantar, mas a falta de carisma e de presença de palco tornava as apresentações mto abaixo dos outros competidores.

    Ainda não tenho favorito, mas meu coração já escolheu um candidato pra odiar: Sarah Simmons!!! Não gosto da voz, não gosto dos gritos roucos e dos agudos constantes... não gosto de nada!

    Pelo que leio de reviewes, todos amam a Sarah e achei que no Itunes ela estaria bombando, mas para minha felicidade não está.

    Vamos aguardar.

    ResponderExcluir
  2. Ai sério, Bradbery não tem absolutamente nada demais além de ser novinha. Presença de palco zero, se apegam no fato dela ser fofa, mas ela olha pro nada quando canta, não convence nas interpretações, não conecta com os temas, pq n tem idade pra isso. Ela é a melhor do team Blake E SÓ. Não me faz esse alarde só pq a menina usou um short. Swon Brothers voltou p o limbo, apresentações chatas, única novidade é q o bonito (sic) agora canta tb. Holly, desculpa, mas alguns dias antes assisti (totalmente por acaso) a Carrie Underwood cantando essa música. Recomendo q todos assistam e vejam como se faz.

    Josiah, pobre coitado, não conseguiu cantar nem no ensaio. O Kris tenho a impressão que fica MUITO nervoso e sempre canta mal ao vivo. Ter uma voz única mas n saber o q fazer com ela é pior do que ter uma voz mais ou menos e cantar bem. Finalmente alguém que eu vejo e n se encanta pela Michelle. Ela é chata pra caramba, odeio os trejeitos dela no palco, a Pink canta muito melhor, para de fazer cover dela no The Voice.

    Cantoras de verdade agora... please. Sasha voltou p o jogo, música contemporânea, animada, se divertiu. Até a Shak deixou o fiasco de Alone quando comentou as músicas que a Sasha cantou no programa. Judith começou a me agradar mais, nem parece q vai bater um vento e ela vai voar no palco de tão magra q é, se divertiu, mesmo com a choradeira depois (algo q n me incomodou by the way). Amber, linda, adorei, mas prefiro a Kelly AINDA. Mas o ventinho tava show de bola. Sarah, tenho uma relação de amor e ódio. Amo a voz odeio o figurino.

    ResponderExcluir
  3. pois é... ñ curtia mt sarah qnd ela era toda fofinha tbm não, mas gostei desse lado poderoso dela... sei lá...

    ResponderExcluir
  4. pfvr! Me ajuda a gongar Michelle até o final! ashasuashuashsauhsau odeio ela! kkkkk só finjo ser um pouco imparcial, mas nem sou sahusahasuhsauhuash

    ResponderExcluir
  5. Concordo com tudo da review.
    E Danielle vai ser o mostro dessa competição, hitando no itunes desse jeito, se ela chega na final, ela leva, afinal de contas, itunes conta bastante. Mas se Sarah e Judith continuarem desse jeito, e a Sasha melhorar, vamos ter uma final sem favoritos pra vencedor. Só acho que nesse ponto da competição, Danielle deu um passo a frente e o Blake tá mostrando mais uma vez que sabe fazer um campeão, e eu realmente gosto da garota.
    Josiah e Kris confirmando as previsões, foram tarde.

    ResponderExcluir
  6. Um Odio da vida minhas amiga descolocou uns ingressos pro show do marron5 aqui em Curitiba e perguntou voce vai comigo? Respondi SUPER animada - Logico! A vaca um dia antes me informa que ia levar a prima que tinha acabado de chegar do interior.

    ResponderExcluir
  7. Tentando não ver spoilers, alguém sabe um site pra assistir o episódio 20 online? Não achei em nenhum lugar :(

    ResponderExcluir
  8. "Ela parecia uma versão hippie daquelas tiazinhas que cantam nas noites em pubs chacoalhando os peitos." - Li isso de madrugada, imagina o barulho de uma risada em um canto silencioso, agora multiplica por dez!
    Adorei sua review, mais até que esses dois episódios, sinto que as apresentações estão esfriando, no mesmo ritmo da audiência baixando, concluindo, não é coisa boa. Estou me decepcionando com essa temporada, tá sendo a mais fraca ou pau a pau com a primeira...

    ResponderExcluir
  9. realmente, está bem fraca! Mas sério lembrei mt da Shawna P. na apresentação da sarah! rsrs

    ResponderExcluir
  10. 1. Sasha diva até cantando o ziriguidum. (L)

    2. Sarah, vc é linda, sua voz é linda, Mamma knows best foi uma das escolhas mais inteligentes de todos os tempos no The Voice.
    2. Judith tentou ter carisma essa semana, me convenceu um pouco mais. Mas ainda acho que ela já teve na vida todos os meios de ser famosa, e se não foi não é agora que vai rolar, sorry.
    3. Danielle menina ousada, largou os vestidos e agora usa shortinho jeans branco! Eu amo a voz dela, de paixão. Mas eu não consigo não compará-la com a RaeLynn! E a RaeLynn tem uma coisa que ela não tem. DIVEZA.
    4. Josiah. Mostre pro mundo o que vc tem de melhor e volte a modelar, PLEASE!
    5. Michelle nega, acho que vai abrir vaga pra Glee! Se joga, bi! Se aquele rasta, branco tatuado, cristão pode, você também pode! (além disso eu acho que eles tem cotas pra nariz feio, não se intimide)

    ResponderExcluir
  11. kaspokasposkapasoksapokaspokas adorei o coments sobre michele! sahsauhsauhasuashusahuash Sdds RaeLynn

    ResponderExcluir
  12. kkkkkkk é mesmo!!! A temporada tá fraca porque Blake tá com o team country dele, Adam já tá com time de final desde o começo e perdeu a graça ver Usher e Shakira. Tinha tanta esperança em Shakira, ela foi boa até os knock-outs, depois foi só cagar tudo

    ResponderExcluir

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe