S.A.Leatório #61 - Mulher Maravilha

segunda-feira, junho 26, 2017


Pioneirismo é a palavra nesse programa que celebra não só o filme da Mulher Maravilha, a primeira heroína dos quadrinhos no real sentido da palavra a nos presentear no cinema com um banho de carisma, empoderamento e representatividade, mas também o momento em que o jogo virou: vamos falar bem da DC e mal da Marvel!

Com um time de amazonas com força que você nunca viu antes, enaltecemos e divulgamos a evolução de atuação e salário de Gal Gadot (nas palavras de alguns ,a Gisele Bündchen de outrora); o homem canastra acima da média que é Chris Pine; os méritos, improvisos e deslizes de Patty Jenkins; as supostas intervenções de Zack Snyder; a bissexualidade de Diana, vilões caricatos, distinções entre relógios e orgãos sexuais, entre outros aspectos.
Erro 402.
Assine o S.A. na iTunes Store e receba os novos programas diretamente no seu iThing.


Trilha Sonora:
Tina Guo - Wonder Woman
Charles Fox & Norman Gimbel - Wonder Woman Theme
John Williams - Superman Theme
Lois & Clark - The New Adventures of Superman Theme
Remy Zero - Save Me
Batman: The Animated Series Theme
Seal - Kiss From A Rose
Patrick Stump - Who's The (Bat)Man
Rupert Gregson-Williams - Wonder Woman Soundtrack
Sia - To Be Human feat. Labrinth
Raça Negra - Maravilha

Talvez Você Curta

22 comentários

  1. Hahahaha um beijo na alma de Erika que também riu da piada do relógio/pirok. Eu me senti muito sem graca rindo sozinho disso no cinema.

    ResponderExcluir
  2. Obrigado por fazer esse filme ser muito mais maravilhoso depois desse podcast!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Menino, sabe que eu também achei mais maravilhoso? ;)

      Excluir
  3. Se eu tô aqui é para enaltecer Mulher Maravilha, amém igreja.

    ResponderExcluir
  4. QUE HINO DE PODCAST!
    De todos os casts que eu ouvi sobre o filme, esse aqui com toda certeza foi o melhor! Ótimos comentários, a discussão rendeu muuuito, convidadas realmente a fim de falar sobre, enfim, que maravilhoso!
    Eu também não achei o filme em si a melhooor coisa do mundo, mas também acredito muito na importância que ele tem e quanta mudança e coisas boas virão a partir dele. Também sou Team Fora Ares, porque pqp, completamente 10nê aquela sequência da luta final. O filme estava desenvolvendo tão bonitinho... Mas tudo bem, já entendemos que o estilão da DC nos cinemas é ter a luta final com um monstro gigante (vide BvS, Esquadrão Suicida etc).
    E OBRIGADO por me fazerem compreender! Eu saí do cinema falando pro meu amigo que não tinha curtido muito o lance do desfecho com o ~poder do amor~, que eu tinha entendido como sendo a justificativa final de ambos (Steve e Diana) no filme, mas graças ao cast, saquei que o sacrifício/luta de cada um vai muito além disso e o filme ganhou ainda mais importância pra mim.
    De resto, tadinha da Keka tendo que emular BvS pra poder não ser picotada a todo momento.

    Beijo! <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que vc entendeu e gostou da proposta do cast.
      No início tbm fiquei bolada com o plot "É o amor", mas depois entendi e curti.
      Obrigada [tudo em voz bvsica]

      Excluir
  5. A trilogia do Nolan realmente não é muito boa. É ok. Uma coisa q a Érika falou sobre o filme 2 do Batman sobre ele ser coadjuvante e o coringa ser o principal, eu cito outro podcast, onde eles disseram q o 2o filme deve ser um filme do vilão. Se não fica igual a mais um filme episódico com um vilão descartável. Fica a dica pra essas sequências aí meia-boca (cofcof as da marvel).
    Acho os pontos da Érika foram bastante over. Quando BvS foi lançado Ww já tava finalizado praticamente. Eles não esperavam o fracasso nas críticas desse primeiro. Chamaram a Patty em cima da hora pra substituir outra diretora não "ah precisamos de uma diretora" nas vésperas. Lembro de sempre tava na pauta essa exigência.
    O podcast foi maravilhoso. Comentaram bem os pontos positivos e os pouquíssimos (isso é raro) negativos. WonderWoman não é o filme perfeito mas um divisor de águas onde daqui pra frente mulheres sejam o centro, a cabeça, o foco da ação e história, não só a coadjuvante, a mão direita de um homem. Não deve ser alguém por detrás de um grande homem e sim lado a lado formando forças sendo um só.
    Amei as participantes convidadas mas mais uns dois aí não seria multidão. Faltou Luciano e... Ah esqueci o nome do outro me perdoem mas senti a falta dele.

    ResponderExcluir
  6. Terminei de ouvir agora e vi a parte de vocês falando o quanto as duas cenas de luta foram emocionantes pra vocês e pra mim também mas como fã de herói que é realmente herói, nem saberia me colocar no lugar de vcs mulheres nessa hora vendo aquele show.

    Queria compartilhar com vocês duas situações que aconteceram na minha sessão de WW. Eu sei que uma vai parecer as famosas fanfics de esquerda da Nina, 8 anos (eu vi, eu estava lá) mas juro que tudo aconteceu de verdade!

    Sentados atrás de mim estavam 4 casais e duas crianças (duas meninas com uns 8 ou 9 anos mesmo).
    Nas cenas treinamento das amazonas e na batalha da praia as mães soltaram vários nooOOOsssa e "que Top".
    Mas na cena da Terra de ninguem aconteceu o que foi o ponto alto da sessão pra mim, segue:

    *Cinema do em Osasco

    * Mulher Maravilha salva um vilarejo inteiro da maneira mais foda o possível e termina fazendo pose no alto da igreja

    * Uma menina atras de mim:

    - o meu aniversário tem que ser da mulher maravilha esse ano!

    * a mãe dela e as amigas dela:
    - o meu também!

    *eu:
    - PORRA, O MEU TAMBÉM 😍

    ResponderExcluir
  7. Que podcast lindo <3 Amei demais <3

    Nem sei o que falar, só sentir.

    Erika reparando na piada do relogio AAAAAAAAAAAAAAAAA eu morrendo na cena e o cinema todo luciana silencio. Desobrigada de gente burra.

    Amei as opiniões de Leo quanto a Marvel super batem com as minhas <3

    Amei as participações, todas estavam otimas <3

    e claramente preciso falar MINHA DC TA VIVAAAAAAAAAAA

    ResponderExcluir
  8. Um dos melhores podcasts sobre o filme. A discussão foi bem balanceada mostrando o lado bom e ruim, além do bom humor de sempre. Adorei o filme e o cast!

    ResponderExcluir
  9. Seus lindos!
    Obrigada pelos comentários!!
    <3

    ResponderExcluir
  10. OINNN. Eu vi o filme num cinema ~~artchy~~ e posso dizer que fico ali-viado quando ninguem riu das piadinha pirocacentricas do cris.

    Tem uma cena que me incomodou demais, quando a mulé maravilha enfia a faca no general e deixa encravada lá em cima. e depois aparece ares e ela percebe que está sem a espada, corte, e aparece ela descendo depois de buscar ali rapdinho a matadoura de deuses. pra q isso, gnt.

    Parabens pelo cast, adorei, e prefiro seus casts sobre filmes do q sobre séries. N tenho tempo faço pós, bjsssss

    ResponderExcluir
  11. Seus lindos mais um podcast maravilhoso. Amérika reinando como sempre.
    Amei esse filme, que apesar de tudo, mesmo com falhas continua sendo ótimo.
    Espero que essa onda de diversidade e representatividade gerada por ele continue e só se espalhe.
    Érika me fez ver o duplo sentido na cena do relógio, não sei como deixei passar isso.
    Amo vocês e continuem sempre fazendo podcasts, adorei as convidadas, e Léo estava ótimo como sempre.
    Beijos, F.

    ResponderExcluir
  12. Por que tanto ódio ao Man of Steel?? eu gostei do filme (não é perfeito, nenhum é) e adoro o Henry Cavill portanto o Superman.

    ResponderExcluir
  13. Eu achei as piadas deste filme bem pontuais, não estão ali à toa só pra fazer graça.
    Diferentemente de alguns filmes da Marvel que estão indo na contra mão disso. EX: a capa do Dr. Estranho, meu Deus!!

    ResponderExcluir
  14. The Wonder Woman/Man of Steel/Batman v Superman Connection
    https://42lifeinbetween.wordpress.com/2017/06/18/the-wonder-womanman-of-steelbatman-v-superman-connection/

    ResponderExcluir
  15. Caramba, perfeito aquele monólogo final da Erika, WW tomou o lugar do Super, e eu só fiquei empolgado com a liga agora, após assistir WW

    ResponderExcluir
  16. Podcast tá lindo, adorei.
    Um adendo pro Leo, nos quadrinhos a Mulher Maravilha não é filha de Zeus por um estupro, é consensual.
    http://www.amazonarchives.com/Images/wonder3p1.jpg

    ResponderExcluir

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe