Survivor 23x06: Free Agent

sexta-feira, outubro 21, 2011



A burrice contagia grande parte do cast de South Pacific.

A pessoa fica um tempão passando por entrevistas, testes psicológicos (será que a Na Onka e o Philip passaram?), bateria de exames físicos e parece que nenhum deles se preocupa em se preparar estrategicamente. Com a internet, ficou bem fácil assistir as temporadas anteriores para não cometer os mesmos erros absurdos já cometidos, mas parece que os novos participantes nem pensaram em o que fazer nos sues 39 dias de Survivor. O que mais me impressiona em South Pacific é a passividade das pessoas que estão correndo risco de eliminação, ninguém sai por aí tentando jogar alguém embaixo do ônibus como deveria, inventando mentiras ou gerando conflitos desnecessários para se salvar. É engraçado que em temporadas antigas surgiam grandes jogadores como Cirie, que era a última na aliança de sua tribo e conseguiu inverter completamente a situação, e hoje em dia não há muita reação por parte daqueles que estão prestes a sair do jogo. Única coisa que os participantes fazem nesta situação é procurar desesperadamente pelo idol ou no máximo fingir que o encontrou, sendo que o idol é capaz de mudar sim uma situação adversa porém Survivor continua sendo um jogo de relacionamento e manipulação. Cadê a manipulação?

Entre os retornantes, aqueles que têm experiência no jogo e já se ferraram algumas vezes, Ozzy vem se comportando como um grande amador, colocando seu ego na frente da estratégia, sendo arrogante e fazendo muito mimimi. Já Coach parece que aprendeu sua lição e vem fazendo um ótimo jogo. Ele conseguiu convencer as pessoas que é um idiota (o que me parece bem fácil) e que não representa grande ameaça estrategicamente. Pode até ser que o controle de Coach seja apenas ilusório e assim que a Merge chegar ele pode ser chutado por seus aliados, mas eu imagino que este não é o caso.

No episódio desta semana, vimos justamente alguns dos aliados de Coach tentando mudar um pouco o jogo, mantendo Mikayla e se livrando da japa sem nenhuma qualidade (afinal ela é fraca, burra e com zero de habilidade social). Apesar deles não terem conseguido, para mim a burrice está no fato de todos eles continuarem mantendo Brandon mesmo depois dele já ter provados para todos que é um completo imbecil e pode destruir o jogo de todo mundo a qualquer momento. Destaque na cena em que ele meio que se entrega falando sobre pequenas mentiras e o uso de maconha. 

O que mais me revolta é ver Mikayla, que parecia ser interessante, sendo eliminada de forma tão passiva. A quenga não tentou nada para se safar, vinha sendo alvo de Brandon há um tempão e deixou quieto. Me parece que ela não entende o jogo de Survivor e só consegue enxergar o aspecto físico em detrimento da estratégia. Quero mais é que ela se foda no desafio contra Christine, que continua dominando a Redemption Arena e sendo a minha torcida para voltar ao jogo.

Acredito no sucesso da Savaii daqui pra frente tanto nos challenges quanto na questão estratégica. A tribo é composta por os participantes mais legais com exceção do idiota do Ozzy (eu não acredito que eu torcia para este cara em Cook Islands). Na minha opinião, o ganhador está na Savaii com grandes chances para Dawn. Jim e Whitney parecem ser mais inteligentes do que ela, mas acredito que o júri não daria o prêmio para nenhum dos dois, o que torna maior a possibilidade de Keith ou Cochran ganhar. Na Upolu, a única pessoa que vejo com chances é Sophie, uma vez que a edição vem ressaltando sua inteligência e seu poder de observação. Mas dificilmente eu acerto alguma coisa mesmo.

Os challenges continuam chatos, jogo de botão e estilingue, ninguém merece. Lembra das deliciosas lutas na lama e disputas aquáticas? Sinto dizer que a produção anda preguiçosa, achando mais fácil fazer provas com boliche, jogo de botão e quem  sabe uma partida de dama não aparecerá semana que vem. Lembrando que a edição continua fraquíssima dando pouco destaque para muitos participantes e entregando até mesmo no episódio anterior qual tribo terá sucesso. 

Fico na torcida para a Merge chegar logo e para o cowboy aleatório, que foi o swing vote da vez (olha a responsabilidade), rodar o quanto antes. O cara foi invisível a temporada toda mas teve um papel muito importante e decidiu priorizar a falta de ameaça que Edna traz ao invés de manter a forte Mikayla. Será muito engraçado se Edna conseguir surpreender a todos e trair Benjamin (de vez em quando é bom chamá-lo assim) e seus comandados.

   

Talvez Você Curta

0 comentários

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe