Blue Bloods 2x02/03: Friendly Fire / Who will pay?

quarta-feira, dezembro 07, 2011



Até onde se vai pela família....



      Após estreia em ritmo mais lento, fiquei feliz de ver Blue Bloods voltar ao seu “eu”. "Friendly Fire" coloca Danny no meio de um acidente que colocou em jogo seu distintivo.
     Na verdade, não foi tanto o tiroteio em si, mas a forma como Danny lidou com ele. Fazer uma emboscada por conta própria foi simplesmente estúpido.  Já estava com problemas, por que arriscar tornar as coisas piores? Em especial quando Jackie ou outro policial teriam certamente feito o trabalho por ele.
       Danny é um bom policial, mas ele frequentemente deixa seu ego e suas emoções comandarem seus atos e isso é muito imprudente.
        Eu adorei o início quando Linda e Danny foram se criticando. Pois há dias assim, mesmo no melhor dos casamentos (pelo que ouvi falar :P).  Mas isso não a impediu de estar ao seu dele quando ele precisou. O primeiro instinto de Linda foi proteger seu marido, mesmo que tenha que mentir para a corregedoria. É a razão pela qual eles são tão bons juntos.
       O que já não se pode dizer de Jackie, eu acho que ela poderia muito bem ter defendido Danny um pouco mais. Queira ou não, Danny estava tendo um dia ruim, então um homem com uma arma corre em direção a eles. Ele não parou ou se identificar como policial. Como Jackie disse para Danny, ela também teria atirado no homem se não houvesse ninguém no caminho. Ela devia ter dito isso ao detetive da corregedoria.
        Mas graças à investigação Danny recupera sua credibilidade e ainda volta a ativa a tempo de prender o responsável pelo acontecido.
      Quando Jamie diz a Henry que ele hesitou em puxar a arma por causa de tudo o que aconteceu com Danny, adorei a resposta dele:
“Você tem sorte você está trabalhando com Renzulli e não comigo. Pois eu teria quebrado seus dentes.”
     Você nunca vai ter que adivinhar como Henry se sente sobre algo. Ele vai ser o primeiro a te dizer. Seguido por Frank: "é melhor ser julgado por doze do que carregado por seis". Em outras palavras, na dúvida puxe sua arma.
       Blue Bloods veio muito bem, com um episódio misturando os lados policial e familiar deste drama que são ótimos quarenta minutos de entretenimento.



      Quando um ex-policial tenta roubar um banco para pagar a operação da filha, Danny (novamente) vai contra as regras e coloca-se no meio das negociações dos reféns em “Who Will Pay”. Parece que já se tornou um lema de Danny se meter onde não é chamado e até quando isso vai ficar sem maiores consequências?
        Eu me perguntei isso quando assisti este episódio. No episódio anterior, Danny ele fez uma emboscada não  autorizada. E agora se enfiou em uma situação com reféns. Autorizado pelo capitão de plantão, porém para que saísse com o homem ferido e não para colocar-se como refém.
      Eu não culpo Danny por voltar. Pois, ele achava que tinha uma melhor chance de acalmar o cara. Além disso, seria difícil Danny sair e deixar a outra refém para trás. Mas apesar disso, ele continua a distorcer ou quebrar as regras, sempre que ele acredita ser necessário. Mas até onde isso vai funcionar?
     A raiva de Linda foi completamente compreensível. Ela é esposa de um policial, mas ela normalmente não tem que vê-lo caminhar em perigo. E ela sabe que as regras existem para mantê-lo seguro. Às vezes, ele se sente como se Danny estivesse mais interessado em bancar o herói do que ter certeza de voltar para casa, para ela e seus filhos.
    Em outras notícias dos Reagan, Jamie tem um nova parceira: Louisa Sousa interpretada por Monica Raymund de Lie to Me. Louisa é uma policial durona que virá contra abordagem de mais intelectual de Jamie.
    Minha cena favorita da noite veio logo no início. Vendo Frank colocar dois tiros no peito e um na cabeça do alvo antes de perguntar para Erin como ex dela estava. Hmmmm. Como você acha que ele realmente se sente sobre o cara?
     Eu adoro a química entre Erin e Frank. Eles são um dos grandes relacionamentos pai / filha na TV e são definitivamente os laços de família que faz Blue Bloods um dos programas policiais mais agradáveis no ar atualmente.
    Acho apenas que, como na temporada passada, ainda eles acabam enrolando demais no plot do Jamie, sendo que nesses dois episódios nada foi mencionado sobre o assunto.  

Talvez Você Curta

0 comentários

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe