Life's Too Short 1x01: Episode #1.1

domingo, dezembro 18, 2011


Junte na mesma mesa Ricky Gervais, piadas sobre a deficiência alheia, várias celebridades passando pelas cenas mais constrangedoras possíveis, um anão capaz das maiores canalhices e temos um humor que não poderia ser mais baixo. Life's Too Short é assim... Só descendo vários níveis para compreender.

Quando soube que Warwick Davis estava estrelando um documentário uma comédia em parceria com a BBC e a HBO não pude deixar de ver... Mentira! Eu disse Warwick who? E se você é como qualquer outro reles mortal e nunca ouviu falar sobre o ator, saiba que ele é o anão mais influente from UK e já estrelou em Harry Potter (nunca tive saco), O Guia do Mochileiro das Galáxias (nunca vi o filme) e O Retorno de Jedi (o ursinho de pelúcia Wicket). A série é isso, uma enxurrada de piadas constrangedoras, referências de alguns trabalhos de Warwick grandes obras do cinemas e uma hilária forçação de barra para colocar seu personagem nas piores situações possíveis.

A premissa é a de que Warwick Davis está gravando este documentário para ganhar dinheiro pois está desempregado e não faz filme há muito tempo mostrar como a vida dos anões é blasé e comum e que nem sempre estão em situações cômicas e constrangedoras... Só que ao contrário. O mais hilário e interessante da série é que o grande enfoque não é o fato do ator ser anão, mas sim de se achar uma celebridade e volta e meia ser encurralado entre a câmera e alguma pessoa que afirma não conhecê-lo, o que claro enche as cenas de Poker Face.


Mas a Barra que o ator está passando não para por ai. Além de estar desempregado e ninguém no show business lembrar mais dele, ainda está passando por um traumático divórcio (sobre o qual ainda está em fase de negação). E os únicos amigos que ele pode contar são Ricky GervaisStephen Merchant, os quais visita quase que diariamente atrás de conselhos e pedidos de emprego. É exatamente aí que entra uma das partes mais engraçadas da série. Todas as caras de "boring" que os executivos fazem o falatório de Warwick, os estranhos brainstorms com celebridades que rolam na sala, as caras que Warwick faz ao conhecê-las, é tudo muito hilário e envolto em várias camadas de vergonha alheia.

O ator convidado desse primeiro episódio é Liam Neeson, que quer atacar de comediante e não entende por que as pessoas não o convidam para isso, o que, mais à frente, compreendemos. Sério, o roteiro nessa parte é memorável! Quando solicitado a sugerir um tema para o ator trabalhar Warwick sugere um hipocondríaco... E daí pra frente é um festival de piadas de alto nível aliadas as Poker Face das pessoas na sala que me fizeram rir por cinco minutos ininterruptos. 

Já ia esquecendo... Warwick não é só um ator! Ele também é um homem de negócios e coordena uma agencia de baixos talentos anões para a indústria do entretenimento, e é assessorado por dois dos mais competentes funcionários do mundo: Cheryl e Eric (secretária e contador respectivamente). Justamente quando eu pensei que não poderia chegar à níveis de vergonha alheia maiores, eles fazem eu querer me matar.

Life's Too Short sem dúvidas fará você se acabar de rir! Afinal, estamos falando de uma a comédia na medida certa... Para você que adora descer o nível!

A criação é de Warwick Davis, Ricky GervaisStephen Merchant e a produção, roteiro e direção fica por conta dos mesmos.

Obs. 1: Fui na locadora procurar Willow e não tinha! #BOOM

Obs. 2: Também quero um pet chamado Chewbacca! Now!

Talvez Você Curta

2 comentários

  1. O segundo episódio conseguiu ser ainda melhor que o primeiro pra mim. Td aquela história do Jhonny Depp foi demais. Já sou fã.

    ResponderExcluir

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe