Jane by Design 1x01: Pilot [Series Premiere]

domingo, janeiro 08, 2012


Uma série que tem todos os ingredientes para se tornar a queridinha teen (ou nem tão teen assim).


Jane by Design estreou dia 03 nos EUA pelo canal ABC Family e com certeza já deve ter começado a arrebanhar alguns milhares de fãs. Digo isso porque não sou uma garota muito ligada em mundo da moda e toda essa aura “superficial” que o circunda, mas apesar disso gostei do piloto!

A série conta a história de Jane Quimby (Erica Dasher), uma garota abandonada pela mãe quando bebê,  que sofre bullying no colégio, tem um único amigo (Billy Nutter, interpretado por Nicholas Roux) e precisa aprender a se virar sozinha pois, com a morte do pai e seu irmão Ben (David Clayton Rogers) desempregado, corre o risco de perder a casa em que moram.

Jane consegue uma entrevista para estágio numa empresa de moda (DonovanDecker) e, graças à uma confusão de papéis, acaba sendo admitida para o cargo de assistente da temida e imprevisível Gray Chandler Murray (Andie MacDowell) , tendo apenas uma semana para provar que tem competência para tal.

A partir daí a vida de Jane vira uma loucura e ela divide sua sofrida jornada escolar com reuniões, telefonemas, agenda e, não podemos esquecer, espionar India Jordain (India De Beaufort) uma cobra venenosa colega de trabalho que quer roubar o cargo de Gray. Tudo isso com roupas super elaboradas e cheias de personalidade que eu pessoalmente A-DO-REI!

O primeiro episódio - talvez por ter de uma vez só nos apresentado a protagonista, seu contexto familiar, escolar e o início de sua jornada com Gray – foi bastante dinâmico, mas nem por isso tornou-se confuso ou cansativo e a narrativa mostrou-se bastante envolvente (a trilha sonora ajudou MUITO a mergulharmos nas emoções de Jane). Lembrou-me muito O Diabo Veste Prada, e acredito que a intenção foi mesmo essa, mas acho que para que se desenvolva uma série propriamente dita, com várias temporadas e tudo mais, as histórias terão que ser muito bem desenvolvidas e criativas, menos previsíveis, do contrário o tema se esgotará muito rápido.

No mais, se continuar com esse tom despretensioso, leve e com um humor sutil, tem tudo para dar certo e se tornar a nova febre adolescente. Garanto que rostos bonitos, intrigas e personagens que amaremos odiar não faltam – vide Lulu Pope (Meagan Tandy), aquela bitch!

Por enquanto está inclusa em minha watchlist, e mais reviews virão por aí! Até o próximo episódio.

PS: Ninguém achou estranho um amigo que fica disponível para te levar pra lá e pra cá o dia todo?

Talvez Você Curta

2 comentários

  1. Achei super estranho o amigo dela estar lá sempre pra levar/buscar. E ele ligando pra avisar do exame dela tbm. Acho que isso é pq sou uma amiga meio desnaturada de vez em quando, mas eu ficava tão louca com minhas próprias provas, que nem fazia ideia de quando eram as dos outros.
    Mas achei o piloto "ok", num bom sentido. Agora é torcer pras histórias irem se desenvolvendo bem.

    ResponderExcluir
  2. Eu até gostei da série, pra mim ela tem uma pitada de guilty-pleasure.
    Só queria deixar registrado, que, se descobrirem que Gray Chandler Murray é na verdade a mãe da Jane eu não vou ficar surpresa.

    ResponderExcluir

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe