Two and a Half Men 9x13: Slowly and in a Circular Fashion

quarta-feira, janeiro 04, 2012


O melhor episódio do ano... Até agora, é lógico!

Para quem estava esperando que o Hiatus fosse conseguir um fôlego para começar o ano com tudo, sinto muito informar, mas não foi dessa vez. Como eu gostaria que esse Hiatus fosse mais longo. Sinceramente, eu não tinha mesmo muitas esperanças de um episódio bom. Não podemos negar que o episódio dessa semana foi melhor que o anterior, mas afinal de contas, qual não foi?

Para variar o plot principal do episódio foi bem bobinho, Robin e Bridget resolvem tirar o Walden da presidência da sua empresa, porque ele estava gastando muito dinheiro. Bridget motivada pela vingança, Robin querendo cuidar do seu “filhinho” e Walden simplesmente querendo proteger o que é seu. Achei muito bobo a Robin se aliando a ex-nora contra o próprio filho. Isso sem contar no nome da empresa - Walden Ama Bridget – Seriously?!

As escolhas do Walden para ajudá-lo foram simplesmente perfeitas. A Zoey como advogada e o Alan como membro do conselho para votar a favor dele. Acho que dada as circunstancias, ele não poderia ter escolhido alguém melhor que o Alan. Por um momento cheguei a pensar que ele deveria ter escolhido o Jake, mas então mudei de ideia rapidamente depois de refletir um pouco sobre os últimos episódios. Acredito realmente que ele iria acabar fazendo besteira.

Todas as abordagens de Robin e Bridget ao Alan não me surpreenderam nem por um instante. Foram muito previsíveis em minha opinião. Assim como ele cedendo a todas as investidas das duas e depois voltando atrás quando acabava tendo que contar ao Walden que o estava traindo. Alan se tornou um personagem repugnante e desprezível nessa última temporada. Nas temporadas passadas ele sempre teve esses traços, mas não como agora. É o tipo de personagem que torcemos para se dar mal. Uma pena.

No final acredito que todos sabiam que o Alan ia acabar ficando do lado do Walden. Para mim já estava óbvio que ele acabaria traindo as duas não importando o que fizeram para ele. O que me surpreendeu realmente, apesar de muito improvável, foi o Walden passar a casa para o nome do Alan como recompensa por tê-lo ajudado no voto. No final das contas irá servir somente para falar que é sua, porque na verdade vai continuar sendo do Walden, que é quem bota dinheiro na casa.


Pontos altos do episódio:
Colaboração: InSUBs.

Alan: “E considera essa perda como um "oops"?”
Walden: “Sim.”
Alan: “Não, não. ‘Oops’ é tirar a cutícula e sangrar um pouco. É confundir creme dental com lubrificante. É achar que o peido no elevador não fará barulho.”
Walden: “Você confunde creme dental com lubrificante?”
Alan: “Foi só uma vez. Ardeu pra caramba, mas meu pênis ficou com gosto de menta.”
Walden: “Espera aí. Como sabe que ficou com gosto de menta?”
Alan: “Anos de yoga e solidão.”

Walden: “Quer fazer parte do conselho da minha empresa? Eu mudo o nome para Walden Ama Zoey.”
Zoey: “Obrigada, mas não acho que seja uma boa ideia misturar negócios com genitálias.”

Alan depois de trair Robin e Bridget: “Se vale alguma coisa, não são as primeiras mulheres que decepcionei. Pode ficar com o carro. Está sem gasolina. E infelizmente, Robin, não posso devolver o que me deu, mas gostei bastante.”


E você, gostou do retorno da série? Não deixe de comentar.

@dncavalcanti

Talvez Você Curta

0 comentários

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe