American Idol 11x06/07/08: Portland/St. Louis/Hollywood Week Part 1

quarta-feira, fevereiro 22, 2012


O fim das audições e o início da temida Hollywood Week.

Já não é novidade para ninguém que eu estou amando essa temporada de American Idol e esses três episódios só me deixaram mais contente com o programa. A edição continua ágil e divertida. Até a primeira fase da Hollywood Week, que normalmente dá um certo trabalho para a edição por ser várias filas e não conhecermos muitas daquelas pessoas, ficou bem montada. Mas vamos as audições, na ordem de exibição.

O programa começou com a fofíssima Brittany Zika, ela pode não ser a melhor cantora que vimos até agora, mas tem uma voz linda e já tinha me conquistado só pela escolha da música. Quem também arrasou nos vocais foi Jermaine Jones que agradou os jurados e ganhou facilmente o seu golden ticket, mas o melhor mesmo foi sua mãe surtando pelo celular, ÉPICO.

Aí acabou o primeiro dia, o que provou que não tivemos muitas boas apresentações nele, mas nos deixou mais tempo para o segundo dia que teve ótimas audições. Começando por Britnee Kellogg e seus filhos fofura que arrasou cantando You’re No Good e ganhou seu lugar em Hollywood. Romeo Diahn também fez um ótimo trabalho cantando seu reggae, mas é um daqueles que não devem chegar muito longe na competição, mas vai saber, Naima chegou no Top 12.

Acho que o destaque do episódio foi mesmo Bem Harrison e não foi nem por sua voz, porque sua audição foi doída de assistir, mas foi tudo extremamente engraçado e aquele fim com ele mandando beijinho para J-Lo? Ri pra sempre. No fim, a melhor voz do episódio foi a de Jessica Phillips que tem a fórmula certa para ir longe na competição, ela é, definitivamente, alguém para ficarmos de olho.

E então foi a vez de assistirmos as audições no lugar onde Carrie Underwood foi descoberta, a cidade do arco, St. Louis. As audições começaram com o incrível Johnny Keiser que fez os jurados quererem mais e mais escutar sua voz incrível, três “Sim” fáceis... KEEP SINGING. Mas não foi só Johnny que fez uma audição incrível, Rachelle Lamb manteve o nível do episódio e fez uma ótima apresentação country, mas vem cá, ela desistiu das Little Mix e resolveu seguir carreira solo?

Reis Kloeckener fez uma das apresentações mais emocionantes de toda a temporada. Foi realmente muito bonito e Steven Tyler se emocionou com razão, ele com certeza é alguém que quero ver chegar muito longe na competição. Outro que também fez uma apresentação linda foi Ethan Jones, tão bonita quanto sua história, ele tem uma voz linda e deve ganhar seu lugar no top 24. As audições acabaram com Lauren Gray, uma garota com uma voz incrivelmente forte no maior estilo Joss Stone e ganhou facilmente meu título de melhor apresentação do episódio, fechou as audições dessa temporada de American Idol com chave de ouro.

E assim St. Louis fez o melhor, e último, episódio de audições, dando espaço para a tensa Hollywood week e é ela que eu estava esperando. Com audições tão incríveis como tivemos nessa temporada não tinha como a próxima fase não ser igualmente ótima.

Bom, a primeira fase da Hollywood funciona da seguinte forma: os candidatos formam filas com 10 pessoas, um por um eles se apresentam para os jurados e na hora eles já sabem quem da fila fica e quem da fila vai embora. Não dá pra falar de todas as apresentações que tiveram no episódio, então vou falar dos que realmente foram destaques e dizer quem de importante foi embora.

A Hollywood Week já começou com duas vozes incríveis: Johnny Keiser e Heejun, que facilmente ganharam seu passe para a segunda fase da Hollywood Week. Na fila seguinte tivemos a incrível Elise Testone, a linda Baylie Brown e uma das melhores vozes femininas, Halye Day que também passaram facilmente para a próxima fase.

Outras apresentações incríveis foram a de Jen Hirsch, que já tinha ido super bem em Galveston atingindo notas incríveis, Philllip Phillips com seu jeito super diferente que encantou a todos logo no primeiro episódio de audições e Reed Grimm que também tem um jeito bem único.

A primeira grande baixa na Hollywood Week foi Travis Orlando, o cara tinha uma voz incrível e acho que ele poderia facilmente ter continuado na competição, junto com Travis, Ramiro e Wolf também foram cortados da competição, assim como a filha do Jim Carrey.

O segundo dia de apresentações foi dominado pelos adolescentes, Shannon Magrane e David Leathers Jr. Detonaram no palco, principalmente David, e ganharam a chance de se apresentar em grupos na próxima fase. Mas o melhor foi mesmo deixado para o final, Erika Van Pelt, destruiu como já havia feito em sua audição e inclusive senti uma vibe meio P!nk no final e Creighton com sua voz distinta também deu um show.

Uma coisa que me deixou bem triste foi a eliminação de Lauren Mink, acho que ela tem muito a crescer e queria mesmo ver um pouco mais dela na competição. O programa acabou com a chocante audição de Symone Black, que deixou um clifhanger para o próximo, será que ficou tudo bem com a garota?

ps: Vou rir até o fim dos tempo do velhinho taxista.

ps²: Galera, estou sem computador a mais de semana e estou tendo que me virar nos 30 para baixar os episódios e fazer as reviews, então peço desculpa pelo atraso e a paciência de vocês, até o final dessa semana pretendo estar com tudo de volta ao normal. See ya!

Talvez Você Curta

0 comentários

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe