Two and a Half Men 9x17: Not in My Mouth!

quinta-feira, fevereiro 23, 2012


UUUUAAAARRRRGGGGHHHH...

Two and a Half Men nos apresenta essa semana mais um episódio fraco levando-se em consideração toda a temporada até agora. De forma bem atípica, o episódio foi em minha opinião nojento, previsível e raso no que se refere à história e evolução dos personagens. Como sempre acabo me divertindo apenas com uma ou outra piada que acaba sendo engraçada.

Todo o episódio focou em um problema no relacionamento de Walden e Zoey. Tudo começa quando o avião do Walden sofre uma grande turbulência e ele achando que vai morrer fala para Zoey que a ama, e ela, apavorada com a situação, não lhe retribui. Em minha opinião, um plot nada interessante.

Sinceramente não esperava que o Walden fosse lidar bem com a situação, tendo em vista a atitude imatura que ele tem apresentado desde o inicio da temporada. Quando ele tentou em vão falar com ela em seu apartamento, antes que ela viajasse para Londres e ela não falou o que ele queria escutar, ele me pareceu uma criança fazendo birra quando foi embora. A cada episódio que passa, sinto menos simpatia por ele.

Não me surpreendi quando Walden foi procurar consolo nos braços de Jennifer, uma vizinha da Zoey. Para mim era só uma questão de tempo para isso gerar algum problema para ele, e foi exatamente isso que aconteceu quando Zoey ligou para ele do avião e escutou Jennifer. Em minha opinião, muito previsível.

Dada as circunstancias Walden procura resolver a situação da melhor forma possível (na visão dele, lógico), ir até Londres levando Alan e Lyndsey como testemunhas que ele não fez nada com Jennifer. No final das contas eles acabam se acertando depois de uma conversa bem simples.

Em meio a tudo isso, no decorrer de toda a história, Lyndsey tem diversas crises de vômito devido ao consumo de bebida. Ela vomita de manha no quarto enquanto Alan e Walden conversam, vomita no avião causando um surto de vômito em Alan e Walden e no final em Londres quando estavam juntos com Zoey.

Particularmente acredito que a série está querendo transformar a Lyndsey em uma versão feminina do Alan. Ela vomitando no decorrer do episódio, me pareceu ser uma apelação a tentativa de transformá-la em uma personagem repugnante. Acredito que seja para fazer um par romântico melhor com o Alan. Em minha opinião, eles estão conseguindo cumprir muito bem esse objetivo.

Sobre o Jake e sua participação nesse episódio, nem tenho o que comentar.

Pontos altos do episódio:
Colaboração: InSUBs.

Lyndsey: “O que é mais triste que uma garrafa vazia de vinho?”
Alan: “Ser o namorado de uma quarentona bêbada.”

Walden: “O que fazer quando diz que ama alguém e a pessoa não responde?”
Lyndsey: “Beber.”
Alan: “Espera, disse que ama Zoey?”
Walden: “Pensei que o avião ia cair e escapou, junto com um pouco de xixi.”

Alan: “O que Zoey disse?”
Walden: “É o que ela não disse. Ela não disse que me ama.”
Alan: “Por favor. Se eu insistisse em ouvir ‘eu te amo’, nunca teria namorada, esposa, ou mãe.”

Alan enquanto limpava a privada: “Não acredito que beijo a boca que fez isso.”

E você, o que achou desse episódio? Não deixe de comentar.

@dncavalcanti

Talvez Você Curta

4 comentários

  1. nossa.. eu demorei alguns segundos para lembrar que o Jake participou desse episódio! Mas bem, achei tudo muito deprimente e nojento... Eu não sei de onde eles tiraram que vômitos tem sequer a possibilidade de ser engraçado. Pena viu.. Jon levando a série nas costas e nem é o mais bem pago!

    ResponderExcluir
  2. Thais, tudo bom?! Assistir a episódios como este me faz sentir saudades do Charlie Sheen na série. Abs

    ResponderExcluir
  3. é, é uma pena mesmo mas axo q esta na hora de TAHM ir embora...

    ResponderExcluir
  4. Olá Daniel, tudo bem sim e você?! rs Nossa.. saudade imensa do finado Charlie Harper... Só ele consegui interpretar a si mesmo (embora muita pena em reação à vdia real, o jeito sarcastico e auto-destrutivo rendia ótimos enredos e piadas!) Apesar da melhora nos ultimos episódios, percebe-se que a série não tem mais muito o que falar! E vamos concordar, né?, o Éxiton pode ser um rostinho bonito (quando devidamente barbeado e com madeixas aparadas), mas ele está longe de ser o bom ator que essa série precisa para se salvar.
    Podiam levar o Dr. Albieri para o seriado e criar um clone do Charliezinho!! Imagine que beautiful it would be!
    Ou então um Spin-off só com o Jon e Conchata... Morro de rir com os dois!!!

    ResponderExcluir

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe