Magic City 1x08: Time and Tide (Season Finale)

sexta-feira, junho 08, 2012


Nem um pouco do que esperava dessa finale!

Definitivamente o penúltimo episódio deixou a todos apreensivos, pois o drama tinha elementos suficientes para nos deixar na vontade de quero mais, no entanto "Time and Tide" começou com a estranha desconexão emocional ao vermos Maria, a mulher de Victor Lazaro, que estava presa em Cuba ser alvejada por tiros, juntamente com vários outros na esperança de fugir da ilha. 

Por enquanto ficou meio incerto o futuro da cubana, mas acho que seria algo bem entranho sua sobrevivência vistas às condições em que tudo aconteceu. 

Sendo assim, ainda é incerto o papel que vão fazer os personagens de Mercedes e Victor na próxima, esta que já havia sido garantida antes mesmo da inicio da temporada, como de costume já da Starz, visto Boss e Spartacus. 

Infelizmente, não vi muita melhoria ao longo da temporada, não consegui me conectar a nenhum personagem realmente, seja pelas performances que não estavam no melhor ou talvez os plots que realmente não vingaram, mas possibilidades a história possui, mas falta uma melhora significativa nos conceitos e abordagens, espero sinceramente uma melhora para segunda temporada. 


Por outro lado, tivemos um espelho mais personifcado da máfia do que os “modelos básicos” que vemos por aí, é bom ver que as perversões de Ben são capazes de superar sua raiva. 

Esta peculiaridade personagem oferece-lhe a chance de brincar com sua presa, em vez de simplesmente matá-los – algo que não traria nada de bom à série neste momento. 

Fazendo de Ben um sádico voyeur não foi apenas um movimento agradável, longe do psicopata que atirou no cachorro, mas também cria uma complexidade necessária na persona, no qual ele está autorizado a responder a determinados estímulos (ou seja, a revelação que sua esposa dormia com o filho de seu parceiro) de uma maneira nada esperada. 

É lúgubre, sim, mas ele define Ben até ser mais do que um simples vilão cálculista, como ele se apresentava no início da temporada. 

Do restante do episódio posso dizer que muito não sobrou a ser comentado, exceto pelo salto de Vera como imagem do Miramar Playa, uma vez que não haverá ninguem mais para comandar o local, já que pelo visto Ike ainda permanecerá muito tempo na cadeia. 

Ou pelo menos deveria, seja pelo bem de Vera e seu personagem que teria um amadurecimento na trama e, além disso, nos deixasse em paz com suas melancolias. 

E não pararia por aí, já que desse modo ficaria sabendo das tramas que Ike esconde dela e dos filhos, agora é esperar que Mitch Glazer e sua produção estejam preocupados em suprir tais necessidades, do mais é só aguardar e ver o que nos reserva a season 2.

Talvez Você Curta

0 comentários

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe