The Newsroom 1x02: News Night 2.0

terça-feira, julho 10, 2012


Separando bom jornalismo de boa televisão
O maior desafio que um telejornal pode ter quando resolve transmitir notícias “de verdade” é se manter vivo. O público é passional e quando contrariado não demora para mudar de canal. É nessa situação que se encontra a News Night que, apesar de ter ganho audiência com a história do vazamento de petróleo, enfrenta um futuro incerto. Sabendo disso, Charlie tenta se prevenir ao pedir para Reese Lancing (Chris Messina), presidente da Atlantic Cable News, que não informasse Will os números de audiência, mas acaba levando o mesmo a procurar o âncora para mostrar o que tem a perder. Will ainda está inseguro com seu novo caminho, apesar de muito apoiar a premissa e, por isso, acaba seguindo o conselho de Lancing. Esse sentimento de insegurança vem de três anos antes, desde que começou a sentir necessidade por aprovação alheia, quando terminou com MacKenzie.

Will pede a MacKenzie para não discutir com ninguém sobre o fim de seu relacionamento. Outro pedido que sai pela culatra fazendo a produtora, por acidente,  contar que traiu o ex para toda a emissora. Mas MacKenzie defende seus 2% de inocência do seu ato: foi traindo McAvoy com seu ex-namorado que descobriu que realmente o amava. O velho caso daquele que não dá valor até perder. O relacionamento está ferido, e Will não pode esquecer o que aconteceu, por mais que quisesse nunca ter sabido, mas muita história ainda está por vir para os dois que, é claro, ainda ficarão juntos de novo.



Outro relacionamento que temos por esperar é entre Maggie e Jim. Maggie, sem muito perceber o porquê, fica bem irritadiça na companhia do novo produtor, como num romance infantil. Os dois tem química, e a personagem é inacreditável ao contar que ficou debaixo de uma cama enquanto um garoto se “reconciliava” com sua ex. A relação dela com Don não é das melhores, e por mais que esteja encantada com seu caso com o grande produtor, em algum momento irá perceber que ele não é certo pra ela.

Também conhecemos a nova personagem Sloan Sabbith (Olivia Munn), uma analista financeira que nos tempos vagos anda por aí com suas belas pernas. MacKenzie a contrata afirmando que se vai botar alguém para ensinar economia no ar, que pelo menos seja bonita. O conceito funciona para a série também.



No final, MacKenzie enfrente Will para se certificar de que ele está ou não do lado dela. E está. Agora cabe a ele encontrar sua paz com a rejeição. O caminho que estão decidindo seguir não é simples, e traz muitas consequências. Como irão lidar com a futura queda de audiência? Ou será que encontrarão um jeito de manter seu público mesmo alfinetando-o? Cabe a eles ensinarem seu público a procurar pela verdadeira notícia.

A série continua tão boa quanto começou. Seu forte está no roteiro de Aaron Sorkin, especialmente nos seus diálogos rápidos e inteligentes. Também dá graça às tramas jornalísticas a ideia de contextualizar a série dois anos antes para vermos notícias antigas e outras visões delas. Um modo de fazer na série o que Charlie e MacKenzie querem fazer com seu jornal. No próximo episódio devemos ver consequências do fracasso que foi o jornal desta semana e provavelmente mais desentendimentos entre Maggie e Don.

Talvez Você Curta

3 comentários

  1. Serie muito boa!!!
    Confesso que demorei um pouquinho para ver por que achei que o enredo não seria bom. Mas fiquei extremamente feliz de ver que me enganei. Essa serie tem muitos diálogos rápidos e inteligentes (acabei me perdendo uma 3x e tive que voltar para rever uma cena), atores brilhantes, e não é daquelas que tem muitos historias interligadas, aquelas que criam um caos na nossa cabeça, enfim... nota 1000 para essa serie.
    Quanto a MacKenzie ter enviado um email para toda a empresa: tenho quase certeza que foi intencional, já que ela tava tão empenhada em fazer todos saberem o quanto o Will era bom, ou talvez só para mudar o foco da explosão que ele teria se tivesse sabido que ele tinha perdido uma convidada importante.

    ResponderExcluir
  2. Essa série começou muito bem!

    ResponderExcluir
  3. Como boa amante de ótimas séries já sei que vou adorar The Newsroom, que promete prender a nossa atenção com um contexto muito diferente das séries atuais, onde o âncora de um programa jornalístico traz conteúdo político polêmico e opinativo. Estou ansiosa pela estréia.

    ResponderExcluir

Fala aí, seuslindos!

Disqus for Seriadores Anônimos

Subscribe