Weeds 8x02: A Beam of Sunshine

terça-feira, julho 10, 2012

Conheça After Nancy.

77 dias e $430.770,12 em despesas médicas após os eventos da premiere, Nancy já está desperta e operando uma espécie de sistema de mercadorias (tipo cachaça e amendoim, nada de maconha – não ainda) no hospital, tudo na base da caridade, pois agora ela é After Nancy tal qual nas campanhas publicitárias de "antes de depois" onde o antes é sempre gordo e triste e o depois, sorridente, mais bem vestido e com o cabelo arrumado. Mas amendoim e bebida para quem está para morrer de câncer é pouco, então After Nancy inicia sua distribuição gratuita de biscoitos de maconha, para o desagrado do palhaço e também fornecedor oficial de pirulito de maconha do hospital. 

Graças aos boatos de que Nancy está envolvida com a máfia italiana (daí o atentado contra sua pessoa, dizem), ela consegue botar o palhaço na linha antes do fim de sua estadia no hospital, a história se fecha ali e pouco provavelmente será retomada mais adiante, mas depois do retorno de Tim Scottson, nunca se sabe.

E por falar nele, depois de 77 dias e uma conversa sobre como a orfandade paterna potencialmente te faz virar um homicida, Shane finalmente descobriu a real identidade do atirador, mas isso só acontece no fim do episódio. Enquanto isso, Silas ainda está se envolvendo (sadomasoquisticamente e, talvez, romanticamente) com sua agente de modelos da temporada passada; Andy e Jill estão juntos de verdade agora e nem a volta do ex-marido conseguiu romper a sólida e insana relação dos dois; e só teve uma cena com Doug (</3), sem apalpação mas com putaria incluso.

Ao que tudo indica, o foco da temporada será em Nancy, meio sequelada depois do tiro, compensando sua vida de Before Nancy com muita "energia positiva" e arrastando a família inteira para dentro disso, como sempre. Eu acharia mais graça se ela agora saísse de porta em porta pedindo um tempo para ouvirem a palavra do senhor. Mais engraçado e, de acordo com minha experiência de vida, mais verossímil também.  

Brincadeiras à parte, estou querendo muito gostar dessa última temporada e até agora não me decepcionei com nada (até fui com a cara da nova abertura dessa vez). Sei que não é recomendável apostar tanto assim em qualquer coisa da Showtime com mais de 4 temporadas (oi, Dexter), mas, no caso de Weeds, o cancelamento já foi anunciado e a produção não precisa mais "se prostituir" por audiência. Falhar agora seria um erro gigante e uma desapontante confirmação de que os roteiristas da série perderam a mão de vez.

Talvez Você Curta

2 comentários

  1. Eu adorei esse episódio. E pelo visto, o próximo será melhor ainda.

    ResponderExcluir
  2. A Showtime realmente não tem limites, mas Weeds, pra mim, acaba tendo pontos positivos justamente por ainda me ter como espectador. Já assisti quase todas as séries da Showtime e já larguei várias.

    Eu gosto muito do fato de Weeds ter se reinventado várias vezes, e gosto da atenção dos escritores ao escrever Season Finales que se encaixassem como Series Finale, para satisfazer os fãs caso a série fosse cancelada.

    Eu estou confiando muito nessa temporada.

    ResponderExcluir

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe