Revolution 1x02: Chained Hent

sexta-feira, setembro 28, 2012




A busca por Nora.

Comecei a assistir esse segundo episódio de Revolution pensando: Porra, não tem como ficar pior do que o Piloto. No geral, ainda tá muito ruim, mas pelo menos algumas coisas mudaram, alguns personagens foram mais bem desenvolvidos, mas no total, o desapego pela série ainda é tremendo.

Claro que a maior parte desse tédio com Revolution continua vindo da PRINCIPAL: Charlie. Perceba que ela não consegue ficar sozinha nem por um dia, não para de encher o saco do tio, sendo que em tese, ele sabe o que está fazendo e ainda fica TEM DÚVIDAS se Nate é ou não da Milícia. Mas tudo bem, nenhuma novidade aqui, todo mundo sabe que ela é burra.

Porém, as coisas deram uma mudada quando ela finalmente abriu a boca e falou o que realmente queria dizer. Sua mãe deu um simples trabalho para a menina: cuidar do irmão, custe o que custar. Ela só quer tentando fazer o máximo possível para se esquecer do fato de que ela não fez nada em relação ao irmão e se a gente pensar melhor foi até por causa dela que o irmão foi levado.

A passagem de Danny pelos terrenos do velho Estados Unidos e nova República Monroe mostra o talentoso Giancarlo Esposito, que fez o vilão mais perfeito do mundo em Breaking Bad, o Gus Fring. Sinceramente, se pudesse escolher um motivo para aguentar as várias cenas arrastadas da série, seria pelo ator, que continua fenomenal, mostrando que provavelmente se tornará em um dos personagens mais complexos da série.

Por outro lado, todos os outros atores precisam urgentemente parar de aturar, isto é, se eles chamam o que fazem nesse episódio de atuação. Há a necessidade de se criar um roteiro sólido, que não se segure somente por várias e várias caminhadas na matinha. Até porque, só foi isso que aconteceu até hoje.

Nora foi uma boa adição à série, mas creio que ela não será regular. Adorei que o único motivo dela ter entrado no trabalho escravo era para conseguir o rifle, que com certeza daria uma nota preta no mercado negro, só que não né, já que o que ela quer mesmo é estourar os miolos da milícia.

Perceba que todo o elenco parece estagnado e chato, mas talvez isso aconteça só porque ainda não os conhecemos direito. O que também precisa é maior aprofundamento no passado dos personagens, como aconteceu com Charlie e também com a madrasta, mas foi uma cena tão rápida que quase perdi os enormes diálogos.

Porém, Revolution não quis brincar em serviço e já mostraram que Rachel VIVE. Sinceramente, estava na cara. Reclamei anteriormente que achava que iriam enrolar em mostrar algum desenvolvimento na história em geral, e mesmo que eu ainda ache que isto vá acontecer, tivemos bastantes revelações logo no segundo episódio. Resta saber se vão continuar nesse pique, entregando um terceiro episódio melhor e mais bem bolado, e claro, desenvolver melhor a mitologia da série. 

Talvez Você Curta

5 comentários

  1. Ate tentei ver o segundo episodio, mas putz que serie chata....
    Ate engulo a charlie(so que nao), mas todo mundo ter pen um drive mega evil ai nao deu....
    Pode cancelar ja?
    Acho que prefiro tentar ver dinosauros do que isso.... Agora so se TODO MUNDO falar q ficou mto boa, tipo lost 1 temporada.... Ai quem sabe..........

    ResponderExcluir
  2. Eu gostei bastante, me diverti com a historia. Vou continuar vendo.

    ResponderExcluir
  3. Lost começou bem legal, você não curtiu os primeiros episódios?

    ResponderExcluir

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe