The X Factor US 2x02: Auditions #2

domingo, setembro 16, 2012



Acho que Britney Spears não gosta muito de flores.

A continuação da premiere não foi tão satisfatória quanto a primeira parte, mas ainda sim conseguiu me divertir bastante e não deixou de surpreender.

A edição nos mostrou o lado namoradeiro de Demi Lovato e também mostrou que carinhas bonitas não são suficientes para conseguir uma vaga na próxima fase, inclusive quando as juradas ficam todas animadinhas com a aparência de um candidato.


Não tivemos várias apresentações de destaque, mas tivemos a chance de conhecer gente com muito potencial. O primeiro candidato da noite foi Johnny Maxwell que cantou uma música original e contagiou o público e os jurados. Não gostei tanto dele, talvez pelo seu estilo musical, mas não tiro os méritos dele, só tenho medo de acontecer o que aconteceu com Marcus na temporada passada, que foi carregado até bem longe na competição por fogo de rabo das juradas.

A segunda grande surpresa da temporada (a primeira veio da noiva cadáver de San Francisco) tem nome: Jason Brock. O cara veio todo espalhafatoso, com o jeito do desastre, descrevendo seu show e aí... Ele começou a cantar. Que voz é essa? Fiquei completamente surpreso e arrepiado. Não sei se Jason vai conseguir chegar até os live shows, mas ele com certeza mostrou a que veio.


E então tivemos a... Explosiva apresentação do “irmão da Britney Spears”, que resultou na impagável expressão que ilustra esta review e que não requer nenhuma outra explicação. Não sabia se eu dava risada ou se eu apenas sentia muita vergonha e esperava aquilo acabar. Desastre total. Mas também fiquei com dó, o cara é realmente louco pela Britney e deve ter ficado bem chateado com a reação de sua irmã.


A segunda parte da premiere foi encerrada pela jovem (e incrível) Carly Rose Sonenclar. Quem diria que quando uma garota de 13 anos subisse ao palco dizendo que vai cantar Feeling Good o resultado seria esse? Ela só viveu por esse curto período de tempo e canta melhor do que MUITA gente por aí com anos e anos de treino. Sensacional!

E foi isso, a primeira semana do The X Factor americano terminou e o balanço geral não foi incrível, mas definitivamente foi melhor do que ano passado. Ainda espero que eles foquem mais nos talentos e não naquilo que vai chocar ou fazer rir, mas isso está melhorando e quem sabe até das audições esse balanço já esteja perfeito? Estou bem otimista com essa temporada e a promo ao final desse episódio me deixou bem empolgado. Até semana que vem!

Talvez Você Curta

0 comentários

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe