Animal Practice 1X04: Dr. Yamamazing / 1X05: Who's Afraid of Virginia Coleman?

quarta-feira, outubro 24, 2012


"I thought I was Yamamazing, but now I'm just Yamamoron!"


E por essa frase que vos digo que, apesar de cancelada, Animal Practice terá sempre uma vaga cativa dentro do meu coração. A série não é boa, eu tenho consciência disso, mas é por causa de umas sacadas geniais como essa que você não consegue deixar de amar. Animal Practice me lembra muito coisas do tipo Cougar Town e Scrubs, que no fim das contas o que te envolve não é a história e a comédia como um todo, mas sim momentos épicos de personagens em particular, que fazem com que você ame eles eternamente.

Esse é o caso de Dr. Yamamoto, que a princípio nada mais era que o personagem bobalhão da série, todo cheio de clichês, mas ao qual foi dedicado um pequeno espaço na série episódio após episódio. E não é que o mesmo aconteceu em nossos corações? Como não amar o plot do Dr. Yamamoto batendo de cara nas vidraças? Amedrontado por ingênuos fantoches? Ou até mesmo perseguindo inocentes velhinhos alimentadores de pombos? "Yamamazing lives", e não me restam dúvidas quanto a isso. Depois de um episódio inteiramente dedicado à um dos personagens mais subestimados da série, tenho certeza que o mesmo terá um eterno espaço no coração dos fãs da série.


Apesar de Yamamazing dominar o episódio, o mesmo também teve outros plots, como o romance HT de Doug, vindo diretamente do colorado. Foi bem engraçada toda a pira do Dr. atrás de manter o amiguinho conterrâneo, e toda a vibe "New York é muito mainstream para mim, quero alguma coisa mais Old School". Angela e Rizzo permaneceram no plano de fundo, porém não passaram desapercebidos em nenhum momento. Ele virou o faxineiro e ladrão oficial de esponjas do hospital, e ela aparecendo o tempo todo aconselhando um aqui e outro lá, sempre com suas tiradas maravilhosas, seja sobre o candidato à vaga com narcolepsia ou as piadinhas infames sobre o "bromance" de Doug e seu amigo do colorado.

O que não funcionou no episódio? Eu digo o que não funcionou. Novamente foi Joanna Garcia. Pode até parecer que é implicância da minha parte, mas ela simplesmente não desce! O plot lá da nova doutora que chegou para ser um empecilho no romance dela com o Dr. Coleman tinha tudo para dar certo, não fosse a "sem graceza" de Garcia. Tanto é que além do plot ser completamente ofuscado pelo do Dr. Yamamazing, teve como ponto alto apenas as interações entre Dr. Coleman e Dr. Leiter, que me pareceu ser uma personagem bem interessante.



"Who's Afraid of Virginia Coleman?" apesar de não ser tão bom quanto o seu antecessor manteve a média engraçadinha da série e nos reservou momentos bem divertidos. A sequência de abertura com Dr. Rizzo derrubando tudo o que via pela frente, só par atrapalhar o caminho da Sra. Coleman, foi simplesmente impagável. E ele chegando e encenando para George que o mal estava por vir... Sério rí muito. Rizzo consegue se superar a cada episódio. E neste foi aonde vimos de onde vem toda essa vibe fria e calculista do Dr. Coleman, ela engana ele, depois ele engana ela, um pior do que o outro, e tudo por amor. Muito lindo de se ver. Mas o melhor mesmo foi a sacada da vodka na xícara, super mainstream e genial.

Além do plot da mãe do George, tivemos também o plot da "Dorothy não sabe dirigir o hospital" que de tão ruim e contraditório, prefiro nem comentar. Ou melhor... Só uma pergunta: se Dorothy veio parar por ordem no hospital como ela conseguiu piorar tudo, ou não fazer nada... Pense nisso! O bom é que isso nos rendeu a sala de recreação que foi uma insanidade atrás da outra, de macaco campeão de dardos à tratamento de marcha lenta, foi tudo muito engraçado. Outro ponto muito insano do episódio foi Dr. Yamamoto e toda a sua pira em caçar o matador de pombos, realmente muito bom.

No mais é isso meus caros, temos aí mais três episódios contados para cobrir dessa modalidade animalesca de se fazer televisão e depois teremos que nos despedir dessa crocancia que quebrou vários paradigmas no mundo da televisão, desde macaco mais bem pago à japonês mais burro do mundo da televisão. até a próxima. 

Talvez Você Curta

0 comentários

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe