Go On 1x06: Big League Chew

quinta-feira, outubro 11, 2012


“Todo grande atleta é perito em negação.”

E como é bom ver um episodio como esse! 20 minutos divertidos e descontraídos, sonho de toda sitcom, está dando as caras em Go On, uma das estreias da NBC na Fall Season. Ryan, que a cada episodio tenta superar um trauma causado pela morte de sua esposa, virou um viciado por comida (isso mesmo, por comida!).

E o grupo de reabilitação mais legal da televisão mostrou mais uma vez sua profundidade. Dando lições de moral naquele novo membro que achava que conversar sobre os problemas só faria com que piorassem. Ryan mostra que é apenas um homem normal que tenta parecer bem, mas por dentro está desabando em luto.

Todos ajudando todos, isso parece ser o que Go On promete para a temporada. Vemos dois exemplos neste episodio. O grupo tentando fazer com que Ryan assumisse seu vicio e fizesse algo para cura-lo e o próprio radialista, que no auge de seu problema tentou ajudar o Danny com sua Harborville.

Harborville que foi uma sacada muito legal dos roteiristas. Um lugar de fuga, quem nunca quis? Mas sempre é necessário voltar a realidade, porque os problemas e as preocupações sempre voltam. A cena final com o Ryan saciando sua fome na imaginação ficou fantástica.

Go On pode não ser um humor para gargalhar como Friends, mas é um seriado divertidíssimo. Uma comédia que flerta com drama, em pequenos episódios de 20 minutos que passam rapidíssimo. Se ainda não viu, veja!

Obs:
- Senti falta do Steven, achei que ele estava crescendo na serie e acabou ficando de fora desse episodio. Na minha opinião tem que dar um pouco mais de destaque nele.
- Esse George é o cego mais foda que eu já vi!

Talvez Você Curta

4 comentários

  1. Ah, George deu as caras! Não gosto muito do Steve não. Para mim, não fez falta. Considero este o melhor episódio de Go On até agora. Ri e me emocionei muito com todas as cenas de Ryan e o grupo. Amei também conhecer o namorado da Lauren e comecei a sentir, de leve, uma tensão entre a "terapeuta" e nosso querido locutor esportivo. Só eu tive a impressão que os roteiristas tiraram a inspiração para Harborville do filme Pleasantville (A Vida em Preto e Branco), de Gary Ross?

    ResponderExcluir
  2. Não percebi essa tensão, mas pode ser que os roteiristas estão abrindo o leque de possibilidades para a serie. Lembro-me de um episodio que o Ryan esteve bem próximo de sua assistente. Não sei se gostaria que ele se envolvesse com a "terapeuta", mas confesso que imagino toneladas de situações inusitadas entre os dois.

    ResponderExcluir
  3. Eu achei que eles estão abrindo essa possibilidade entre a terapeuta e o Ryan desde o primeiro episódio. E, sinceramente, não sei se gosto.
    Depois do Auggie de Covert Affairs, o Gorge é o cego mais foda q eu já vi. Muito boa a cena do Ryan tentando fugir inutilmente.
    e, sim! qm não viu a série, veja!

    ResponderExcluir
  4. Achei Harborville com a maior cara de Bluebell/Stars Hollow.

    ResponderExcluir

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe