The Walking Dead 3x04: Killer Within

quarta-feira, novembro 07, 2012




A morte mais esperada da temporada.


9 entre 10 fãs de The Walking Dead sempre citam Lori como a pior personagem, a personagem mais odiada e a personagem que mais possui esquemas de morte preparadas. Não há duvidas de que ela morreria quando fosse dar a luz e mesmo que a morte tenha vindo em um episódio rápido, o acontecimento em si não teve tanto alvoroço igual achava que seria.

O episódio foi bom, mas não gostei de como acabou. Por mais que não goste de Lori, Rick ainda é um dos melhores personagens e não há duvidas de que a perda da esposa fará com que ele se sinta péssimo, e essa perda com certeza vai alterar suas habilidades de líder. O último momento em que os dois compartilharam juntos (episódio passado) com certeza não foi o melhor momento dos dois. Agora, com Lori longe, não há como os dois reconciliarem, o que é uma pena, mesmo a personagem não sendo amada. Deveriam ter dado um encerramento para os dois, algo que, infelizmente, não teve.

Não é a primeira barra que Rick teve que enfrentar e com certeza não foi a última, mas um último momento entre os dois seria agradável. Só não sei se o bebê ter sobrevivido foi uma boa ideia. A série nunca foi muito boa com seus dramas de personagens, então sinto um pouco de receio por causa da adição no elenco. E outra, espero que o bebê aprenda a comer ervilha em lata, porque...

Maggie deve acabar virando a mamãe de baby Lori, afinal ela vai se sentir culpada pelo acontecido e criar o bebê será uma forma de lidar com a situação. Falando em Maggie, ela com certeza não estava tão tensa na hora do parto, porque ela já havia ganhado mais cedo do asiático. Foi triste ver T-Bone indo embora também, mas convenhamos que foi só nesse e episódio passado que ele finalmente falou alguma coisa.

Toda a sequência do tumulto dos walkers dentro da prisão foi deliciosa. Herschel, que tinha acabado de perder a perna, conseguiu ficar em pé sem as amuletas enquanto matava um Walker com a outra; as sequências nos corredores da prisão sempre são estranhas; E para melhorar toda a situação também teve o sonzinho da prisão tocando, e claro, teve Lori também descobrindo que a melhor forma de correr dos walkers é estando grávida. A única coisa triste entre todos os acontecimentos é que Carol nunca mais terá a chance de ser uma parteira. #barra

No núcleo dos limpinhos, Michonne continua a incansável busca por uma roupa decente. Ela precisa urgentemente ser mais bem desenvolvida e Andrea precisa parar de brincar com fogo. Já tinha deixado claro na review passada que um romance entre o Governador e Andrea estava a caminho, e se não fosse pela porta, os dois tinham se beijado. Mal sabe Andrea que é melhor deixar Merle ser o seu próximo pretendente do que ter algum lance com o colecionador de cabeças. 

P.S: A lição do dia, principalmente para Rick, foi: tenha certeza se a pessoa está morta antes de sair do recinto.

Talvez Você Curta

2 comentários

  1. De forma bem discreta esse ultimo momento q vc falou, entre Lori e Rick, aconteceu. Foi na hora que A Lori leva o véio lá p/ caminhar de fora da prisão, Rick e Lori ficam se olhando com um leve sorrisinho na cara. Era um sinal q tudo ia ficar bem.

    ResponderExcluir
  2. eu achei q ele tava olhando pro Hershel não pra ela :/

    ResponderExcluir

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe