Parks and Recreation 5x08: Pawnee Commons

segunda-feira, dezembro 03, 2012



O dia em que Mrs. Hitler salvou o dia.


Mantendo o ritmo da atual temporada, Parks and Recreation mais uma vez nos apresentou um episódio que não foi genial como a série já foi em seu passado recente, porém tudo acabou sendo salvo pela hilária interação entre Mrs. Hitler e Bert Macklin. Como já é de costume, April estava demais e trouxe os momentos mais engraçados do episódio sendo a mimada filha do Hitler. Vai falar que você não gostou da cena em que ela sai do seu esconderijo na sala em que Leslie e Ben recebiam o arquiteto? Adoro o poder que April tem sobre Andy, fazendo-o ajudar alguns perdedores e ainda reconhecer que é um policial muito melhor do que Bert sempre foi. A cena de despedida de Macklin foi a melhor coisa do episódio para mim, que não consegui me aguentar com o presente “You were in the FBI” e com a celebração de tiros vindos diretamente de um aplicativo de celular.

Assim como na semana passada, o comportamento de Leslie me pareceu exagero demais e passou um pouco dos limites, por mais que eu adore o ódio dela por Eagleton. Eu gosto muito de ver a mitologia da série com os sofisticados parques da cidade adversária (eu queria um balão caricatura meu) e o passado histórico das cidades. Foi muito legal descobrir que Eagleton foi formado por pessoas que fugiram de Pawnee com toda a grana da cidade. Sem falar da ótima história do tornado, em que toda Eagleton não estava em casa para ajudar os coitados moradores de Pawnee após a tragédia. Outros bons momentos vieram da citação de Leslie a Voldemort e da vingança dela com todo aquele chantilly. Acho que Emily Thorne (Revenge) deveria se inspirar em Parks e cobrir todos os Grayson de chantilly também, aprendendo com Leslie como é que se faz uma vingança de verdade. Alguns detalhes também enriqueceram bastante o episódio, como a sinalização que deseja boa sorte para quem sai de Eagleton e entra em Pawnee e a maravilhosa fonte em homenagem na Li’l Sebastian.

A trama de Tom foi até interessante. É bom ver o personagem se esforçando para corrigir os erros do passado, mas, apesar da história ter sido consistente e ter dado continuidade à evolução do personagem, na minha opinião, ficou faltando destaque cômico para os outros personagens envolvidos na trama. Duas semanas seguidas com Ron Swanson apagado não dá, tem que ver isto aí.
Ficamos ainda no aguardo por um episódio realmente sensacional para que Parks volte ao topo. Em algum momento, nós sabemos que ele virá.

Talvez Você Curta

0 comentários

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe