Once Upon a Time 2x11: The Outsider

terça-feira, janeiro 15, 2013


Quem vem de lá?

Passei o episódio inteiro esperando a chegada de um intruso a qualquer momento. Quando comecei a pensar que isso não aconteceria, então ele chega e...  nada? Um título nunca me trollou tanto na vida!! No entanto, uma vez que a espera foi controversamente recompensada, resta saber quem acaba de atropelar Hook fazendo uma entrada tão trágica na cidade.

Uma vez que já confessei o quanto fui distraída pela espera do intruso, posso afirmar que o episódio ainda assim foi muito bom, conseguindo trazer novos elementos e manter meu interesse. Entendi o equilíbrio que foi estabelecido, colocando Rumpels e Hook novamente em foco de modo a complementar tudo que já vimos e seguir adiante, mas senti uma resfriada com o desaparecimento de Regina.

Hook segue em busca de sua vingança pessoal e se houve uma coisa que muito estranhei foi a ausência absoluta de Cora nesta empreitada. Só posso imaginar que ela estivesse muito ocupada (tipo exercendo seu amor bullying em Regina) para descuidar de interesses menores como preservar seu prisioneiro. Astuto como sempre, o capitão consegue roubar o bem mais precioso de Rumpels, que acaba se revelando um item também valioso para o próprio. Quando ele aparece na biblioteca atrás de Bela, consegue me enganar outra vez!! Fiquei tão aliviada quando vi a moça conseguir entrar no seu elevador do pânico, que nem desconfiei de ser um blefe! O plano seguiu muito bem até que Rumpels entra em cena com seu cajado no mal e quase perde a compostura amada de vez.

Bela teve o flashback da vez e nos presenteou com uma faceta bem diferente da habitual e que eu totalmente amei! Ela pode ser delicada e tender ao romantismo junto com um bom livro, mas é muito inteligente, aventureira e tem a coragem necessária para salvar o dia quando preciso. O maior problema é convencer os outros dessa capacidade! Um retrato perfeito das nossas princesas-musas-heroínas atuais que não querem ficar no alto da torre esperando ser salvas pelo príncipe encantado, mas contribuir e lutar por aquilo em que acreditam, pois sabem que têm muito a oferecer. No presente, Bela continua lutando para transformar o seu amado e ficamos sabendo que esta decisão foi muito consciente e definitiva para sua vida.

Não pude evitar o sobressalto quando Rumpels atravessa a linha da cidade. Mesmo sabendo de toda preparação anterior fiquei com a respiração presa até ele demonstrar que havia funcionado e, foi aí que a produção teve a competência de me surpreender de vez, justamente porque eu havia acabado de relaxar de uma situação muito tensa e não esperava o tiro, muito menos que o intruso chegasse passando por cima do Hook até parar com o carro todo acabado. Muito aflita para saber quem se feriu, se Bella está bem, o que Rumpels pretende fazer, se Hook morreu, quebrou a outra mão, sei lá, tudo!!!!!

Uma das melhores coisas do episódio foi o retorno de Archie. Ele pode ser meio chato e aleatório muitas vezes (consciência tem dessas, né?), mas se sua volta significa a inocência de Regina e a descoberta sobre a presença de Cora, posso recebê-lo de braços abertos, convidar para um chá e talvez até contar alguns delírios no divã. Realmente aliviada que esse clima de funeral não precise ser prolongado, porém meio chocada porque até Henry perdeu a fé!!

Eis que inesperadamente nos deparamos com o retorno de Mulan e Felipe fechando pontas do início da temporada e dando a impressão de que ainda vão voltar no presente, o que espero NÃO seja no próximo episódio (por favor, por favor, por favor), pois eu acabo com uma úlcera de curiosidade pra conhecer o intruso!!

Outro fato que chamou minha atenção foi de que o pessoal começa a desejar voltar para casa, em Faerie, o que é muito natural agora que eles sabem que o lugar ainda existe. Muito positivo que a série tenha abordado a questão e comece a trabalhar no sentido de buscar uma solução para mais este desafio. De certa forma, não consigo pensar que a série possa chegar ao final permanecendo em Storybrook, espero ver tudo resolvido e encaminhado como um verdadeiro e maravilhoso conto de fadas, porque é isso que ela é!

PS: Bela arrasou no modelito!!

Talvez Você Curta

8 comentários

  1. Realmente sambaram legal na nossa cara nesse episódio,coisas surpreendentes em momentos inesperados nos deram um tom de: essa é a série que tanto amamos e o pq amamos!!!!!!

    ResponderExcluir
  2. Amei a review, também fiz uma deste episódio - http://thegoodseries.blogspot.com.br/2013/01/once-upon-time-2x11-outsider.html

    ResponderExcluir
  3. Minha teoria: Ele é o irmão do Dr. Whale. Diz Pensilvânia na placa : ))

    ResponderExcluir
  4. Achei os flashbacks na Floresta Encantada fracos. Tudo aconteceu muito rápido. Bela vai na comitiva pra caçar o monstro (Oi? Única mulher em um grupo de guerreiros, sem experiência e eles ainda a aceitam? Ela queria um estupro?), fica amiga de Mulan DO NADA (mesmo a desculpinha dela de que também não a levavam a sério não colou) e no fim, Mulan vira BFF de Phillip na velocidade da luz (será que ali a pixoca dela já começou a suspirar pelo príncipe?).


    Mas, a parte em Storybrooke foi bem legal. Rumpels todo trabalhado na dualidade, Bela se mostrando uma personagem muito legal e Hook sendo Hook. Só achei que Rumpels espancou o Hook muito fácil com aquela bengalinha, porém obviamente ele estava deixando pois a verdadeira vingança vinha depois.


    Quem era o cara no carro? Estou apostando no pai do Henry hein?

    ResponderExcluir
  5. É uma boa teoria. Focaram muito na placa e na hora nem associei! Será o Frank? :O

    ResponderExcluir
  6. Não fui tão rigorosa com a Floresta, mas entendo seu ponto de vista. Na verdade não a aceitaram muito bem, inclusive a expulsando da empreitada na primeira oportunidade. Era uma situação com poucos voluntários em uma causa meio suicida.

    ResponderExcluir
  7. Bela e sem duvida a princesa mais azarada de todas kkkkkk nada da certo pra coitada

    ResponderExcluir
  8. Pois eu adorei a surra com a bengala. O que Hook tem de lindo tem de marrento, muito fala e pouco faz. No episódio The Crocodile, Rumple arrancou o coração de Milah e a mão dele antes que Hook piscasse, Emma passou ele pra trás lá com o gigante, e agora ele leva uma sova totalmente humilhante com uma bengala! Rumple nem precisou de magia pra deixar ele todo quebrado. A vingança que vinha depois era o quê? Atirar em uma garota pelas costas e se entregar pra morrer, porque foi isso que ele fez.

    Mesmo assim, eu gosto dele. Quem manda ele ser tão lindo...

    ResponderExcluir

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe