Parks and Recreation 5x13: Emergency Response

sábado, fevereiro 16, 2013



Encontrada a solução para a crise de audiência da NBC. É só colocar Ron Swanson ao vivo atendendo a telefonemas e o canal conseguirá ganhar até de Big Bang Theory.


“Emergency Response” veio em ótima hora, justamente quando Parks and Recreation precisava causar uma boa impressão. O episódio está longe de ser um dos melhores na parte cômica, mas conseguiu o êxito de fechar tudo muito bem. Com a simulação de emergência mais maluca que eu já vi na minha vida, a série trouxe um grande obstáculo para Leslie e o tão sonhado novo parque. De toda esta história, o mais legal foi ver a solução encontrada por Leslie para acabar com a simulação o quanto antes, deixando toda a Pawnee ser contaminada pela gripe. Além disso, foi muito engraçado o cara que só queria matar as aves ou até mesmo Jam e Jerry não entendendo que era uma simulação e se desesperando por Gayle e suas filhas. Entretanto, foi o desfecho do episódio que tornou a trama tão especial. Primeiramente, preciso dizer que Andy e a melhor banda de Pawnee, Mouse Rat, cantando uma nova versão da música do buraco foi algo incrível, nostálgico e que engrandeceu muito o episódio. Em segundo lugar, Ben e Leslie decidindo casar no evento foi inesperado, nos deixando loucos pelo próximo episódio. Gosto muito do fato da série conhecer e dominar tão bem seus personagens, dando a Leslie o melhor casamento possível. Apesar de amar muito Ben, temos que concordar que a verdadeira paixão de Leslie sempre foi e sempre será seu trabalho e nada mais legal vê-la celebrando o seu amor por Ben junto com o sucesso do evento.

O teste de Andy para ser policial foi engraçadinho e rendeu boas risadas como quando ele responde que, se seu pai estivesse em alta velocidade com o carro, ele se surpreenderia muito já que ele morreu há alguns anos e perguntaria onde está a sua luva de baseball. Apesar de toda a graça, a trama ganhou um ar triste uma vez que Andy não passou no teste e ficou um pouco mais distante de seu sonho de ser policial, mas está um pouco na cara que ele conseguirá dar a volta por cima no que vem a seguir.

O ponto alto do episódio, com certeza, ficou por conta de Ron Swanson se virando para apresentar o programa de Joan Callamezzo enquanto ela sofria de uma péssima ressaca disfarçada de alergia. Além de todas as suas ótimas caras de desprezo para Joan, Ron estava incrível desligando na cara da telespectadora retardada que queria saber quem era o melhor casal de celebridades, dando dicas nenhum um pouco ortodoxas para evitar uma ressaca, sugerindo que as pessoas ligassem para falar sobre o evento ou assuntos de seu interesse, dando conselhos de carpintaria, falando a verdade sobre os bancos e sobre a solidão dos telespectadores e ainda sugerindo uma raça melhor de cachorro para a dona de um terrier. Todas as falas de Ron no programa foram hilárias e, sinceramente, eu assistiria facilmente a um programa inteiro com o bigodudo atendendo telefonemas. NBC está perdendo uma grande oportunidade e prefere colocar no ar bombas como Do No Harm e afins.

Uma vez que o episódio terminou com um gancho tão grande, só podemos ficar na expectativa pela próxima semana e o tão esperado casamento de Leslie Knope. Promete. 

PS: O quão incrível foi ver Leslie mostrando a sua diversidade como atriz e interpretando vários personagens no final do episódio? Coisa da gênia Amy Poehler.

PS2: Cats are pointless.

Talvez Você Curta

2 comentários

  1. É por episódios como esse, que eu afirmo: Amy Poehler é gênia!!! E por cima, Parks tem o melhor elenco de comédia da atualidade!!

    ResponderExcluir
  2. Cats are pointless. Só isso. Ah, e Jerry, que nem se presta a usar um terno no casamento da chefe e amiga!

    ResponderExcluir

Fala aí, seuslindos!

Disqus for Seriadores Anônimos

Subscribe