Suburgatory 2x10/2x11: Chinese Chicken/Yakult Leader

segunda-feira, fevereiro 18, 2013

Nada melhor que passar o Valentine's Day com meus 2341516585 de gatinhos.
Primeiramente quero pedir desculpas mais uma vez pelo atraso recorde de reviews, mas aconteceu uma sucessão de fatores que me impediram de postar aqui tais como, falta de internet, doença, provas, viagens, carnaval. É a vida não tá fácil pra ninguém ):

2x10: Suburgatory: Chinese Chicken

Agora que finalmente Tessa e Ryan oficializaram o namoro, ela precisa conhecer e consequentemente passar a conviver com o “grupinho” de Ryan, ou melhor com as namoradas dos outros jogadores. Não me admira ver que as outras namoradas são verdadeiras escravas, até porque não se pode esperar muita coisa dos moradores de Chatswin, afinal se é comum ver esse tipo de atitude na vida real, quanto mais em Chatswin onde mais de 95% da cidade é uma overdose de futilidade.

Tessa revolucionária e independente como é não demorou muito para por minhoquinhas nas cabeças das loiras barbies e liberá-las da vida robótica. Exageros a parte, a “moral da história” foi bem interessante. Todos precisam de alguém, nos momentos importates da vida, apoiando, dando suporte e torcendo por você. E para aqueles garotos, é o esporte que lhe dão orgulho, felicidade, etc,.

Do outro lado de Chatswin, George, Noah e Fred, formam a mais nova banda de garagem que se não fosse por Sheila seria um fracasso total. Todos têm que dar o braço a torcer que Sheila arrasa nos vocais e nas escolhas musicais e que assim como eu todos estão ansiosos pelo turnê de Sheila e seus “bichinhos”.

2x11: Suburgatory: Yakult Leader
Valentine’s Day chegando e todas solteiras começam a se desesperar na busca por um Valentine. Acho que todas as mulheres solteiras compartilham com Lisa o pesadelo de, em 2037, está sozinha, solteira e cheia dos gatos com nomes estranhos. Ser aquela típica velhinha mal amada da rua que fura as bolas dos meninos que jogam futebol. Tessa desempenhou a tarefa de cupido desastrosamente, e foi um fiasco total não conseguindo arranjar um pretendente legal pra Lisa. Ok, Scott é um partidão, lindo, educado, inteligente, mas devagar até demais e chato até demais e só é lindo calado. Achei por um momento que Tessa fosse ter uma recaída. O encontro serviu pra três coisas, Tessa ter a certeza que ama Ryan, Lisa ter a certeza que ama Malik, mas é muito otária e orgulhosa e não volta com ele, e que o Cabelo de Scott é muito, muito sedoso. Foi só eu que achei que Scott deu uma pinta gay com Ryan alisando o cabelo dele? Achei que fosse rolar beijo. 

A trama de Yakult e Yoni (com biquinho) não me animou muito, achei desnecessário. Pra mim só valeu pra ver essa coisa linda que é Yakult e a cena impagável dele relaxando naquela caminha que eu não sei o nome e tem um buraquinho para você por a cara. Quero um Yakult pra mim e prometo que levo ele pra passear.

Ps;. Quero rasgar uma faixa com meu nome ao mesmo tempo que confetes e serpentinas são jogadas sobre mim. Em câmera lenta.

Talvez Você Curta

1 comentários

  1. Oi, que bom que vc está colocando as reviews ainda, muito bom esses episódios, é incrível como essa série conseguiu ficar boa outra vez, eu nem acreditava mais nela, mas me surpreendeu a cada episódio fica melhor, e mostra q n é só mais uma comedia boba, mas tem algo mais, como himym.

    ResponderExcluir

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe