Body of Proof 3x01-02: Abducted Part 1 / Part 2 [Season Premiere]

quarta-feira, março 06, 2013


A frase mais irritante do mundo das séries.




Depois de ser salva milagrosamente nos 42 minutos do segundo tempo no ano passado Body of Proof está de volta e tenho que falar que retorno incrível que foi esse. Eu sempre fui fã da série que sempre apresentou episódios sólidos e casos interessantes, mas dessa vez eu realmente fiquei em choque com a qualidade do roteiro desses dois primeiros episódios da temporada. Foi tudo muito bem trabalhado durante as duas partes sem perder o ritmo em nenhum momento.

Mas vamos começar falando sobre a mudança do elenco que, em minha opinião, fez toda a diferença nesse início da temporada. Nunca fui muito fã de Bud e Sam então quando eu descobri que eles sairiam da série fiquei extremamente feliz com as possibilidades que essa mudança traria. E depois dessa primeira impressão fiquei ainda mais feliz ao constatar que essa mudança no time policial foi ainda melhor do que eu esperava, Adam (Elyes Gabel, Game of Thrones) pode não ter tido nenhum impacto sobre mim ainda, mas em compensação Tommy (Mark Valley, Human Target) foi uma excelente adição para o elenco, sem contar que a sua história antiga com a Megan tem tudo para render ótimos momentos para a temporada.

Com relação substituta do Peter achei ótimo aquela Charlote ter se demitido no primeiro episódio, a Megan precisa de uma pessoa forte que se imponha a ela e não uma novata assustada. Espero sinceramente que eles encontrem um investigador a altura, mas tenho que falar que, apesar de sinceramente ter gostado do Peter enquanto ele estava na série, não senti a menor falta dele nessa nova temporada.

E por falar em Peter é interessante ver como os roteiristas se mantiveram fieis a personalidade da Megan ao lidar com a morte do parceiro e melhor amigo, é claro que ela não iria falar com ninguém a respeito e recusar qualquer tipo de terapia sendo ela da forma que é. Mas mesmo assim foi possível ver o sofrimento da personagem em vários momentos do episódio, me pergunto se a Megan vai conseguir manter todos esses sentimentos guardados, ou se ela vai despedaçar em algum momento, seria interessante vê-la perdendo o controle pelo menos uma vez. Dito isso tenho que bater palmas para Dana Delany que esteve mais maravilhosa que de costume nesse episódio.

Kate por sua vez resolveu entrar para a política o que, como esse episódio mesmo já mostrou, pode entrar em conflito com os seus deveres como chefe do Philadelphia Country Medical Center. Mas tenho que dizer que gostei muito desse desdobramento e tenho certeza de que isso trará muitos plots interessantes além de muitos embates da Kate com a Megan. Tivemos também a primeira participação de Richard Burgi (Desperate Housewives) como o promotor  Dan Russell, não sei o que pensar do personagem só por essa primeira impressão além de me perguntar qual é o interesse dele em ver a Kate ser eleita.

Mas vamos falar do caso que abriu a nova season e que me deixou de boca aberta do começo do primeiro episódio ao fim do segundo. Body of Proof mostrou que não veio para brincadeiras esse ano e apresentou um caso excelente: uma série de assassinatos a soldados veteranos que foram mortos e tiveram o baço retirado cirurgicamente. Toda a construção do caso foi muito bem feita, desde a forma como os corpos foram encontrados até a descoberta do por que os soldados estavam sendo assassinados. A ideia de colocar uma bomba no lugar de um dos órgãos do corpo para não ser detectado nos aeroportos foi genial, sem falar na grande ironia ao usar veteranos de guerra em atentados terroristas contra o próprio país.


O sequestro da Lacey foi outra grande sacada, apesar de clichê nada melhor do que raptar a filha da protagonista da série para criar uma tensão maior no episódio e deixar a segunda parte com um ritmo ainda mais acelerado que a primeira. O que foi a cena da luta da Megan com a enfermeira megaevil? Adorei ver a Dra. Hunt mais ativa nesse episódio.

De uma forma geral foi um extraordinário começo de temporada que provou que uma boa mudança de elenco é o que uma série precisa ás vezes para sair do marasmo. Eu sinceramente acho que Body of Proof atingiu outro nível com esse episódio duplo e mal posso esperar para ver o que mais essa temporada vai trazer para nós.

Talvez Você Curta

0 comentários

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe