The New Normal 1x19: Blood, Sweat, and Fears

terça-feira, março 26, 2013


Empuuurra! Empuuurra!

Faltando três episódios para o fim de sua primeira temporada, The New Normal resolveu falar sobre partos. Só que megalomaníaco como é, Ryan Murphy não se contenta em usar apenas o normal e a cesariana. Com ele tem que ter parto de quatro, na banheira e o que mais surgir pelo caminho! Mas esse não foi o único tema de Blood, Sweat, and Fears. Também acompanhamos mais um passo na carreira profissional de Goldie e as inseguranças de Rocky com a pequena Nikki. O bacana é que nos três casos, os personagens tiveram que confrontar seus próprios medos. Bryan, do "desconhecido", até então. Goldie da insegurança em expandir seu negócio, e por fim, Rocky enfrentar a si mesma. Mas começaremos falando sobre ele, o doppelgänger de Titia: Bryan.

Como qualquer pessoa faria se fosse casada com um médico - eu pelo menos me identifico demais com essa situação -, ele não dá a mínima sobre os detalhes técnicos do parto. Afinal, o que um leigo tem a acrescentar quando o formado no assunto está ali do lado? Mas David não quer esse afastamento de Bryan, afinal, é o filho deles que está chegando. Sendo assim, o ginecologista cobra mais participação do diretor, que acaba entrando de cabeça no assunto - aliás, de corpo inteiro. Ele insiste em levar David e Goldie a um grupo de futuros papais para falar sobre métodos alternativos de parto.

Mas o que parecia ser algo bem cool e alternativo à primeira vista, acaba se provando bem mais complicado para Bryan. Ele fica morrendo de medo de encarar o "pote de ouro" da Goldie depois de assistir a um vídeo de um parto normal. E para piorar, alguns pais presentes no encontro também não estão lá muito afim de acompanharem suas respectivas mulheres na aventura. Mas é aí que entre o que, para mim, já ficou conhecido como o Fator TNN do episódio: Bryan percebe que mesmo sendo executado quase exclusivamente pela gestante, o apoio de pessoas queridas naquele momento é imprescindível.

No fim das contas, em uma cena para deixar Glória Perez e seus métodos de dar à luz no chinelo (um beijo, Morena!), a bolsa de uma das mães que estão no encontro estoura. Desesperada e não dando a mínima para a tranquilidade da instrutora, a mãe exige ser levada até o hospital. Mas, o destino faz com que ela acabe dando à luz no porta-malas do carro de Bryan e David. É uma cena bastante surreal, mas serve para Bryan finalmente superar seu medo do "desconhecido", e ajudar os outros pais a ajudarem suas esposas.

Enquanto isso acontece, Rocky está desesperada com Nikki. Mãe de primeira viagem, ela acaba descobrindo por conta própria que não é tão fácil assim conciliar sua vida profissional mega exigente e ainda cuidar de um bebêzinho recém-nascido. Mas ela não está sozinha. Shania, recém-graduada no curso de Dicas de Penteados Afro 1.0, do Youtube, chega para dar uma mãozinha. Rocky não aprova a intromissão da menina a princípio, mas com o tempo  percebe que a ajuda é necessária e dá o braço a torcer.

Goldie, por sua vez, consegue ganhar um pouco mais de destaque na série - e um plot para chamar de seu. Cansada de vender suas roupas na feirinha da madrugada de Los Angeles, a loira pede ajuda a Brice para comprar um novo espaço. O corretor, com seus dedos rápidos, logo encontra um lugar e ajuda Goldie a dar mais um passo em sua carreira profissional. Estou gostando de ver essa fase empreendedora da personagem! Torço de verdade para que dê tudo certo para ela, que mesmo apagadinha - e não estando no meu Top 3 de personagens favoritos da série -, tem muito do meu carinho.

- Jane não deu as caras, mas também não fez falta. Começo a achar que a personagem é como uma Sue, de Glee. Funciona melhor em doses homeopáticas mesmo.

- É só eu que morro de rir quando os parentes da Rocky surgem em tela? Eu achava esse recurso EddieMurphyiano tão vergonhoso nos filmes, mas não consigo segurar o riso quando a mãe e o pai de Rocky surgem para dar sermões na filha.

Talvez Você Curta

0 comentários

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe