New Girl 2x24: Winston's Birthday

sábado, maio 11, 2013

 

Sobre Dias Seguintes e Aniversários Esquecidos

O dia seguinte à primeira vez já é embaraçoso para qualquer um, mas em New Girl as coisas não poderiam ser tão simples assim, e tinham que ser levadas à um nível de constrangimento superior. Olha que legal, além de você ter que lidar com a outra pessoa, ainda me aparece o pai dela e você tem que lutar contra os seus sentimentos e esconder toda a história dele. Bacana não? Mas o episódio não se limitou apenas à sua premissa inicial, assim como em "Chicago", tivemos muita coisa acontecendo, fazendo de "Winston's Birthday" de longe um dos melhores momentos da temporada. Muitos atores convidados, noiva em crise, novos romances, sogro com peixeira... Mas ainda acho que estou esquecendo de alguma coisa...

Comecemos pelo principal, afinal enquanto Nick trocava uma ideia e metia os pés pelas mãos se identificava  com o pai de Jess, a menina teve um dia bem corrido. Do nada os roteiristas me colocam o plot dela voltar à dar aulas, que me pareceu bem precipitado, e deixou o episódio uma zona só, mas são exatamente esses momentos mais dinâmicos da série que deixam tudo mais engraçado de se ver. Como a cena em que ela sobe na mesa da classe para colocar ordem na confusão, ou quando Miguel oferece um cigarro para ela. E era tudo bem rápido, porque do nada era cortado novamente para a cena em que Nick tirava vários instrumentos de guerra de dentro da roupa, indo em direção ao pai da menina. Muito engraçado.


Assim como o plot da escola, acho que o de Schmidt e Zoe Elizabeth poderia ter sido segurado mais um pouco. Apesar de achar muito engraçado, como tudo que envolve o personagem, achei que passou tudo muito batido, e corrido, e que poderia ter sido trabalhado melhor em uma outra oportunidade. Confesso que já é um dos meus casais favoritos da série, e que já shipei eles em duas semanas, mas do que fiz em um ano dele com Cece. Creio que tudo que leve Schmidt de volta às suas raízes, e que faça qualquer tipo de referência a "Fat Schmidt" deva ser investido pela série, afinal, é o plot de "flashback" mais engraçado que já ví na história da televisão, incluindo o passado gordo de Monica de Friends. Nada consegue se comparar a dança bizarra que os dois fazem, e o moletom que ele guardou... Como não amar?

Por falar no rapaz, vamos falar em Cece também, que estava mais "drama queen" do que nunca, e com toda razão. Seu casamento se aproxima e tudo o que ela ganha é uma pré-reunião matrimonial, com um pseudo ator bollywoodiano, uma amiga que não sabe falar de outra coisa que não seja sua própria vida (Quem ela acha que é? A protagonista da série?), e uma bela tatuagem de casamento no rosto; isso sem contar que não viu a cor do seu sári de casamento. Para acalmar mesmo a menina só mesmo alguém que não passava por tanta coisa naquele momento, achei bacana Jess chamar Shivrang, e começo à realmente torcer pelo casal, agora que Schmidt encontrou coisa melhor. Eles podem ser um ótimo acréscimo à serie juntos.


Ah! Acho que lembrei do que eu estava esquecendo de falar! Era o aniversário do pobre coitado do Winston. Me diverti muito com a brincadeira que o roteiro fez com o fato do personagem ser o mais esquecido da série, afinal até Cece ganha mais plot do que ele. Quando ele fala no início do episódio para Nick, eu realmente achei que era brincadeira, mas depois que ele fala com Jess e acha que estão planejando uma festa surpresa para ele, realmente comecei a sentir pena do personagem. Só não entendi qual foi a do conjunto laranja que o rapaz vestiu para a ocasião especial. A parte em que o pai de Jess questiona ele, se quer comer o bolo todo sozinho também foi bem divertida.

No mais é isso, foi muita informação para absorver em um episódio só, acho que podia ter sido diluído em uns dois anteriores aí, que tiveram pouca coisa. Muitas participações especiais, não consegui citar nem metade, entre elas Mary Lynn RajskubCurtis Armstrong. E a mensagem que fica no final, é que apesar do sexo ter meio que consolidado todas as coisas entre o casal, eles ainda possuem um futuro bem incerto, que coloca em cheque toda a dinâmica da série. A sequência final também é uma das mais engraçadas do episódio, eles fugindo igual adolescentes para o telhado, e depois todo mundo aparecendo para celebrar o "Aniversário de Winston"... São momentos que só New Girl nos proporciona! Que venha a Season Finale.

Talvez Você Curta

5 comentários

  1. Camila Florencisábado, 11 maio, 2013

    Eu amei esse episódio,foi sensacional.Achei que a proposta foi ter um episódio acelerado mesmo,com várias histórias para mostrar como a Jess conseguia lidar com elas e como a protagonista cresceu desde o piloto.Lembram que ela não conseguia ir na casa do ex pegar suas coisas p.ex.(S01E02)...
    Também foi legal todos esses plots e a chegada de seu pai no dia seguinte pq eu vejo que torna o relacionamento Jess/Nick e as decisões sobre ele mais espontâneo.
    Enfim, que venha a Season Finale.

    ResponderExcluir
  2. Concordo com o comentário da camila, o roteiro foi genial, toda aflição que a jesse sentiu durante o episodio eu também senti pela velocidade e quantidade de informações, se eles quebram isso em 2 episódios descaracterizam todo o propósito! Achei mto bom, um dos melhores episódios!

    ResponderExcluir
  3. ana karoline lucena de oliveirsegunda-feira, 13 maio, 2013

    Concordo com a Camila, Jess evoluiu bastane, quem diria qe aquela garota que tinha medo de encarar o ex,conseguiria encarar um dia como esse. veremos agora o que ocorre na session finale com o relacionamento jes/Nick.

    bjos e parabéns pela Review

    ResponderExcluir
  4. vdd... a personagem evoluiu bastante...

    ResponderExcluir
  5. concordo também, e mais acho q deveriam ser tds assim, e mesnos arrastados rsrs

    ResponderExcluir

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe