New Girl 3x16/17: Sister/Sister II

quarta-feira, março 05, 2014


Sobre Família e Sinceridade.

Finalmente chegamos no arco de episódios mais aguardado dessa segunda temporada de New Girl, finalmente a irmã de Jess apareceu, e já chegou roubando a cena, não esperava menos do que isso. A verdade é que Abby é sim um personagem muito interessante, completamente porra loka, força os personagens da série a estarem sempre em situações constrangedoras, porém a personagem não é nenhum pouco engraçada, ela apenas força os outros personagens a saírem de suas zonas de conforto. Devido a isso achei essa sequência desses dois primeiros episódios relacionados a ela extremamente forçados e não consegui rir em momento algum. Honestamente. Só conseguia pensar como aquilo tudo era muito louco e assim como Jess me livrar logo dela, e que as coisas voltassem ao normal na série. É pedir demais?

A cena em que Jess foi buscar Abby na cadeia realmente me entreteve, mas devo confessar que depois daí foi só uma sequência de cenas chatas entre as duas, uma constantemente sentindo vergonha do comportamento da outra, e nós sentido vergonha alheia pelas duas. Não teve nenhuma piada inteligente, momentos da infância das duas não foram relembrados, conseguimos sentir muito pouco sobre a dinâmica de como elas funcionam... Tanta coisa à ser explorada e o único sentimento que eu tive foi de que elas são realmente distantes uma da outra. A falta de química entre as duas atrizes é gritante. A cena do aeroporto foi honesta e tocante, mas novamente volto a ressaltar não foi engraçado, e se em uma série de comédia você não vai ser engraçado é melhor ser bem afiado com o roteiro. Amo New Girl, mas sei que esse não é o forte da série.


E o que dizer sobre Schmidt e Nick no Bar Mitzvah então, um completo desastre? Ainda bem que Nick finalmente chamou atenção dele, porque esses monólogos de Schmidt já estavam ficando super irritantes. Quando ele tem público as bizarrices dele ainda são válidas, mas quando ele simplesmente está falando constantemente e freneticamente sozinho para ninguém ouvir, é apenas embaraçoso. Particularmente não gosto de Jon Lovitz e acho que foi uma das participações mais avulsas na série, e Jamie Lee Curtis quase não apareceu. O pouco de entretenimento que teve foi no plot menos focado do episódio, o clima super constrangedor que estava entre eles e a tentativa de uma segunda pegação entre Cece e Coach foi engraçado, e claro, Winston sendo dispensado e deixado em segundo plano por todo mundo é sempre divertido de se ver.

Em "Sister II" o episódios já começa com Abby se enturmando com o resto da gangue, sinceramente senti uma pontinha de ciúmes de Jess pela irmã ter conseguido isso muito mais rápido do que ela, mas vai se fazer o que, a mulher é praticamente um homem de saia. Na realidade não sei se Jess está só com ciúmes, ou se está sendo precavida, pois sabe os problemas que a irmã pode acarretar em um futuro próximo. O plot da honestidade foi bem relevante, mas a única parte engraçada nisso tudo vou ver Nick surtando na feira e com as duas na mesa. Elas precisam aprender a resolver as diferenças sem trazer ninguém para o meio.


Eu estava esperando um momento em que Abby fosse funcionar de alguma forma na série, e quando Linda Cardellini finalmente teria química com alguém do elenco. E foi realmente esperançoso no desfecho de toda a história ver ela contracenando com Max Greenfield e os dois realmente se dando bem em cena. As interações deles na mesa, ela tocando ele o tempo todo, e as caras e bocas que Schmidt fazia foi realmente divertido. Estou realmente ansioso para ver como vai desenrolar esse novo plot deles morando juntos. Aposto que ela vai deixar ele mais maluco do que já é, e no fim do episódio ele vai pedir penico.

Agora o plot fofo e engraçado do episódio foi realmente o de Winston. Já não basta ser zoado por todos os amigos agora ainda encara pela frente uma bullying profissional... Sério, Abby se aproveitando da idiotice de Winston foi uma das coisas mais engraçadas que vi essa temporada. Já quero mais dos dois, por favor. A cena dele com o Coach na academia também foi bem divertida, só eu sei como ri na parte em que ele tenta abrir as pernas de Winston. Eu só não gostaria que acontecesse uma coisa, que o personagem demorasse muitos episódios nessa ladainha que está sem emprego e voltasse a ser o mesmo personagem massante da primeira temporada. Espero que invistam logo nessa possibilidade dele ser policial e que a coisa vá rápido.

Talvez Você Curta

2 comentários

  1. Só eu não gosto dessa irmã da Jess? Por mim, já devia ter ido embora...

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe