Revenge 3x20: Revolution

quinta-feira, maio 01, 2014


Rebecca Stone, Agent of S.H.I.E.L.D.

Vou me livrar do meu pequeno mau humor por Revenge nessas últimas semanas e confessar que esse foi sim um bom episódio. Não que eu tenha achado os outros ruins, só não acompanharam o ritmo louco que a temporada vinha seguindo até então. Revolution, no entanto, retomou esse ritmo e promete terminar bem a temporada.

Conspiradores contra David Clarke aparecem o tempo todo. Sempre. Isso serve, é claro, para aumentar a lista de vingança de Emily, mas uma hora cansa. Ao que parece, os roteiristas já estão sacando isso e todos que surgiram nos últimos tempos foram eliminados ou silenciados. Isso é bom. Mas se a série for renovada, acho difícil não trazerem esse aspecto de volta. Uma pena, porque eu realmente queria a vingança focada exclusivamente nos Grayson, os verdadeiros culpados por tudo.

A bola da vez foi Pascal. E fiquei muito, muito feliz. Eu gostei que Victoria ganhou uns momentozinhos de felicidade, de amor, mas os dois ficaram numa melação cansativa que pode muito bem ter me tornado diabético. No momento em que Pascal e Conrad vão conversar próximo ao helicóptero eu já sabia o que iria acontecer, mas não deixo de ficar satisfeito. De brinde, ganhamos a belíssima interpretação de Madeleine Stowe.

Demos as boas vindas (e também adeus, infelizmente) a Rebecca Stone, Homeland Security, novo alterego  de Emily/Amanda. Emily VanCamp se inspirou em Sharon Carter, seu papel em Capitão América, para fazer essa agente finíssima, que distribui tapas e ironias, o que me me faz querer ainda mais que Revenge seja cancelada e Emily escalada para Agents of S.H.I.E.L.D., para que eu possa ter mais de Emily em momentos como esse.

De resto, nada foi muito empolgante, a não ser, talvez, por Javier (ou, como eu prefiro, Whovier). É claro que Nolan não o perdoaria por dar as costas a ele e se aliar a Daniel e adorei o latinozinho se ferrando legal, sendo dispensado por Daniel. Um grande “EU AVISEI!” na cara dele.


Charlotte, cada vez mais por dentro de tudo, recebe cartas de um suposto David Clarke, um plot chatíssimo que só serviu pra nos fazer questionar por um tempinho se David estaria vivo. Se estivesse, ou a série acabaria ou David se tornaria mestre de Emily na vingança. No final das contas, acabou sendo só mais um who brincando com Charlotte para sequestra-la no final, talvez por casa do tal anel que Jack roubou da casa dele. 

Talvez Você Curta

0 comentários

Fala aí, seuslindos!

Disqus for Seriadores Anônimos

Subscribe