Person Of Interest 4x13: M.I.A.

terça-feira, fevereiro 10, 2015


Uma cidade aparentemente pacata, as vezes perfeita, que esconde segredos por trás dessa tranquilidade. Essa descrição pode ser aplicada a inúmeras histórias, as vezes o mistério é um fantasma, um assassino ou algum culto, cabendo sempre a um recém-chegado descobrir o que há de errado com o lugar. Na visão desse subgênero do terror mostrada em Person Of Interest, o mostro é o Samaritano.

A série já havia lidado antes com variações do gênero de ação, e esse é o caminho esperado, normalmente ficando óbvio logo de partida as referências para um episódio que se passe, por exemplo, em um lugar confinado com o herói cercado por inimigos. A parte interessante de M.I.A. reside em notar aos poucos o rumo que o episódio está tomando. Cada detalhe – a delegacia cheia de armas, o prefeito que trabalhava no posto de gasolina, a chefe da fábrica com uma identidade falsa – constrói aos poucos o clima bizarro daquele lugar, fazendo a série ir da ação ao terror surpreendendo na sua mudança de tom.

Não há sustos ou monstros no episódio, mas ao utilizar esse formato e adaptá-lo para a realidade sci-fi de Person, os roteiristas conseguem evocar o desconforto da ideia de um mundo regido por uma máquina que poucos sabem da existência. Usando essa premissa que sempre se baseia no conceito de que o inimigo pode ser seu vizinho, ou que a pessoa que você vê todos os dias na rua guarda um segredo perigoso, M.I.A. mostra como a possibilidade de um supervisor onisciente, quase onipotente e invisível é perturbadora.

A outra parte do episódio, onde Fusco investiga o mais recente número enviado pela Máquina surge como uma adição artificial, sendo claramente colocado ali apenas por ser uma necessidade ditada pelo formato da série. M.I.A. se beneficiaria da ausência dessa trama, tendo todos os seus quarenta minutos dedicados a Maple e sua trama muito superior.

A conclusão do episódio deixa claro que essa sequência de episódios dedicada a busca de Shaw se encerrou. A questão sobre a sua morte foi respondida para o espectador e os personagens abandonaram a sua busca, e a agora a série esta livre para seguir em frente.

Talvez Você Curta

0 comentários

Fala aí, seuslindos!

Disqus for Seriadores Anônimos

Subscribe