S.A.D. 68 | Galinha Que Acompanha Pato Morre Afogada

sábado, junho 16, 2018


Nossas meninas voltaram e, em homenagem, rolou uma seleção de barras 100% feminina, com direito a copo arrastando, o dia em que nos conhecemos, ressurreição de Whitney Houston e um combo despedida de solteiro / spa / casamento com mais dols gastos do que oufit da Supreme e mais regras que a nova constituição. Um podcast para convencer a mãe de que você é gay mesmo se não for, com dicas preciosas de como deixar um legado.





DOWNLOAD
 
Assine o SAD: iTunes / Feed RSS | Spotify
Outros produtos SA: iTunes / Feed RSS
SA nas redes sociaisTwitter / Página no Facebook / Grupo no Facebook

Nessa sessão:

SACU: “Como essa bela gang se formou, como se tornaram amigos, e por que não dizer amantes?”

“O Casamento da Minha Pior Desconhecida”
Uma dentre os 78 padrinhos de um casamento em que não conhece os noivos, essa guerreira precisa lidar com os custos de um vestido que não pode ser de tal e tal, um dia de spa e salão multimilionários e a despedida de solteira com limusine, gogoboy e brincadeiras de quarta série, além de outras madrinhas taradas e uma noiva que parece estar mais disposta a destruir os outros casamentos se passando pelo marido em grupos de Whatsapp.

“O Rei Legado”
Sem apego a relacionamentos, afastada da família e sem vontade de casar e ter filhos, essa moça lésbica não se sente completa apenas curtindo a casa de praia e os happy hours com os poucos amigos, pois quer deixar um legado e não ser esquecida quando essa louca jornada que é a vida chegar ao fim.

“Bãbãi, Eu Não Sou Gay”
Após um cinema com a mãe para assistir “Com Amor, Simon”, a jovem Sasha precisa lidar com a certeza de sua progenitora sobre a cria ser késbica, apenas porque ela é reservada, vê séries com sapataria e não gosta de assalto.

“Não Tá Certo, Mas Ok”
Recibo de cartão de crédito com valor baixo e ligações com outro DDD estão deixando essa Whitney tupiniquim com a certeza de que está sendo traída novamente. E então, é melhor ficar sozinha do que infeliz?
 
Participantes
Amanda 'Nudes' Aguiar
Erika 'Troll' Ribeiro
Leo 'InstaBeard' Oliveira

Trilha Sonora
Heather Morris & Glee Cast - Run The World (Girls)
Ricky Martin - María
Michael Buble - Haven’t Met You Yet (Cutmore Remix)
Joanna - Tô Fazendo Falta
Wanderléa - Pare o Casamento
Scalene - Legado
Legião Urbana - Pais e Filhos
Ney Matogrosso - Calúnias (Telma, Eu Não Sou Gay)
Whitney Houston - It's Not Right But It's Okay (Leeok's Extended Scream Remix)
Whitney Houston - I Wanna Dance With Somebody
Rita Ora, Cardi B, Bebe Rexha & Charli XCX - Girls

Talvez Você Curta

19 comentários

  1. Só queria que não me fizessem fechar mais uma porta, eu não quero machucar mais.

    Quando a última barra fomecou, eu ja comecei a ror muito e na minha mente as imagens se dividiam entre Blaine depois de Kurt ficar flertando com o menino Chandler lá e entre Whitney no clipe da mesma musifa.

    Eu adorei a barra da menina madrinha de casamento, já imaginei um filme com a Anne Hathaway como protagonista e a noiva bilionária sendo interoretada por alguma loira avulsa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Morto com a citação whitneyca no início do comentário hahaha, demorei a entender que era "eu tenho nada".

      Quero muito essa adaptação de “O Casamento da Minha Pior Desconhecida” com Anninha Hatha e Katie Heigl.

      Excluir
  2. Quero sad especial copa do mundo!

    ResponderExcluir
  3. Oi Doutores,

    que maravilha é ouvir mais um SAD maravilhoso, agora com Érika, portanto comento.

    Cada dia vem casos mais loucos, e o plot da música me deixa acabado na risada...

    Vocês como sempre afiados e maravilhosos, agora com CAST completo.

    #queremossadsemanal

    PS: Érica quando vai sair da girl band chamada SAD e fazer carreira solo igual Beyoncé?

    PS2: Hugs minimalistas pra vocês.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tá bem difícil fazer semanal no momento, mas seguimos lutando, hehehe. Já quero o show de Erika Beyoncé no Coacherika!
      Hugs procê \o/

      Excluir
  4. Que delicinha de sad!!
    Sobre a barra da menina do Love, Simon, eu passei pela mesma coisa. Vi esse filme com minha mãe e ela me perguntou se eu era lésbica. Respondi que não, mas mamãe ainda não está convencida. Deixei assim mesmo, não estou mentindo e, se num futuro, eu descubra que também gosto de meninas posso falar: lembra quando te levei pra ver aquele filme...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gente, vou muito assistir "Love Simon" com minha mãe pra ver se ela acha que eu gosto de mulher -qqqq

      Excluir
  5. Que podcast maravilhooooso. Eu amo o SAD. Elenco fundador em peso, foi tudo de bom.
    O que é esse plot da dama de desonra. Além de fazer exigências absurdas ainda vai inventar história no grupo dos homens para criar intriga no casamento dos outros?! Boa sorte para o marido dela viu.
    Gosto quando vocês deixam a zoeira de lado e param para falar um pouco mais sério também como foi no caso da menina preocupada com o pós morte.
    Na histórica citação da galinha eu não consegui me conter. UHahahah Luciano icônico.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A primeira vez que ouvi a citação da galinha quase morri, fiquei feliz que foi proferida durante a gravação pra enaltecer a cultura do sertão, hahaha.

      Excluir
  6. Beijos a todos, que clamaram minha volta.

    Meu sono de beleza é de vcs #smack

    ResponderExcluir
  7. Conheci um programa espião maravilhoso e quero compartilhar com vocês, a https://www.syncsoft.com.br/spymaster/#espiao_de_celular realiza todo o monitoramento em tempo real, indico a todos!

    ResponderExcluir
  8. Muito me identifiquei com a moça que está tentando entender essa porra toda e buscando um sentido maior na vida. Tem uma hora em que a gente percebe que a tal da "corrida hedonista", em busca de mais e mais coisas e realizações, é igual esteira ergométrica e não leva a lugar nenhum (segundo ensinamento do Dr Nadark). Claro que não se pode generalizar, mas vejo cada vez mais pessoas querendo esse "algo mais". Às vezes é uma questão de contribuição, de propósito, de busca de um novo lugar no mundo; outras vezes é mais uma questão ligada à espiritualidade, aqui entendida como um maior conhecimento e consciência de si mesmo e do que é felicidade autêntica e plena. Procure encontrar o caminho que te deixa mais confortável, de preferência com ajuda profissional, isso facilita bastante o processo. Desejo tudo de melhor pra você.
    P.S.1: Léo foi podado no conselho desse caso #salveosleos
    P.S.2: Quando vai ter especial com Lu Maia e Lu Guaraldo (o original)?

    ResponderExcluir
  9. Muito me identifiquei com a moça que está tentando entender essa porra toda e buscando um sentido maior na vida. Tem uma hora em que a gente percebe que a tal da "corrida hedonista", em busca de mais e mais coisas e realizações, é igual esteira ergométrica e não leva a lugar nenhum (segundo ensinamento do Dr Nadark). Claro que não se pode generalizar, mas vejo cada vez mais pessoas querendo esse "algo mais". Às vezes é uma questão de contribuição, de propósito, de busca de um novo lugar no mundo; outras vezes é mais uma questão ligada à espiritualidade, aqui entendida como um maior conhecimento e consciência de si mesmo e do que é felicidade autêntica e plena. Procure encontrar o caminho que te deixa mais confortável, de preferência com ajuda profissional, isso facilita bastante o processo. Desejo tudo de melhor pra você.
    P.S.1: Léo foi podado no conselho desse caso #salveosleos
    P.S.2: Quando vai ter especial com Lu Maia e Lu Guaraldo (o original)?

    ResponderExcluir
  10. O negócio é viver a vida fazendo as coisas. Quando você se der conta, você fez um monte de coisas

    ResponderExcluir

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe