The Walking Dead 2x05/06: Chupacabra/Secrets

segunda-feira, novembro 28, 2011


E a busca pela menina Sophia continua...

Dois episódios divertidos de The Walking Dead, sendo o quinto o melhor até aqui. O sexto foi bom também, mas não foi nada comparado ao quinto. Então, vamos lá.

Fiquei extremamente irritado pela busca da Sophia estar se arrastando por mais de seis episódios. Se fosse uma temporada pequena como foi a primeira, tudo bem. Agora, temos 13 episódios, certo? Ou seja, está na hora de trocar de storyline e deixar a menina viver feliz sendo uma walker para sempre ou até alguém meter uma bala bem na cabeça.

O quinto episódio foi ótimo pelo simples fato de ter sido COERENTE. A história foi construida bem e se desenvolveu bem melhor ainda, chegando à um final tenso. Nos episódios passados, coisas eram jogadas na tela para ocupar o tempo e coisa do gênero, não tendo nenhum desfecho. O episódio, porém, começou com um flashback. Sou amante de flashbacks... Quando usados direito. Nesse caso, não foi isso que aconteceu. Gostei do tanto de comédia que teve no episódio. O asiático, além de se tornar o terceiro marido de Lori, sempre lá conselhando-a, ainda teve a audácia de faltar nas aulas de educação sexual sobre ciclo menstrual.

Felizmente, isso pode ser esquecido. A estrela do episódio foi Daryl, mesmo que foi estranhamente estratégico o zumbi ter chegado, o visto, e ao invés de comer logo toda aquele pedaço saboroso de homem, ficou mesmo fascinado foi com o chulé.

A aparição de Merler também foi boa e com isso (eu espero) conflitos do começo da primeira temporada devem voltar à tona, sem contar que eu comecei a ler as HQs. Spoiler a seguir com comentário: Descobri já que Daryl nem existe por lá. O que é bem estranho, considerando que ele é o melhor personagem da série, enquanto outros personagens existentes nos quadrinhos não são muito bons na série, de alguma forma. Isso prova que os roteiristas conseguem lidar com novos personagens, mas não conseguem lidar muito bem com os próprios personagens dos quadrinhos. É isso mesmo? Em uma nota nada a ver, perceba que no final do episódio o japinha queria conseguir outra trepada e acabou quase sendo COMIDO pela nossa querida família de walkers que vetevelho deixa no celeiro.

Dito isso, o sexto episódio serviu só para Rick continuar com uma puta fama de corno. Queria MUITO que ele desse logo na cara da mulher, quando ela fala o segredo mais BEM guardado do mundo, e além dele comentar que já sabia, ainda fica 'ah, acontece'. Pior do que ser corno, é saber a verdade e ainda falar nada sobre. Típico por lá.

O sexto episodio passou bem rápido. É aquele negócio: o tempo voa quando você está se divertindo. E mesmo assim, quase nada aconteceu no episódio. Não sei o que eu amei mais: toda a DR entre japinha e andrógena ou Lori brincando de vomitar pílulas.

Pelo menos andrógena deu um jeito no seu homem, deixando claro que ela possui mais masculinidade do que o japinha, já que ela foi o cerébro da operação. Percebam o tanto que ela ficou brava com Lori após ser atacada na farmácia (leia-se: motel). Ela queria dar uma escapadinha, que mesmo sendo super-rápida por causa da ejaculação precoce de japinha e o provável pequeno instrumento, pelo menos era alguma coisa e aquele walker cortou toda excitação que acontecia lá na pikachu dela.

Shane é um personagem muito complexo. Enquanto tenta fazer Andrea conseguir atirar em um tronco, toca na ferida do passado, em outro momento já estava exercendo a função de segundo papai de Carl, tentando fazer com que Lori e Rick deixassem o filho aprender como atirar. Cada episódio estamos tendo desenvolvimento de personagens (um lento desenvolvemento, mas já é alguma coisa). Dessa vez foi Andrea, que além de aprender a caçar loucamente todos os walkers que vê, ainda tirou o atraso com Shane.

Não dá para não rir sobre a indagação de Lori, que claramente é uma mãe adolescente, já que não sabia que banana e rosquinha resultava em bebês. O problema mesmo foi ela fazer toda aquela sequência de engolir e vomitar as pílulas.

Não dá pra entender o motivo dela ficar com aquela pegada sentimental sobre não querer criar o filho no meio de um pós-apocalipse. Querida, nuggets são vida! É isso que vocês estão precisando... De um novo mascotinho. Talvez assim você vire mais aceitável, Lo (Perceba que sou muito íntimo da pessoa).

PS: Review do 2x07, ou seja, Fall Finale sai amanhã cedo.

@marcoacpontes 

Talvez Você Curta

1 comentários

  1. Ótima review!
    Estou começando a achar que a Sophia vai virar a Danielle Rousseau (francesa do lost) do The Walking Dead. Vão achar essa menina daqui a uns 30 anos com um rifle tocando o terror na floresta cheia de zumbi. Vai até ganahr um Spin-off. :P
    Ou senão acho que alguém já a encontrou, ficou p.... da vida com toda a barra que eles estão passando e deu um sumiço nela. Perfeitamente justificável em minha opinião.
    Abs,

    ResponderExcluir

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe