Boardwalk Empire 2x04/05: What does the bee do? / Gimcrack and Bunkum

sexta-feira, dezembro 09, 2011



Quando o Silêncio é o mais eloquente dos discursos.




“What does the bee do?” estava cheio reviravoltas nos plots e revelações interessantes dos personagens, o que fez parecer um episódio longo, mas não chegando a ser chato. Encontrei-me completamente absorvido em grande parte da ação, especialmente nos momentos de silêncio entre personagens que não têm realmente interagiram muito nesta temporada ou na última.

Chalky retorna para sua casa e para o centro do poder na comunidade negra, porém seu retorno não foi o mais agradável. Ainda confrontado pelas famílias impacientes dos quatro homens mortos na estreia da temporada, Chalky sente-se impotente como um líder porque Nucky continuar a adiar sua vingança, um ato que enfraquece e frustra Chalky​​.

Eu acredito que o personagem realmente começou a questionar se seus compromissos estão distanciando ele em demasiado de seu povo e fazendo dele um mero criado. Incapaz de expressar sua raiva crescente pelo chefe, e o nojo de si mesmo Chalky ferve na mesa de jantar, declarando que sua família seja pouco elegante devido a ele ser "caipira". O jantar, que incluía o novo namorado de sua filha, Samuel, foi uma experiência tensa, e raiva Chalky era palpável, apesar de equivocada.

Fiquei desconfiado de Gillian, desde que ela uniu Jimmy ao Comodoro, passando por cima de seu estranho passado com este, em um esforço para garantir o sucesso futuro de seu filho. Gillian, como Lady Macbeth, são combustíveis à ambição dos homens ao seu redor, principalmente quando é para seu próprio bem (e para Jimmy aparentemente). Achei-a tão mutável e impiedosa em sua determinação sendo assim difícil sentir muita simpatia por ela...

... Até que ela contou a história de sua primeira vez com o Comodoro. E expressou claramente sua raiva, tristeza e o medo contínuo de ser estuprada sendo tão jovem. Quando o Comodoro não consegue ou não se lembre de suas ações, a raiva de Gillian transborda e ela repetidamente bate na cara dele, e sem dúvida, desencadeando anos de ressentimento reprimidos. Foi uma cena chocante e perturbadora de se assistir, e me pergunto como a relação deles se desenvolverá a partir de agora.

O momento mais comovente e hipnotizante aconteceu entre Richard e Angie. Com o tempo, a série tem destacado o fascínio de Richard com as famílias e sua adoração (ou inveja?) do relacionamento entre Jimmy, Angie e Tommy. Em um raro momento sozinhos, Angie pede para desenhar rosto de Richard e ele, surpreendentemente, concorda. Esta cena ilustra perfeitamente Richard, literal e figurativamente, desmascarando a si mesmo.

Quando Angie pergunta se ele nunca esteve apaixonado, ele admite apenas ter amado sua irmã, Emma. Quando ele falou sobre o que aconteceu depois do acidente, eu esperava que sua irmã houvesse se afastado dele, mas a história de Richard, não é tão simples. Sua situação foi ainda mais trágica, uma vez desfigurado, ele descobriu que ele não conseguia olhar para Emma da mesma forma novamente. Ele simplesmente diz: "Eu perdi tudo o que eu achava que o amor era" de uma maneira fria, mas sucinta de expressar o que realmente está no coração de Richard.

Tendo se exposto emocionalmente para Angie, ele toma o próximo passo lógico e remove sua máscara. Era uma cena perfeitamente atuada e realmente fez Richard mais do que apenas um personagem trágico. Ele também fez dele um pouco assustador. Há um vazio dentro de Richard que faz seu trabalho como um assassino muito mais fácil.

O episódio deixou-nos com alguns desenvolvimentos interessantes que podem realmente mudar as coisas ao longo da temporada. Como  Jimmy vai resistir a todas essas perdas? Qual será o curso dos negócios com o Comodoro tendo um AVC?
E o negócio de Luciano e Lansky? Eles vão seguir as ordens de Rothstein e abandonar seu jogo de cartas? Van Alden vai ser exposto como um agente corrupto?


Violência parecia ser a ordem do dia em "Gimcrack & Bunkum". As cenas horríveis e emocionalmente angustiantes, ocasionalmente, me fizeram estremecer. Porém toda essa brutalidade foi o que tornou este episódio tão divertido e apaixonante como o da semana passada.

A maré tem mudado para Jimmy, ele enfrentou alguns testes humilhantes de sua capacidade de liderança. Nucky forçou o Jimmy,  despreparado, fazer um discurso de improviso no memorial em dedicação à  1ª Guerra Mundial, e o Sr. Parkhurst usa sua bengala para repreender Jimmy, com uma pancada na cabeça. Ambos pensam que Jimmy é apenas um garoto impertinente e desobediente.

Porém Jimmy, não é uma criança, e ele quer provar isso. Depois de uma conversa estimulante de sua querida mamãe, ele tomou o primeiro passo para recuperar sua virilidade e sua posição como líder. A confiança silenciosa de Jimmy e determinação são as melhores partes de seu personagem, mas essas características podem levá-lo a um caminho sem volta. Observando sua execução fria no escalpamento de Parkhurst  foi uma parte igualmente aterradora e irritantemente satisfatória para mim.

Esta cena me fez pensar, devemos torcer para Jimmy? 

Jimmy, claramente provou que ele fará o que for preciso para permanecer no topo. Foi bom ver Jimmy, recuperar sua confiança depois da pancada na cabeça que levou de Parkhurst, mas eu não posso imaginar Boardwalk Empire, sem Nucky Thompson no poder.

No entanto, eu definitivamente poderia imaginar o show sem Eli, cujo pedido de desculpas e choramingo para Nucky foi não apenas muito tarde, mas também mostrou como a traição fácil é para Eli. No final, o seu rastejo só serviu para aumentar sua humilhação quando Nucky cruelmente o rejeitou, e que levou à inevitável confrontação entre os dois irmãos. Outro momento estranhamente gratificante de violência.

Menos brutal, apesar de tão perturbador quanto, foi viagem de Richard para a floresta. Ele parecia decidido a acabar com sua vida, mas a sequência estranha de eventos que ocorreram (um cão aleatório roubar sua máscara?) o levou a agarrar-se o único laço que ainda lhe importa: a amizade com Jimmy. Apesar de não ser o mais estável, o personagem de Richard traz mais vida à série, refletindo o quanto uma pessoa pode perder. Suas circunstâncias trágicas adicionar uma camada extra de tensão dramática para o show e todos de suas cenas são cheias de tensão silenciosa. Fico feliz que ele foi salvo lá na floresta.

Boardwalk Empire chega a um alto nível de qualidade, quase na metade de sua temporada, deixando várias perguntas a serem respondidas nos episódios que estão por vir.

Talvez Você Curta

0 comentários

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe