American Idol 11x03/04/05: San Diego/Aspen/Galveston

quarta-feira, fevereiro 08, 2012


Garota: Eu vou fazer xixi na calça.
Steven Tyler: Fique a vontade, querida.

É, a temporada de American Idol continua ótima e dessa vez os produtores resolveram fazer audições em lugares inusitados, já que o objetivo maior do programa agora é se renovar, até porque ele comemora DEZ anos e por isso tivemos a oportunidade de visitar um porta-aviões em San Diego e depois conhecer a linda e congelante Aspen, sem deixar de lado o lugar de onde veio a primeira vencedora do programa, o Texas.

E continuando com a safra de ótimas audições, vamos começar com San Diego.

O programa já começou esculachando com a semi-nua Jennifer Diley, que além de estar quase sem roupa cantava mal. Mas a edição logo mostrou ótimas audições, provando que San Diego tem, sim, ótimos cantores como a incrível Ashley Robes, o engraçadíssimo Jayrah Gibson, a linda Aubree Dieckmeyer e a também engraçadíssima Ali Shields.

O segundo dia em San Diego manteve o nível do primeiro, começando por Kyle Crews, um garoto que faz questão de dizer que está em uma fraternidade, mas que realmente canta bem. Também tivemos a surpreendente presença de Jane Carrey, filha do Jim Carrey, que por incrível que pareça canta bem e ganhou seu golden ticket. O último a se apresentar no segundo dia em San Diego foi Josan “Wolf” Hamlin que teve seu hype, agradou os jurados, mas dos que passaram para Hollywood foi o que menos gostei.

E então veio Aspen, que mesmo não tendo muitas audições boas, teve uma edição que me fez gargalhar várias vezes. Assim como San Diego, mas dessa vez a garota passou, Jenni Schick por algum motivo que ainda não entendi conquistou os jurados e ainda ganhou um beijo de Steven Tyler. A primeira audição realmente boa foi a de Haley Smith, a garota esquisita e vegetariana que tem um timbre lindo e ganhou facilmente seu passe a Hollywood. Quem também tem uma voz super diferente é Shelby Tweten que deu um show, assim como Jairon Jackson.

Quem também mereceu destaque em Aspen foram Curtis Gray, Richie Low e Devan Jones que ganharam seu lugar em Hollywood.

O quinto programa de audições, terceiro dessa review, foi realizado em Texas, e seguindo o padrão dos dois últimos programas, a audição começou com um participação que te faz querer dar risada, aqui foi Phong Vu que destruiu nossos ouvidos com todo seu “amor”. O programa continuou desse mesmo jeito, com audições péssimas e que me faziam rir mais do que tudo, até que conhecemos Skylar Laina que detonou cantando Hell on Heels das Pistol Annies e ganhou seu lugar em Hollywood graças a seu incrível timbre country.

Depois de Skylar tivemos a linda e incrível Baylie Brown que me conquistou logo que apareceu no vídeo e assim o fez com os jurados e ganhou seu golden ticket. Mas incrível mesmo foi a audição de Kristine Osorio, sério que voz incrível essa mulher tem, essa deve provavelmente ganhar seu lugar no top 24. E então a edição nos mostrou a guerra de sexos entre os jurados e sinceramente concordei com a J-Lo em todas as audições que mostraram, mas aquelas pessoas não deveriam ir muito longe então a perda não foi tão grande.

Passada a briga entre os jurados não tivemos mais muitas apresentações realmente incríveis, mas algumas valem a menção, como Cortez Shaw cantando Someone Like You e Ramiro Garcia, o Josh Krajcik do American Idol.

Enfim, diferente de San Diego e Aspen, Texas não nos trouxe um número muito grande de boas apresentações, mas isso foi compensado com a edição rápida e engraçadíssima que só o American Idol.

Agora só temos mais 2 episódios de audição (que devo postar a review amanhã) e então começa a Hollywood Week, que, pelo que vimos de audição até agora, deve estar INCRÍVEL.

Talvez Você Curta

0 comentários

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe