How I Met Your Mother 7x18: Karma

terça-feira, fevereiro 28, 2012


Karma is a bitch.
Apesar da temporada continuar com os problemas de sempre, tenho que confessar que acabei gostando deste episódio. How I Met Your Mother continua sendo uma comédia um pouco fraca no humor, principalmente quando comparamos com o que a série já foi um dia, mas, de vez em quando, também continua trabalhando bem o drama e a evolução de alguns personagens.

A ironia do destino fez Barney ser feito de idiota do mesmo jeito que ele sempre fez com as mulheres. Karma foi uma ótima sacada de uma twist para o personagem. Já que ele vai se casar em breve, era mesmo necessário que os roteiristas preparassem esta transformação. Não que os roteirista já não tivessem tentado fazer ele se importar com Nora ou Robin.

Assim, mesmo que Quin venha a não ser a noiva, provavelmente não é, sua entrada na série acaba tendo um propósito, o que é bom, uma vez que Zoey, Nora ou Kevin não tenham acrescentado muita coisa à trama. O que me incomodou um pouco foi o Barney (logo ele) ter sido tão ingênuo o tempo todo, a série continua apelando para o humor exagerado e caricato, que não me agrada muito. A história também foi didática demais e (para qualquer pessoa um pouco mais ligada) a trama acabou sendo sempre previsível.

Enquanto isso, Ted acabou dando mais um passo para encontrar a mãe, deixando seu passado para trás. Com a aproximação do momento definitivo é esperado que a série prepare bem o terreno e faça o personagem amadurecer com o processo, assim ele acaba ficando um pouco menos avulso como de costume nos últimos anos. Suas tentativas de ocupar o quarto de Robin com um hobby foram bem bestas, mas até que acabou me divertindo.

Outro ponto positivo do episódio foi o diário da Robin e a maneria com que o roteiro conseguiu transformar um plot pouco promissor em algo mais interessante. As descrições de Long Island e das atividades praticadas pelos habitantes da ilha foram muito boas e engraçadas. Fazer alusão a um filme de terror foi coerente, principalmente porque Marshall e Lilly acabram se tranformando em um horror mesmo. Dá para contar no dedo o que de legal os dois fizeram nesta temporada.

Muito isolados nas tramas os dois acabram sempre fazendo parte do plot encheção de linguiça, aquilo que falta para o episódio completar os 20 minutos de todo episódio, uma grande injustiça com dois ótimos atores do elenco . A volta a Manhattan também sigfica uma evoluição na vida dos personagens e talvez sugira (tomara) uma evolução na qualidade das tramas para o casal. Quero voltar a me divertir com os dois como acontecia antigamente, não quero mais saber apenas de plots de decisões de pessoas casadas, mimimis e velhice logo na série que sempre foi tão jovem.

Agora é torcer para uma boa sequência de episódios para que possamos nos despidir da série o ano que vem com dignidade. 

E vocês, gostaram do que viram em "Karma"? Não deixem de deixar suas impressões do episódio e do momento da série.

Talvez Você Curta

2 comentários

  1. Eu já tô quase pra desistir do humor em HIMYM e me conformar só com a parte de drama, que quando bem feita, sempre me faz chorar... Achei muito bonitinho ver Marshal e Lily voltando pro apartamento e acho que já começam a fechar a série daí. Tomara que esses dois personagens voltem a ser como era antes, pois estavam insuportáveis desde a ida pra Suburgatory...

    Fiquei besta de como trataram o Barney nesse episódio... muito estúpido um dos personagens mais canalhas das séries caindo no conto de "mais uma lap dance", nem quando ele estava apaixonado por Robin ou Nora ele era tão otário... Enfim.

    ResponderExcluir
  2. O único que ainda me faz rir é o Barney. Mesmo com esse problema de personalidade que ele teve, se tornando um banana de uma mulher. Espero ver s coisas voltando aos eixos, mas sei lá HIMYM de repente se tornou um drama. Sinto tanta falta da comédia que era =/

    ResponderExcluir

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe