Girls 1X08/09: Weirdos Need Girlfriends Too/Leave Me Alone

sexta-feira, junho 15, 2012

 

If You don't like ice cream what do You like? I Like You.

Depois de um episódio incrível como "The Crackacident" Girls retorna para duas semanas muito mornas. Episódios com temáticas que não podiam ser mais diferentes, porém igualmente fracas. A minha grande preocupação, é que uma série com dez episódios igual a Girls não precisa ter fillers e pode sim ter todos os seus episódios tão épicos quanto os sétimo. Sem mais delongas e mimimi vamos as reviews.

"Weirdos Need Girlfriends Too" foi quase que por completo focado em Adam, o introduzindo como personagem completa e fixa na série. Depois que Hannah o parou de ver unilateralmente pudemos conhecer também todo esse lado mais intenso do cara, todas as suas noias (que são muitas), e claro, o crescimento do seu romance com Hannah. O romance está lindo de se ver, a parte da corrida, do sorvete, deles indo para o teatro, dos adesivos colados na rua... enfim! Porém o mais bacana foi ver que tudo não se limitou ao frufru e foi muito mais além, como o detalhamento de toda a estranheza que reside na mente do rapaz, nas cenas do teatro, no xixi no banheiro... Mostrando exatamente como Adam lida com o stress... Foi um plot muito PNC, com requintes freudianos e uma das poucas coisas que salvou nesses dois episódios.


Agora o plot de Marnie  e Jessa... Muitos amaram, mas sinceramente dividiu a minha opinião. O plot em sí foi ótimo, muito divertido, ótimo de se ver (em todos os sentidos), porém queiram vocês ou não é um filler! Sou daqueles bem chatos que batem na mesma tecla... "Não sou obrigado a ver fillers em séries que acompanho, não sou obrigado!" Uma interação completamente aleatória entre as duas meninas que mal se gostavam e com um cara completamente aleatório. Péssimo!

Achei legal as conversas francas, as duas indo pro bar falando de perfis, Marnie bêbada, as duas se pegando e o coxinha querendo pegar as duas; tentei tirar várias teorias sobre a personalidade de Marnie desse plot, mas sinceramente não consegui. Tudo o que consegui achar, no fim das contas, foi muita aleatoriedade, tanto é que nenhum dos plots foi retomado no episódio seguinte.


O problema desses dois episódios, foi exatamente não possuir nenhuma conexão entre eles. Sinceramente, eu esperava muito mais de Girls do que se comportar apenas como uma sitcom, Porém foi o que vi nesse episódio. Imaturidade nos diálogos, muito ataque de pelanca, muito comportamento adolescente por parte das personagens... Não sei porque sinto Girls regredindo um pouquinho... Isso é bem ruim.

Depois retomarei os problemas e as personagens principais, vamos focar no que teve de bom no episódio e que o fez ser bem melhor do que o outro... Sim! Teve Shoshanna e teve Ray! Aproveitando a vibe maus escritores e livros de auto-ajuda como tema, incluíram Shosh, já que isso parece ser bem a vibe dela. A cena dela falando que foi na vidente e se inscreveu no site de relacionamento foi épica! O Engraçado é que ela vai falando as asneiras numa espontaneidade que é muito divertida de se ver, e ela não para, vai soltando uma merda atras da outra... E você sabe que a cara que a Jessa fez era a mesma que você faria... Já Ray passei do ódio ao amor... Semana passada já tinha gostado bastante da participação dele, mas depois dessa cena dele com a Hannah o classifiquei oficialmente como o escroto da série, já sei que vou rir muito daqui para frente com as cenas dele (Sim! Vamos colocar um pouco de Testosterona em Girls!).

O plot da Jessa foi bem estranho, digamos assim. afinal foi uma conversa muito importante para a mesma e a fez perceber uma porrada de coisas, mas ao mesmo tempo foi exposta para o público de um forma muito óbvia... E se tem uma coisa que não admito é que subestime a inteligência do expectador.


E aí finalmente voltamos à Hannah, que nesse episódio teve um plot completamente diferente. Cansou de focar na sua vida amorosa e pessoal tão trivial e decidiu focar em Crítica Cultural, na Chuva Ácida e no Panda Gigante (como amo o Ray!). Acontece que não foi só o texto da mesma e a sua tentativa de ingressar por outros assuntos que não deu certo, o plot todo não deu certo. Toda a parada do mimimi, ela é uma péssima escritora, eu escrevo melhor, tenho que escrever algo relevante para que me elogiem, foi tão cansativo que cheguei a correr algumas partes.

Agora a cena final então... Prefiro nem comentar! Ou devo?! Sério, o que foi aquilo? Todos nós sabemos que Hannah e Marnie possuem problemas para acertar, assim como qualquer relacionamento possui. Agora reduzir tudo isso a uma briga estilo High School na hora do recreio foi simplesmente lastimável! Eu como expectador não merecia isso, as personagens não mereciam isso... Quando eu penso que elas estão crescendo e ganhando maturidade me soltam uma bomba dessas no colo! Fica a dica para os produtores de Girls: vamos ser menos óbvios e preguiçosos!

Desculpem pelos atrasos nas reviews. Semana que vem é a última. Estarei aqui!



Talvez Você Curta

0 comentários

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe