666 Park Avenue 1x02: Murmurations

domingo, outubro 14, 2012



Avenida do Diabo versão: Os Pássaros.

Como não rir muito de 666 Park Avenue, que logo no segundo episódio fez exatamente o que eu NÃO pedi? Pegar logo também Os Pássaros, filme do Hitchcock para fingirem que não está transformada a série em um grande gordo clichê? #morto

Mesmo assim, é óbvio que gostei do episódio. Perceba que não estamos lidando com uma produção normal, já que além de abusar dos clichês, abusa também da sensualidade, mas de forma discreta, claro. Até porque Brian, o loirinho, fica morrendo de vontade de pegar a assistente da mulher quando ele está observando pela janela, mas quando ela finalmente está na FRENTE DELE, Brian broxa total.

Estou esperando a Sra. Doran aparecer mais, Vanessa Williams é uma ótima atriz e deveria dar motivos para a loira voltar para a aula de drama, mas até agora, Kate está conseguindo até atuar de olhos fechados perto de Vanessa.

Perceba, porém, que Kate é neurótica e obviamente vai ficar batendo na mesma tecla o episódio inteiro. Hoje foi o caso dos pássaros, mas ela também fica arrumando desculpas para voltar no porão para finalmente continuar a futricar na porta invisível, só porque claramente ela não tem mais nada para fazer durante o dia. Aliás, ela até tenta fazer algo durante o dia: mandar SMS para o amor, mas ele nem responde. É a maior barra do dia.

Mas copiaram tanto Os Pássaros que fiquei chocado em não ver criançinhas correndo no meio da rua. Todo o suspense e as cenas estão extremamente mais bem feitos, mas é provável que se aparecesse novamente a magia que engole as pessoas pela parede, todo mundo ia rir... pra variar.

Há alguns personagens que me intrigam. O porteiro não é chamado para nada, mas aparenta saber muitas coisas. Louise claramente teve uma mudança de alma quando foi quase ASSASSINADA pelo elevador, porque ela parecia outra pessoa, super simpática, especialmente com o marido. Se fosse a mesma pessoa do Piloto, quando ele falasse sobre as contas, ela iria logo colocar toda a culpa em cima dele, sem dúvidas.

Se querem saber o que Gavin quer com Henry, é só assistirem O Advogado do Diabo e pronto, mas Gavin safadinho deixou a porta aberta acidentalmente para que Henry visse o projeto e participasse do ‘jogo da honestidade’. Henry ganhou, claro, até porque, aparentemente o cara é o anjo em pessoa.

Gavin pode até ser o diabo, mas pelo menos ele funciona como cupido, quer dizer, cupido vingativo. A moradora dessa semana está tão desesperada que ignora até o anel de casado do cara, sem contar que é uma vadia mortífera, que não aceita um péssimo relacionamento e não se importa em matar quem não souber coisas inovadoras na cama.

No mais, vamos fazer uma aposta para descobrir qual será o próximo filme e;ou clichê usado no próximo episódio. Quem começa?

Talvez Você Curta

2 comentários

  1. Eu aposto que próximo episódio vai ter referência de O Brinquedo Assassino.:D #troll

    ResponderExcluir
  2. Eu acho que todos personagens estão mortos e o prédio é tipo um purgatório ou o próprio inferno!! E na minha opinião foi uma copia escrotissima de Os Pássaros, fiquei com vergonha...se Hitchcock fosse vivo acho que ele morreria depois desse episódio.

    ResponderExcluir

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe