The X Factor US 2x14/15: Top 13/Results

sexta-feira, novembro 16, 2012


Agora está nas mãos dos Estados Unidos.
O top 13 está finalmente escolhido (sim, Diamond White voltou minha gente! #MelanieAmaro) e ele definitivamente fez uma noite de apresentações bem melhor do que foi mostrado no top 16, mesmo com um tema bem perdido. As novas mentoras mesmo um pouco perdidas estão indo bem pra quem está começando e acho que mais para frente ainda veremos muita melhora nos nossos acts.

Mas agora vamos falar um pouco sobre o que cada um vez.

Arin Ray – American Boy  1  2  3  [4]  5
A semana já começou bem melhor do que a primeira noite de live shows. Britney fez um ótimo trabalho com Arin, o garoto veio bem mais confiante, com uma presença bem maior e ainda foi muito bem vocalmente.


Paige Thomas - Take My Breath Away  1  2  [3]  4  5
Mais uma vez a produção da apresentação de Paige foi impecável, mas ainda acho que ela está pecando um pouco volcamente, foi melhor do que a apresentação passada, mas acho que ela poderia ter ido um pouco mais longe.


Uma apresentação bacana, voz incrível de novo, mas acho que ainda falta um pouco para impressionar.


Fizeram mais uma apresentação bem bacana, animada e que vai continuar agradando bastante o público. Só acho que esse arranjo da música ficou um pouco esquisito, não sei se precisava misturar tantas músicas assim para fazer uma apresentação bacana.


Beatrice Miller – Iris  1  2  3  [4]  5
Sou apaixonado pela Beatrice e por esse arranhado que ela tem na voz. Acho que ela foi muito bem e fez uma performance extremamente correta, colocou emoção e impressionou todos os jurados. Também acho bem legal essa vibe meio cool que ela está mostrando.


Adoro a Jennel e achei a apresentação muito boa, mas estou morrendo de saudades da Jennel das audições. Aquela garota quieta e que quando começava a cantar era super sexy, espero que a Demi Lovato em algum momento resgate essa garota.


Adoro country e adoro a voz do Tate. Não é, nem de longe, o meu favorito para o prêmio, mas gosto bastante de tudo o que ele faz no programa e começo a acreditar que ele pode conseguir chegar a uma posição no programa.


E o Lyric145 não para de surpreender. É impressionante a alegria e a presença que o grupo trás para o palco, eles são definitivamente uma das melhores coisas que já subiram ao palco do The X Factor americano e merecem muito ir longe nesses live shows.


DiamondWhite – I Have Nothing  1  2  [3]  4  5
Sei que tem gente MUITO feliz com a volta da Diamond. Mas não sei... Desde a primeira performance da garota não consigo me conectar com ela. A voz dela não é uma das que mais que agradam e se eu tivesse que escolher uma pessoa para voltar seria David Correy, não ela. Ainda não tiro o mérito da garota, mas não achei que a apresentação não valorizou a chance de voltar.


Cece Frey –Eye of The Tiger  1  2  [3]  4  5
Cece era uma das minhas favoritas na fase das audições, mas ela está fazendo de tudo para perder esse lugar no meu coração durante os live shows. Acho que parte disso é culpa de Demi Lovato, as escolhas musicais estão ruins, a voz não está vindo boa e a superprodução a está atrapalhando um pouco. Espero que melhore um pouco semana que vem.


É assim que eu gosto da Carly, pegando uma música recente e a deixando exatamente do seu jeito, o que não aconteceu com Good Feeling semana passada. Ela ficou paradinha, cantando MUITO e provando que é a melhor voz de toda a competição, mesmo com apenas 13 anos.


Jason Brock– I Believe I Can Fly  1  2  [3]  4  5
O problema de Jason é que ele é karaokê demais. Não nego que a voz dele é incrível e que ele é divertido, mas falta algo que conecte ele ao público e que dê mais vida a apresentação.


Fifth Harmony - A Thousand Years  1  2  3  4  [5]
Primeiro: Super inteligente colocar a Camila no centro, já que ela é a favorita do público. Segundo: QUE APRESENTAÇÃO LINDA! Elas sozinhas cantam demais, juntas elas estão melhorando cada vez mais. Apresentação super bem montada, com as vozes escolhidas pontualmente para cada parte... Muito orgulho das Lylas/1432/Fifth Harmony (qual o nome pra semana que vem?)

No episódio seguinte tivemos o primeiro bottom 2 da segunda temporada e ele foi formado por Cece Frey e Jason Brock. Os dois cantaram bem, mas Jason já estava fazendo hora extra no programa a algum tempo, mesmo com sua voz incrível ele provavelmente nunca iria conseguir conectar com o público e por isso não fez tanto sucesso e foi o menos votado da semana.

A novidade da temporada fica por conta do quadro de colocações. Pela primeira vez o programa irá revelar a ordem em que os participantes ficaram após a votação e isso vai ser bem divertido de acompanhar, principalmente devido as várias surpresas, como Tate Stevens no topo.

E foi isso pessoal, nos falamos de novo semana que vem no Top 12 que eu espero que seja ainda melhor que o Top 13.

Talvez Você Curta

0 comentários

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe