Orphan Black ganha versão brasileira com autora consagrada no assunto Clonagem

segunda-feira, maio 27, 2013


Hit da BBC America neste ano, a ficção científica Orphan Black já tem versão garantida em terras tupiniquins. Trata-se de Clube das Clones, minissérie em 15 episódios que contará a mesma história da original britânica, em adaptação de ninguém mais, ninguém menos que Glória Perez. "Estava com saudades de tratar do assunto, que já desenvolvi muito bem em 'O Clone', mas de lá pra cá muita coisa mudou e gostaria de ver como essa trama será encarada agora que o público aprendeu a voar", disse, em anúncio oficial da produção, que deve chegar às telas da Rede Globo em setembro.

Para o papel, ou melhor, papéis principais, foi escalada Débora Falabella, queridinha da emissora e da autora, que trabalhou com ela pela primeira vez justamente  em 'O Clone', de 2001. "Poucas atrizes dariam conta desse desafio como Débora, que já provou ser capaz de interpretar os mais variados tipos de personagens", declarou Jayme Monjardim, que será responsável pela direção-geral do projeto. O restante do elenco ainda não foi confirmado, mas especulações fortíssimas já estão em vigor.

Paulo Ricardo já recebeu a encomenda para a música-tema da minissérie, que será um dueto do cantor com Maria Bethânia. Fonte: Stop This Madness

Conheça a seguir os personagens de Clube das Clones, com o aviso de que o texto pode conter spoilers da série original.


Sara Machado (Débora Falabella)
Uma mulher guerreira, à frente de seu tempo, que teve seus problemas no passado, mas que agora quer recuperar a guarda da filha e criá-la com responsabilidade. Sua lista de arrependimentos incluem ter sido aviãozinho no Morro do Sapecão e grafiteira e DJ conhecidíssima sob a alcunha de SaMacha.









Detetive Bete Gimenez (Débora Falabella)
Frígida e péssima profissional, não tem tempo de mostrar suas características na história porque se mata na primeira cena se jogando na frente de um carro de bois. Sara assume sua identidade e rapidamente fica entediada em ter que reproduzir tanto tédio para fingir que é a verdadeira Bete.








Katiúscia Obélia (Dèbora Falabella)
Misteriosa socialite do Mato Grosso do Sul, vem ao Rio com uma maleta cheia de informações sigilosas sobre o Clube das Clones, destinada à detetive Bete. Hospedada em um luxuoso hotel no Leblon, Kati não tem a chance de cumprir sua missão ao ser atacada no primeiro encontro com a impostora Sara, e abatida dentro do transporte público que as duas pegam para fazer um passeio turístico na Lapa.






Helena (Débora Falabella)
Criada num convento em Alagoas, Helena foi convencida por uma organização religiosa a purificar o mundo de suas clones, sob a ilusão de que é a original. Cheia de cicatrizes, frutos de sua necessidade de autopunição e mentalmente debilitada, sente que tem uma conexão verdadeira com Sara, a primeira do Clube das Clones que hesita em matar.







Alice de Azevedo (Débora Falabella)
Mulher forte e de personalidade, dona de uma pastelaria respeitada na Mooca, mama italiana que luta para manter a família unida. Adotou dois remelentinhos que encontrou numa lixeira na Estação da Barra Funda e se dedica inteiramente a eles e ao maridão, que sempre ajuda muito em casa fazendo a lista de cervejas importadas que deseja beber durante o final de semana.







Cotinha Albuquerque (Débora Falabella)
Estudante de biologia na USP, vegetariana e feliz proprietária de oito cachorros a quem se refere como "seus filhotes", Cotinha é a cientista do Clube da Clonagem, se aproveitando de sua posição privilegiada trabalhando num conceituado laboratório de exames de sangue e fezes para descobrir mais informações sobre sua origem e das culegas.






Kika (Klara Castanho)
Pirralha filha de Sara, que sai por aí confiando em estranhas só por terem a mesma cara da mãe e gosta de atravessar a rua sem olhar para os lados. Aparentemente, é muito importante por mostrar que existe reprodução no Clube das Clones, mas só por isso.








Paulo Dantas (Rodrigo Lombardi)
Namorado de Bete, tem um talento natural para finalizar clones na mesa da sala e passar o resto da vida falando desse fato como se fosse o único motivo para se apegar a alguém e ter DRs infinitas.








Doninho de Azevedo (Murilo Benício)
Marido de Alice, peida muito e esconde uma vasta coleção de DVDs pornôs.











Félix (Klebber Toledo)
Irmão adotivo e fiel escudeiro de Sara, traz o plot social da minissérie, pois luta para conseguir a legalização da profissão de michê no Brasil, com direito a aviso prévio, 13º e adicional de insalubridade.








Detetive Adelson Barros (Ailton Graça)
Parceiro de Bete, muito astuto e sagaz, gosta de esconder o dinheiro da amiga por birra e tem a leve impressão de que algo está errado conforme todas as pistas do Clube das Clones aparecem explicadas de forma detalhada na frente de seu nariz.









Senhora S. / Silvana (Daniela Escobar)
Uma mulher imponente e voluptuosa. Ex-cafetina do primeiro cabaré étnico do Vale do Amanhecer, dedicou sua vida a abrigar e proteger crianças marginais. Sua relação com Sara é um pouco conturbada, pois não aprova a pichação e quer proteger Kika desse futuro nebuloso.








Jorjão (Eriberto Leão)
Ex-namorado traficante de Sara, não se conforma de ter perdido o dinheiro de sua craconha, o dedo mindinho e a sanidade ao ver sua amada deitada com as tripas para fora na mesa do IML.









Delfina (Mariana Ximenes)
Culega de Cotinha. Dizem por aí que vai rolar sabão.












E você, o que achou da versão brasileira de Orphan Black? Que tal montar o SEU elenco e mandar para Glória Perez, já que aparentemente nem tudo está definido ainda? Deixe a sua sugestão nos comentários e vamos mostrar o quanto podemos voar junto com nossa autora favorita!

Talvez Você Curta

23 comentários

  1. Isso é serio? Ou é pegadinha do faustão?

    ResponderExcluir
  2. Só o seriadores mesmo... Pessoas que não sabem voar falarão que esse post é mentira.

    ResponderExcluir
  3. Mas que Félix é esse? Nossa nossa kkkkkk

    ResponderExcluir
  4. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    só assistirei se o nome for: órfã preta!

    ResponderExcluir
  5. Só assisto se a parideira de uma tal orfã aí ***SPOILER EP 9***, for Zezé Mota <3

    ResponderExcluir
  6. Se for Chiquitita Preta até vejo...

    ResponderExcluir
  7. PELAMORDEDEUS Não né?! Legenda a original que é lindamente feita e passa e nao coloca a Gloria Perez pra adaptar nada!

    ResponderExcluir
  8. Minha única ressalva quanto ao elenco é a presença do Rodrigo Lombardi, que é feio e narigudo, mas de resto tem tudo para fazer muito sucesso.

    Acho que a gente tem que apoiar as produções nacionais e a Globo está de parabéns por trazer Orfã Negra à programação.


    Já prevejo Cotinha e Delfina dominando o Tumblr.

    ResponderExcluir
  9. Quanta crocância! Adorei a escolha de Félix e Delfina. Só senti uma queda na qualidade de Helena. Cadê peruca de poodle estilo Shakira?

    ResponderExcluir
  10. Acho que GloGlo assumiu uma postura mais realista quando a Helena.

    ResponderExcluir
  11. Adorei Leo a descrição dos personagem, pra mim que assistoo serie original, morri de rir com tudo isso, me pareceu mais uma parodia comica do assunto, mas como disse Poliana só assistirei se a serie se chamar a orfã preta. Bjoss

    ResponderExcluir
  12. BABADO!Sambô na minha cara.
    Mas como disse Poliana e Karoline apenas assistirei se o nome for Órfã Afrodescendente/Preta.

    ResponderExcluir
  13. Essa foi foda a Globo deveria mudar o slogan para "Originalidade a gente se vê por aqui". E o pior vai ser ouvir o pessoal que assiste Globo falando dessa minissérie.

    ResponderExcluir
  14. Vinicius Zambiancosábado, 15 junho, 2013

    Todas as clones serao fixas

    ResponderExcluir
  15. ASHUAHSUAHSUHAUSH LoL eu vi um desses como o Doctor, quase morri!

    ResponderExcluir
  16. Que isto??? É uma brincadeira???? Vai ser horrivel, nota-se logo pela descrisao deploravel das personagens...parece que estam a gozam com a serie original.

    ResponderExcluir
  17. Que coisa é esta??? É um brincadeira??? Só pode...vai ser horrivel, pelo menos é o que dá paara ver atravez da triste descrisão das personagens...que descrisao foi aquela??? Tao a gozar com a serie original????

    ResponderExcluir
  18. KKKKKKKKKKKKK PASSANDO MAL COM A COTINHA E DELFINA "acho que vai rolar sabão" AHAHAHAH FUcKYEAH
    Só achei a leitura da personagem Kika (Kira) bem fora do foco, não dando spoilers a temporada 2 explora bastante as potencialidades da guria, a bichinha é especial que só ela ;).
    Mas o resto ficou genial e muitíssimo engraçado. Eu assistiria O Clube das Clones =DDD

    ResponderExcluir

Fala aí, seuslindos!

Disqus for Seriadores Anônimos

Subscribe