Revenge 3x02: Sin

quinta-feira, outubro 10, 2013


Quando o arrependimento chega tarde de mais.


Segundo episódio da temporada e ainda não me decidi se a série voltou mesmo com todo gás. Se o primeiro episódio da temporada serviu pra mostrar para os fãs que a série estava caminhando de volta para os trilhos, Sin estava carregado de responsabilidade em trazer um bom episódio na trama. Mas não foi exatamente isso que aconteceu.

O episódio não foi um dos melhores, mas foi muito legal de assistir. Como o próprio nome estava sugerindo, Sin foi cercado de pecados, revelações e um pouco de perdão. Curti bastante a proposta de levar um personagem que era alvo da vingança de Emily, que se tornou padre e estava tentando fazer o bem para compensar os erros cometidos contra David Clarke. No desenrolar da trama vimos que Emily percebe isso e tentou corrigir o erro de se vingar de uma pessoa que não merecia mais. Acabou não conseguindo e irá culminar na tentativa de corrigir seu erro. Ansioso por essas próximas cenas.

Não sei o que estava passando na minha cabeça quando escrevi a review passada e não comentei sobre Adien e sua nova trama. O moço voltou buscando uma aliança com Victoria. Ainda não sei e não decidi se acho que isso é algo elaborado pela Emily ou não. Se for, acredito que irá surpreender todos. Se não for, Ems terá uma baita de dor de cabeça no futuro.

O meu medo (e acredito que de todos) é do nosso querido novelão começar a se tornar muito maçante. Se não perceberam, nesta terceira temporada voltamos a algumas características da primeira com um personagem vingado em cada episódio. Isso, não sei se é bom ou se ruim. Fico me perguntando o que irão inventar e se isso não acarretará que a série saia novamente dos trilhos. Uma coisa é que espero que essa trilha de vingança esteja perto do fim. Se não, a série vai ficar muito cansativa.

Por outro lado, o núcleo boring da série está mais chato que nunca. Jack, que ainda não sei o que quer da vida, e Charlotte que está mais insuportável nesse episódio do que no passado. A moça fica se culpando pela morte do Declan e tudo mais. Mas aquela conversa de Charlotte dizendo que não seria uma boa mãe me fez pensar se ela não provocou um aborto, ou se foi mesmo por outras condições.

Enquanto muitas coisas estavam acontecendo, Daniel conseguiu um emprego (menos um Grayson desempregado). A tal da Margaux, que disse que traria complicações para Daniel, tirou a roupa para ele e eu acreditei que ele iria trair Emily, mas nada aconteceu. Mas a querida vingadora já percebeu as insinuações da Margaux e isso, no futuro, pode não ser nada bom.

Bom, o segundo episódio foi na mesma média do primeiro. O que não gostei muito. Esperava algo mais dramático, mais “explosivo”, mais agitado do que esse episódio. O próximo episódio será o Confession e trará uma festa de inauguração feita pelo Nolan.

Ponto1: Patrick ficando por dentro dos podres da família.
Ponto2: Victoria dando “boas vindas” para Nolan com os bolinhos preparados pelo próprio Nolan.
Ponto3: Nolan não decora mais os nomes de quem ele sai, é melhor pra evitar confusão.
Ponto4: Margaux falando da entrada triunfal de Nolan na festa do episódio passado.
Ponto5: Conrad vai se confessar?

Talvez Você Curta

0 comentários

Comenta, gente, é nosso sarálio!

Subscribe