Person Of Interest 4x16: Blunt

terça-feira, março 10, 2015


A premissa dos casos da semana de Person não é muito variada. Normalmente suas histórias giram em torno de personagens que se veem com problemas muito maiores que imaginavam e precisam da ajuda de Finch e Reese. Blunt apresenta uma variação bem-vinda a esse cenário, com uma personagem que se vê ante a uma situação pior do que esperava mas que jamais foge dos perigos criados pelas suas próprias ações.

Mesmo que as armações de Harper jamais se conectassem a Dominic, e assim ficando completamente isoladas do resto da série, Blunt ainda seria um episódio interessante graças a sua protagonista. A capacidade que ela demonstra para ‘ler’ o ambiente que se encontra e imediatamente compreender com que tipo de pessoa esta lidando a transformam numa incógnita, que precisa ser resgatada ao mesmo tempo que já planeja como vai usar aqueles que vem em seu socorro para seus próprios fins.

Ao ligar Harper a Dominic, o roteiro consegue ao mesmo tempo desenvolver uma trama que se sustenta sozinha enquanto mostra como os negócios do traficante estão avançando sem torná-lo o centro da trama. Ele continua um vilão sem apelo, sendo ameaçador apenas por que o roteiro diz que ele é, jamais por ele de fato se mostrar uma figura temível. A constante arrogância, que parece mascarar uma irritação que jamais cessa – por que ele parece sempre estar irritado é um mistério – não o tornam mais intimidador, apenas tedioso.

Há também a trama de Root e as ordens crípticas da Máquina. A essa altura as ações dela ainda são bastante misteriosas, mas a mudança na narrativa, que antes jamais mostrava o que a hacker estava fazendo quando não estava ajudando Finch, sugere a iminência de algum evento importante. Talvez nos episódios futuros veremos o reverso, com Finch e Reese se afastando de seu trabalho diário para ajudar Root com seus planos.

Blunt foi, para um episódio isolado, excelente. Criou uma nova personagem interessante e a uniu de forma natural as tramas recorrentes.

Talvez Você Curta

0 comentários

Fala aí, seuslindos!

Disqus for Seriadores Anônimos

Subscribe